O coração solidário da juventude Featured

Tuesday, 15 September 2020 15:49 Written by  Camila Santos
Juventude salesiana de Niterói, RJ, participa de campanha de solidariedade e prova que o protagonismo juvenil pode, sim, realizar o milagre da multiplicação.  

Uma campanha abraçada pelos jovens. É assim que podemos descrever a “Campanha da Solidariedade Salesiana” que, desde o início da pandemia da Covid-19, está mobilizando centenas de jovens ligados à Pastoral Juvenil Salesiana de Niterói, RJ.

 

A campanha foi iniciada em março, após a suspensão das atividades do Centro Juvenil Oratório Mamãe Margarida (CEJOMM), para arrecadar alimentos não perecíveis, além de produtos de higiene pessoal e doméstica para as famílias dos atendidos. “Conhecendo a realidade das famílias e com a ausência dos educadores da obra social para prestar certa assistência, decidi convocar os jovens e a Família Salesiana para essa campanha”, conta o padre Denis Dutra Marques, SDB, idealizador do projeto.

 

Imediatamente, a campanha foi assumida por grupos da Família Salesiana, paroquianos, professores, alunos dos colégios salesianos e seus familiares e por centenas de jovens da Pastoral Juvenil Salesiana de Niterói (Juventude Missionária Salesiana, Pastoral Juvenil Estudantil, Pastoral Juvenil Estudantil dos Ex-alunos, Encontro de Adolescentes com Cristo, Encontro de Jovens com Cristo).

 

Protagonismo juvenil

Uma das jovens que abraçou essa iniciativa foi a aluna do ensino médio do Colégio Salesiano Região Oceânica, Beatriz Teixeira Rangel, que está participando da montagem e distribuição das cestas básicas. Para ela, o envolvimento na campanha a fez refletir sobre o quanto ela é privilegiada. “Claro que está sendo um momento difícil para todos, mas às vezes reclamamos de tão pouco e as pessoas que menos têm são apenas gratas por estarmos ajudando-as”, analisa a jovem.

 

Por conta do isolamento social, imposto para conter a pandemia, muitos jovens não estiveram presentes no colégio para a montagem e distribuição das cestas básicas e dos kits de higiene, mas ajudaram a fazer a divulgação nas redes sociais. “Eles exerceram um apostolado incrível por meio das redes sociais, compartilhando informações sobre a campanha entre seus familiares, amigos e vizinhos. Eles, por conta própria, imprimiram panfletos e distribuíram entre os moradores de seus condomínios e prédios”, relata o padre Denis.

 

Outra iniciativa dos jovens, mais especificamente da Juventude Missionária Salesiana, foi criar uma campanha de financiamento coletivo pela internet (Vakinha on-line), para subsidiar compras em supermercados. “Isso foi fundamental para a Campanha da Solidariedade Salesiana, já que, assim, as pessoas podem ajudar sem sair de casa”, conta o jovem Vinícius Fernandes Vilas Bôas, integrante da JMS, PJEx e EAC, que também está à frente da campanha.

 

Confiando na divina providência

No mês de maio, os jovens que participam da campanha procuraram o padre Denis para conversar, pois estavam apreensivos com a diminuição significativa nas doações de alimentos. “Os jovens me procuraram bastante apreensivos, mas eu disse para eles confiarem em Maria Auxiliadora, era o mês da festa dela. E contei histórias de Dom Bosco, do quanto a providência divina o havia favorecido, por incontáveis vezes, ao longo dos anos”, conta padre Denis.

 

Segundo ele, os jovens ficaram impressionados, confiaram na providência e rezaram pedindo a intercessão de São João Bosco e Maria Auxiliadora. Para a surpresa de todos, naquela mesma semana eles receberam uma doação tão volumosa que puderam não só atender às famílias cadastradas na campanha, como também ajudar três Conferências Vicentinas, que não haviam conseguido arrecadar o suficiente para os seus atendidos naquele mês. “Foi impressionante! Um verdadeiro milagre da providência divina, e isso me emociona não só pela ‘multiplicação dos pães’, mas por essa experiência ter sido vivida tão profundamente pelos jovens”, relata o padre Denis, afirmando que daquele momento em diante os jovens perceberam que Deus conduzia a Campanha de Solidariedade Salesiana de Niterói.

 

Solidariedade em números

Até o momento já foram distribuídas cerca de 900 cestas básicas e 300 kits de higiene, além de 200 máscaras e 300 agasalhos, sendo 150 novos. Ao todo, 286 famílias são atendidas pela campanha.

 

Coleta:

- Colégio Salesiano Santa Rosa: Rua Santa Rosa, 207 - Santa Rosa, Niterói, RJ

- Colégio Salesiano Região Oceânica: Rua Dr. Cornélio de Melo Júnior, 117 - Piratininga, Niterói, RJ

- Vakinha on-line: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajude-a-jms-na-compra-de-alimentos-para-cestas-basicas

 

Leia também

Comunidades carentes de Niterói (RJ) recebem ajuda dos salesianos

Juntos para fortalecer a ação social salesiana

Unidos somos mais fortes

 

Rate this item
(1 Vote)

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.


O coração solidário da juventude Featured

Tuesday, 15 September 2020 15:49 Written by  Camila Santos
Juventude salesiana de Niterói, RJ, participa de campanha de solidariedade e prova que o protagonismo juvenil pode, sim, realizar o milagre da multiplicação.  

Uma campanha abraçada pelos jovens. É assim que podemos descrever a “Campanha da Solidariedade Salesiana” que, desde o início da pandemia da Covid-19, está mobilizando centenas de jovens ligados à Pastoral Juvenil Salesiana de Niterói, RJ.

 

A campanha foi iniciada em março, após a suspensão das atividades do Centro Juvenil Oratório Mamãe Margarida (CEJOMM), para arrecadar alimentos não perecíveis, além de produtos de higiene pessoal e doméstica para as famílias dos atendidos. “Conhecendo a realidade das famílias e com a ausência dos educadores da obra social para prestar certa assistência, decidi convocar os jovens e a Família Salesiana para essa campanha”, conta o padre Denis Dutra Marques, SDB, idealizador do projeto.

 

Imediatamente, a campanha foi assumida por grupos da Família Salesiana, paroquianos, professores, alunos dos colégios salesianos e seus familiares e por centenas de jovens da Pastoral Juvenil Salesiana de Niterói (Juventude Missionária Salesiana, Pastoral Juvenil Estudantil, Pastoral Juvenil Estudantil dos Ex-alunos, Encontro de Adolescentes com Cristo, Encontro de Jovens com Cristo).

 

Protagonismo juvenil

Uma das jovens que abraçou essa iniciativa foi a aluna do ensino médio do Colégio Salesiano Região Oceânica, Beatriz Teixeira Rangel, que está participando da montagem e distribuição das cestas básicas. Para ela, o envolvimento na campanha a fez refletir sobre o quanto ela é privilegiada. “Claro que está sendo um momento difícil para todos, mas às vezes reclamamos de tão pouco e as pessoas que menos têm são apenas gratas por estarmos ajudando-as”, analisa a jovem.

 

Por conta do isolamento social, imposto para conter a pandemia, muitos jovens não estiveram presentes no colégio para a montagem e distribuição das cestas básicas e dos kits de higiene, mas ajudaram a fazer a divulgação nas redes sociais. “Eles exerceram um apostolado incrível por meio das redes sociais, compartilhando informações sobre a campanha entre seus familiares, amigos e vizinhos. Eles, por conta própria, imprimiram panfletos e distribuíram entre os moradores de seus condomínios e prédios”, relata o padre Denis.

 

Outra iniciativa dos jovens, mais especificamente da Juventude Missionária Salesiana, foi criar uma campanha de financiamento coletivo pela internet (Vakinha on-line), para subsidiar compras em supermercados. “Isso foi fundamental para a Campanha da Solidariedade Salesiana, já que, assim, as pessoas podem ajudar sem sair de casa”, conta o jovem Vinícius Fernandes Vilas Bôas, integrante da JMS, PJEx e EAC, que também está à frente da campanha.

 

Confiando na divina providência

No mês de maio, os jovens que participam da campanha procuraram o padre Denis para conversar, pois estavam apreensivos com a diminuição significativa nas doações de alimentos. “Os jovens me procuraram bastante apreensivos, mas eu disse para eles confiarem em Maria Auxiliadora, era o mês da festa dela. E contei histórias de Dom Bosco, do quanto a providência divina o havia favorecido, por incontáveis vezes, ao longo dos anos”, conta padre Denis.

 

Segundo ele, os jovens ficaram impressionados, confiaram na providência e rezaram pedindo a intercessão de São João Bosco e Maria Auxiliadora. Para a surpresa de todos, naquela mesma semana eles receberam uma doação tão volumosa que puderam não só atender às famílias cadastradas na campanha, como também ajudar três Conferências Vicentinas, que não haviam conseguido arrecadar o suficiente para os seus atendidos naquele mês. “Foi impressionante! Um verdadeiro milagre da providência divina, e isso me emociona não só pela ‘multiplicação dos pães’, mas por essa experiência ter sido vivida tão profundamente pelos jovens”, relata o padre Denis, afirmando que daquele momento em diante os jovens perceberam que Deus conduzia a Campanha de Solidariedade Salesiana de Niterói.

 

Solidariedade em números

Até o momento já foram distribuídas cerca de 900 cestas básicas e 300 kits de higiene, além de 200 máscaras e 300 agasalhos, sendo 150 novos. Ao todo, 286 famílias são atendidas pela campanha.

 

Coleta:

- Colégio Salesiano Santa Rosa: Rua Santa Rosa, 207 - Santa Rosa, Niterói, RJ

- Colégio Salesiano Região Oceânica: Rua Dr. Cornélio de Melo Júnior, 117 - Piratininga, Niterói, RJ

- Vakinha on-line: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajude-a-jms-na-compra-de-alimentos-para-cestas-basicas

 

Leia também

Comunidades carentes de Niterói (RJ) recebem ajuda dos salesianos

Juntos para fortalecer a ação social salesiana

Unidos somos mais fortes

 

Rate this item
(1 Vote)

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.