Editorial
Quarta, 02 Novembro 2022 12:40

Editorial: “Fazer saber o bem que se faz”

Escrito por
Em 11 de novembro de 1875, na igreja de Maria Auxiliadora, na Itália, Dom Bosco realizava o envio dos primeiros missionários salesianos para a Argentina. Àqueles jovens religiosos que partiam para levar o Evangelho a terras distantes e desconhecidas, Dom Bosco fez uma série de recomendações, entre as quais estava: “Cuidai de modo especial dos doentes, meninos, velhos e pobres, e ganharei as bênçãos de Deus e a benevolência dos homens”.    
Neste mês missionário, um missionário salesiano de Dom Bosco será elevado à gloria dos altares. Nossa Família Salesiana vibra de alegria, pois a espiritualidade salesiana, vivida no cotidiano, no ordinário da vida, nas pequenas coisas, produz santos!    
Tradicionalmente, na Igreja do Brasil, setembro é o “Mês da Bíblia” e a cada ano é proposto um livro da Bíblia para ser refletido e estudado nas comunidades. Para este ano foi escolhido o Livro de Josué, que nos leva a perceber que Deus nunca deixa sem respostas as pessoas e comunidades que a Ele se confiam.    
“Quando Dom Bosco decidiu fundar, com Maria Mazzarello, um Instituto destinado à educação das meninas da classe popular, escolheu ‘o belo dia de São Francisco de Sales’ (29 de janeiro de 1872) para realizar o primeiro ato de fundação, e colocou nelas o espírito salesiano da caridade e da liberdade”. Assim nos narra o padre Caviglia em “Fontes e testemunhos da primeira comunidade das Filhas de Maria Auxiliadora”.    
No Boletim Salesiano deste mês, o leitor poderá verificar que não nos interessa apenas divulgar ideias, mas, como disse o Papa Francisco, “ideias que vêm da experiência”.    
Domingo, 26 Junho 2022 16:45

Editorial: O Deus dos encontros

Escrito por
Lendo o artigo do Reitor-Mor sobre a sua viagem a Zimbábue, publicada na presente edição do Boletim Salesiano, lembrei-me de uma frase lida num dos livros sobre São Francisco de Sales, onde o autor mostra, num dos capítulos, como Deus faz com que pessoas se encontrem de modo significativo, mudando radicalmente as suas vidas.    
Página 1 de 14
Editorial
Quarta, 02 Novembro 2022 12:40

Editorial: “Fazer saber o bem que se faz”

Escrito por
Em 11 de novembro de 1875, na igreja de Maria Auxiliadora, na Itália, Dom Bosco realizava o envio dos primeiros missionários salesianos para a Argentina. Àqueles jovens religiosos que partiam para levar o Evangelho a terras distantes e desconhecidas, Dom Bosco fez uma série de recomendações, entre as quais estava: “Cuidai de modo especial dos doentes, meninos, velhos e pobres, e ganharei as bênçãos de Deus e a benevolência dos homens”.    
Neste mês missionário, um missionário salesiano de Dom Bosco será elevado à gloria dos altares. Nossa Família Salesiana vibra de alegria, pois a espiritualidade salesiana, vivida no cotidiano, no ordinário da vida, nas pequenas coisas, produz santos!    
Tradicionalmente, na Igreja do Brasil, setembro é o “Mês da Bíblia” e a cada ano é proposto um livro da Bíblia para ser refletido e estudado nas comunidades. Para este ano foi escolhido o Livro de Josué, que nos leva a perceber que Deus nunca deixa sem respostas as pessoas e comunidades que a Ele se confiam.    
“Quando Dom Bosco decidiu fundar, com Maria Mazzarello, um Instituto destinado à educação das meninas da classe popular, escolheu ‘o belo dia de São Francisco de Sales’ (29 de janeiro de 1872) para realizar o primeiro ato de fundação, e colocou nelas o espírito salesiano da caridade e da liberdade”. Assim nos narra o padre Caviglia em “Fontes e testemunhos da primeira comunidade das Filhas de Maria Auxiliadora”.    
No Boletim Salesiano deste mês, o leitor poderá verificar que não nos interessa apenas divulgar ideias, mas, como disse o Papa Francisco, “ideias que vêm da experiência”.    
Domingo, 26 Junho 2022 16:45

Editorial: O Deus dos encontros

Escrito por
Lendo o artigo do Reitor-Mor sobre a sua viagem a Zimbábue, publicada na presente edição do Boletim Salesiano, lembrei-me de uma frase lida num dos livros sobre São Francisco de Sales, onde o autor mostra, num dos capítulos, como Deus faz com que pessoas se encontrem de modo significativo, mudando radicalmente as suas vidas.    
Página 1 de 14