Editorial
Quinta, 03 Novembro 2016 12:00

Missionários para compartilhar a vida!

Escrito por
Dom Bosco sempre manteve vivo o ideal missionário entre os salesianos e jovens do seu tempo. Por outro lado, os missionários salesianos tornaram realidade o sonho dele de levar a salesianidade a terras indígenas e a outros povos fora da Europa. Eles foram pioneiros zelosos na construção do Reino por onde andaram. Não podemos também esquecer o apoio que os Salesianos Cooperadores deram para a concretização das missões salesianas. Eles sempre apoiaram Dom Bosco com recursos. E o Boletim Salesiano era o veículo que Dom Bosco usava para contar as histórias dos missionários de além-mar, tornar conhecida sua obra e conquistar a simpatia da sociedade civil, da Igreja e dos colaboradores e amigos. Certamente os jovens do oratório de então vibravam ao ouvir as histórias contadas pelos missionários que vinham visitar Dom Bosco.
Segunda, 09 Mai 2016 21:41

Auxiliadora, a mãe da misericórdia!

Escrito por
Maio é um mês muito importante para a Família Salesiana de Dom Bosco, pois Maria Auxiliadora é modelo e guia da nossa missão educativa e apostólica. Sabemos que nosso Pai e Mestre Dom Bosco cultivou de um modo todo especial a devoção a Maria. Na carta de identidade da Família salesiana é afirmado que nascemos da "solicitude materna da Imaculada Auxiliadora". Por isso nos entregamos cotidianamente aos seus cuidados para cumprir com generosidade nossa missão e reconhecemos seu auxílio nos momentos de alegrias e de dificuldades. Como disse São Francisco de Sales às suas religiosas: “Maria é a particular auxiliadora das almas que se dedicam a Nosso Senhor”.
Quarta, 16 Março 2016 09:09

Alegria e espiritualidade cotidianas

Escrito por
Todos nós, da Família Salesiana procuramos vivenciar a espiritualidade do cotidiano, herdada de São Francisco de Sales e de Dom Bosco, que tem características próprias. O Reitor-mor, neste mês, chama a atenção para alguns destes aspectos, no artigo que escreveu sobre "a nossa festa de Caná cotidiana". Jesus nos diz, neste tempo quaresmal, que quando jejuarmos, não devemos ficar com o rosto triste... também diz em outro texto: "por acaso, os amigos do noivo podem estar de luto enquanto o noivo está com eles?". A nossa espiritualidade se caracteriza pela festa, pela alegria cotidiana, pela presença de uma Mãe e Mestra, por necessidades que aparecem ao longo da caminhada e pelos frutos que vamos colhendo. Enfim, como diz o padre Ángel, citando Dom Bosco, que "o sistema preventivo seja mesmo nosso". Na nossa preparação para a Páscoa refletimos sobre o saneamento básico, tema da Campanha Ecumênica da Fraternidade: "Casa comum, nossa responsabilidade". Temos muito claro entre nós o conceito de "casa que acolhe". E por isso, como Família Salesiana, lembramos também que estamos inseridos nesta "casa comum", que é o mundo onde vivemos e onde queremos garantir para as crianças e os jovens um futuro promissor, com saneamento básico para todos, especialmente para os pobres, que são os nossos destinatários. Iago Ervanovite, em seu artigo "Um jeito jovem de viver o tempo quaresmal”, nos mostra que "esta experiência possibilita a todos os cristãos, mas principalmente aos jovens, encontrar um sentido mais concreto e prático ao seu sacrifício em jejum, à sua caridade praticada e à sua oração". Que na Páscoa deste ano possamos viver a misericórdia que transforma o nosso coração e nos faz experimentar, como afirma o Papa Francisco, "um amor fiel, tornando-o assim, por sua vez, capaz de misericórdia" para com todas as pessoas com as quais nos encontramos no dia a dia de nossas vidas.    
Segunda, 11 Janeiro 2016 19:23

“Sede misericordiosos...”

Escrito por
O Boletim Salesiano abre a primeira edição de 2016 com uma matéria relevante para a nossa vida cotidiana: viver, ao longo do ano, a virtude da misericórdia, dentro da celebração de um “Ano Santo extraordinário” que iniciou no cinquentenário do encerramento do Concílio Vaticano II.
Terça, 03 Novembro 2015 13:46

Agradecer, sempre!

Escrito por
Ao iniciar o mês de novembro, ouvimos com frequência: “O ano já acabou”! A roda-viva da vida parece nos envolver ou engolir com muita rapidez, para não dizer, com muita voracidade. Ao mesmo tempo, a perspectiva de mais um final de ano pode nos proporcionar também sentimentos bons e belos. Particularmente, este ano, marcado por tantos desafios políticos, econômicos e sociais, é muito importante ressaltar e reforçar os sentimentos positivos de esperança e gratidão.
Terça, 08 Setembro 2015 13:24

Deus continua explicando

Escrito por
Ao encerrar o mês de agosto, celebrado com tanto gosto e entusiasmo, estamos curtindo um misto de saudade e de santa inquietação. Os festejos e eventos marcados com sabor de aniversário apontam para um esperançoso futuro com os jovens e para os jovens. A incrível originalidade revelada em cada homenagem do bicentenário mostra a inesgotável possibilidade desta fonte que nasce do coração e das mãos de Dom Bosco. Passada a celebração festiva, o cotidiano continua interpelando os filhos e as filhas espirituais de Dom Bosco. Ao iniciarmos novamente o mês de setembro, instintivamente nossa mente nos conduz para a Sagrada Escritura.
Editorial
Quinta, 03 Novembro 2016 12:00

Missionários para compartilhar a vida!

Escrito por
Dom Bosco sempre manteve vivo o ideal missionário entre os salesianos e jovens do seu tempo. Por outro lado, os missionários salesianos tornaram realidade o sonho dele de levar a salesianidade a terras indígenas e a outros povos fora da Europa. Eles foram pioneiros zelosos na construção do Reino por onde andaram. Não podemos também esquecer o apoio que os Salesianos Cooperadores deram para a concretização das missões salesianas. Eles sempre apoiaram Dom Bosco com recursos. E o Boletim Salesiano era o veículo que Dom Bosco usava para contar as histórias dos missionários de além-mar, tornar conhecida sua obra e conquistar a simpatia da sociedade civil, da Igreja e dos colaboradores e amigos. Certamente os jovens do oratório de então vibravam ao ouvir as histórias contadas pelos missionários que vinham visitar Dom Bosco.
Segunda, 09 Mai 2016 21:41

Auxiliadora, a mãe da misericórdia!

Escrito por
Maio é um mês muito importante para a Família Salesiana de Dom Bosco, pois Maria Auxiliadora é modelo e guia da nossa missão educativa e apostólica. Sabemos que nosso Pai e Mestre Dom Bosco cultivou de um modo todo especial a devoção a Maria. Na carta de identidade da Família salesiana é afirmado que nascemos da "solicitude materna da Imaculada Auxiliadora". Por isso nos entregamos cotidianamente aos seus cuidados para cumprir com generosidade nossa missão e reconhecemos seu auxílio nos momentos de alegrias e de dificuldades. Como disse São Francisco de Sales às suas religiosas: “Maria é a particular auxiliadora das almas que se dedicam a Nosso Senhor”.
Quarta, 16 Março 2016 09:09

Alegria e espiritualidade cotidianas

Escrito por
Todos nós, da Família Salesiana procuramos vivenciar a espiritualidade do cotidiano, herdada de São Francisco de Sales e de Dom Bosco, que tem características próprias. O Reitor-mor, neste mês, chama a atenção para alguns destes aspectos, no artigo que escreveu sobre "a nossa festa de Caná cotidiana". Jesus nos diz, neste tempo quaresmal, que quando jejuarmos, não devemos ficar com o rosto triste... também diz em outro texto: "por acaso, os amigos do noivo podem estar de luto enquanto o noivo está com eles?". A nossa espiritualidade se caracteriza pela festa, pela alegria cotidiana, pela presença de uma Mãe e Mestra, por necessidades que aparecem ao longo da caminhada e pelos frutos que vamos colhendo. Enfim, como diz o padre Ángel, citando Dom Bosco, que "o sistema preventivo seja mesmo nosso". Na nossa preparação para a Páscoa refletimos sobre o saneamento básico, tema da Campanha Ecumênica da Fraternidade: "Casa comum, nossa responsabilidade". Temos muito claro entre nós o conceito de "casa que acolhe". E por isso, como Família Salesiana, lembramos também que estamos inseridos nesta "casa comum", que é o mundo onde vivemos e onde queremos garantir para as crianças e os jovens um futuro promissor, com saneamento básico para todos, especialmente para os pobres, que são os nossos destinatários. Iago Ervanovite, em seu artigo "Um jeito jovem de viver o tempo quaresmal”, nos mostra que "esta experiência possibilita a todos os cristãos, mas principalmente aos jovens, encontrar um sentido mais concreto e prático ao seu sacrifício em jejum, à sua caridade praticada e à sua oração". Que na Páscoa deste ano possamos viver a misericórdia que transforma o nosso coração e nos faz experimentar, como afirma o Papa Francisco, "um amor fiel, tornando-o assim, por sua vez, capaz de misericórdia" para com todas as pessoas com as quais nos encontramos no dia a dia de nossas vidas.    
Segunda, 11 Janeiro 2016 19:23

“Sede misericordiosos...”

Escrito por
O Boletim Salesiano abre a primeira edição de 2016 com uma matéria relevante para a nossa vida cotidiana: viver, ao longo do ano, a virtude da misericórdia, dentro da celebração de um “Ano Santo extraordinário” que iniciou no cinquentenário do encerramento do Concílio Vaticano II.
Terça, 03 Novembro 2015 13:46

Agradecer, sempre!

Escrito por
Ao iniciar o mês de novembro, ouvimos com frequência: “O ano já acabou”! A roda-viva da vida parece nos envolver ou engolir com muita rapidez, para não dizer, com muita voracidade. Ao mesmo tempo, a perspectiva de mais um final de ano pode nos proporcionar também sentimentos bons e belos. Particularmente, este ano, marcado por tantos desafios políticos, econômicos e sociais, é muito importante ressaltar e reforçar os sentimentos positivos de esperança e gratidão.
Terça, 08 Setembro 2015 13:24

Deus continua explicando

Escrito por
Ao encerrar o mês de agosto, celebrado com tanto gosto e entusiasmo, estamos curtindo um misto de saudade e de santa inquietação. Os festejos e eventos marcados com sabor de aniversário apontam para um esperançoso futuro com os jovens e para os jovens. A incrível originalidade revelada em cada homenagem do bicentenário mostra a inesgotável possibilidade desta fonte que nasce do coração e das mãos de Dom Bosco. Passada a celebração festiva, o cotidiano continua interpelando os filhos e as filhas espirituais de Dom Bosco. Ao iniciarmos novamente o mês de setembro, instintivamente nossa mente nos conduz para a Sagrada Escritura.