Maria, nossa Auxiliadora!

Monday, 11 May 2020 11:18 Written by  Pe. Tarcizio Paulo Odelli, SDB
Maria certamente foi uma pessoa que sofreu muito. Basta olharmos os poucos textos do Evangelho para percebermos isso. Porém, não foi um sofrimento em vão, um sofrer somente por sofrer, sem sentido, mas um sofrimento aliado a tudo aquilo que o seu Filho fez, a obra da Salvação da humanidade. Em tudo sempre ela realizou a vontade de Deus. Desde o sim que foi dado na anunciação ela se entregou totalmente nas mãos de Deus.  

Estamos vivenciando momentos muito difíceis na nossa vida, com o coronavírus presente em todos os países do mundo, fazendo tantas vítimas. O mês de maio, mês mariano, nos recorda a fiel discípula missionária de Jesus: Maria. Também recordamos que o povo cristão, desde o início, viu em Maria uma aliada, uma protetora, uma auxiliadora nos momentos difíceis da vida, principalmente aqueles ligados a doenças. Quantos milagres aconteceram ao longo da história do cristianismo ligados à intervenção de Maria?! O próprio Dom Bosco a viu, na oração por ele composta, como “defensora da Igreja, auxílio maravilhoso dos cristãos”. Ao mesmo tempo pedia que ela fosse auxiliadora “nas nossas angústias, nas nossas lutas, nas nossas aflições”.

 

Desde o início do cristianismo Maria está presente, assim como se fez presente em todos os grandes momentos da vida de Jesus. Em Pentecoste ela está com os discípulos do seu Filho, orando com eles e invocando a vinda do Espírito Santo. Depois, os cristãos sempre a invocaram como auxiliadora.

 

No ano de 476, Proclo afirmava que “a Mãe de Deus é nossa Auxiliadora porque nos traz auxílios do alto”. Em 733, o arcebispo de Constantinopla, São Germano, disse durante um sermão: “Oh, Maria, tu és poderosa Auxiliadora dos pobres; valente Auxiliadora contra os inimigos da fé. Auxiliadora dos exércitos para que defendam a pátria. Auxiliadora dos governantes para que consigam o bem-estar. Auxiliadora do povo humilde que necessita da tua ajuda”. Alguns anos depois, em 749, São João Damasceno, conhecido por ser um bom pregador, disse que “a Virgem é Auxiliadora para conseguir a Salvação, evitar os perigos e Auxiliadora na hora da morte”; além disso, ele é o primeiro que utiliza a invocação: “Maria Auxiliadora, rogai por nós” e convida a todos para repeti-la constantemente.

 

Este Boletim Salesiano, além de dar destaque à figura de Maria, Imaculada e Auxiliadora na nossa Família Salesiana, trata de alguns assuntos muito interessantes nestes tempos de pandemia. Vemos ações de solidariedade que os filhos de Dom Bosco realizam aqui no Brasil e em outras partes do mundo em prol daqueles que mais sofrem com o coronavírus. Destacamos também a ação educativa dos Salesianos e Salesianas com adolescentes que cumprem medida de internação. Na editoria de Salesianidade, este mês o santo escolhido é São Domingos Sávio. Em 1854, logo depois de entrar no Oratório de Dom Bosco, ele se envolveu na ajuda aos doentes do cólera, que ainda estava fazendo vítimas em Turim.

 

Apesar do mal que nos cerca, maio é o mês mariano para a Família Salesiana que, neste ano, será celebrado de modo diferente, sem manifestações públicas, mas com o fervor de sempre. O Reitor-mor nos lembra que “Dom Bosco recomendou-nos sempre que tenhamos confiança em Maria Auxiliadora, e veremos o que são milagres. Não percamos esta fé nem a esperança que devem caracterizar-nos. Que Maria Auxiliadora continue a levar-nos pela mão como Mãe”, assim como ela fez com Joãozinho Bosco no sonho dos nove anos. Assim ela será sempre a nossa Auxiliadora!   

Rate this item
(0 votes)

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.


Maria, nossa Auxiliadora!

Monday, 11 May 2020 11:18 Written by  Pe. Tarcizio Paulo Odelli, SDB
Maria certamente foi uma pessoa que sofreu muito. Basta olharmos os poucos textos do Evangelho para percebermos isso. Porém, não foi um sofrimento em vão, um sofrer somente por sofrer, sem sentido, mas um sofrimento aliado a tudo aquilo que o seu Filho fez, a obra da Salvação da humanidade. Em tudo sempre ela realizou a vontade de Deus. Desde o sim que foi dado na anunciação ela se entregou totalmente nas mãos de Deus.  

Estamos vivenciando momentos muito difíceis na nossa vida, com o coronavírus presente em todos os países do mundo, fazendo tantas vítimas. O mês de maio, mês mariano, nos recorda a fiel discípula missionária de Jesus: Maria. Também recordamos que o povo cristão, desde o início, viu em Maria uma aliada, uma protetora, uma auxiliadora nos momentos difíceis da vida, principalmente aqueles ligados a doenças. Quantos milagres aconteceram ao longo da história do cristianismo ligados à intervenção de Maria?! O próprio Dom Bosco a viu, na oração por ele composta, como “defensora da Igreja, auxílio maravilhoso dos cristãos”. Ao mesmo tempo pedia que ela fosse auxiliadora “nas nossas angústias, nas nossas lutas, nas nossas aflições”.

 

Desde o início do cristianismo Maria está presente, assim como se fez presente em todos os grandes momentos da vida de Jesus. Em Pentecoste ela está com os discípulos do seu Filho, orando com eles e invocando a vinda do Espírito Santo. Depois, os cristãos sempre a invocaram como auxiliadora.

 

No ano de 476, Proclo afirmava que “a Mãe de Deus é nossa Auxiliadora porque nos traz auxílios do alto”. Em 733, o arcebispo de Constantinopla, São Germano, disse durante um sermão: “Oh, Maria, tu és poderosa Auxiliadora dos pobres; valente Auxiliadora contra os inimigos da fé. Auxiliadora dos exércitos para que defendam a pátria. Auxiliadora dos governantes para que consigam o bem-estar. Auxiliadora do povo humilde que necessita da tua ajuda”. Alguns anos depois, em 749, São João Damasceno, conhecido por ser um bom pregador, disse que “a Virgem é Auxiliadora para conseguir a Salvação, evitar os perigos e Auxiliadora na hora da morte”; além disso, ele é o primeiro que utiliza a invocação: “Maria Auxiliadora, rogai por nós” e convida a todos para repeti-la constantemente.

 

Este Boletim Salesiano, além de dar destaque à figura de Maria, Imaculada e Auxiliadora na nossa Família Salesiana, trata de alguns assuntos muito interessantes nestes tempos de pandemia. Vemos ações de solidariedade que os filhos de Dom Bosco realizam aqui no Brasil e em outras partes do mundo em prol daqueles que mais sofrem com o coronavírus. Destacamos também a ação educativa dos Salesianos e Salesianas com adolescentes que cumprem medida de internação. Na editoria de Salesianidade, este mês o santo escolhido é São Domingos Sávio. Em 1854, logo depois de entrar no Oratório de Dom Bosco, ele se envolveu na ajuda aos doentes do cólera, que ainda estava fazendo vítimas em Turim.

 

Apesar do mal que nos cerca, maio é o mês mariano para a Família Salesiana que, neste ano, será celebrado de modo diferente, sem manifestações públicas, mas com o fervor de sempre. O Reitor-mor nos lembra que “Dom Bosco recomendou-nos sempre que tenhamos confiança em Maria Auxiliadora, e veremos o que são milagres. Não percamos esta fé nem a esperança que devem caracterizar-nos. Que Maria Auxiliadora continue a levar-nos pela mão como Mãe”, assim como ela fez com Joãozinho Bosco no sonho dos nove anos. Assim ela será sempre a nossa Auxiliadora!   

Rate this item
(0 votes)

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.