Um Menino Deus que nos ama!

Thursday, 12 December 2019 10:06 Written by  Pe. Tarcizio Paulo Odelli
Um Menino Deus que nos ama! iStock.com
“Veja, Cristo vem para nos procurar, a Igreja nos convida, para o acolher bem”. Assim falou São Francisco de Sales na pregação do 1º domingo do Advento de 1610. Por isso o Conselho Editorial e a Redação do Boletim Salesiano optaram por fazer uma edição dedicada a esta grande festa do cristianismo, que é o Natal.  

Uma grande tarefa da Igreja, e creio que também da Família Salesiana, será a de “recristianizar” o Natal, ou seja, colocar Jesus Cristo novamente no centro da festa, pois como sabemos, atualmente outro personagem ocupa o seu lugar. E a festa do Natal, que tinha um sentido religioso muito grande, foi perdendo espaço para o “Natal comercial” e para o Natal em que só se pensa em festas e troca de presentes.

 

Nestas semanas que precedem o Natal, o Papa Francisco lançou uma Carta Apostólica, chamada “Admirável sinal”, na qual ele fala sobre o sinal e o significado do Presépio. É muito importante ler o conteúdo desta carta. Logo no início, o Papa afirma que “representar o acontecimento da natividade de Jesus equivale a anunciar, com simplicidade e alegria, o mistério da encarnação do Filho de Deus. De fato, o Presépio é como um Evangelho vivo que transvaza das páginas da Sagrada Escritura. Ao mesmo tempo que contemplamos a representação do Natal, somos convidados a colocar-nos espiritualmente a caminho, atraídos pela humildade d’Aquele que Se fez homem a fim de Se encontrar com todo o homem, e a descobrirmos que nos ama tanto, que Se uniu a nós para podermos, também nós, unir-nos a Ele”.

 

Dom Bosco e Madre Mazzarello valorizavam muito a festa do Natal, como está descrito na presente edição deste Boletim. E nós, como seus filhos e filhas, desejamos continuar valorizando o Natal.

 

O Papa apresenta uma maneira para se dar continuidade ao sinal do presépio. Creio que aqui entramos nós, como educadores e educadoras. Ele diz que quando somos crianças, aprendemos com nossos avós e nossos pais este “gracioso costume, que encerra uma rica espiritualidade popular. Almejo que esta prática nunca desapareça; mais, espero que a mesma, onde porventura tenha caído em desuso, se possa redescobrir e revitalizar.” E ele incentiva e apoia “a tradição bonita das nossas famílias prepararem o Presépio, nos dias que antecedem o Natal, e também o costume de o armarem nos lugares de trabalho, nas escolas, nos hospitais, nos estabelecimentos prisionais, nas praças…”

 

“Entre nós, Menino Deus, vos queremos conservar!”, diz a canção natalina composta por Dom Bosco. E o Papa afirma que “o coração do Presépio começa a palpitar, quando colocamos lá, no Natal, a figura do Menino Jesus. Assim Se nos apresenta Deus, num menino, para fazer-Se acolher nos nossos braços. Naquela fraqueza e fragilidade, esconde o seu poder que tudo cria e transforma. Parece impossível, mas é assim: em Jesus, Deus, foi criança e, nesta condição, quis revelar a grandeza do seu amor, que se manifesta num sorriso e nas suas mãos estendidas para quem quer que seja.”

 

Que o Menino Jesus possa estar presente em cada um de nós para que possamos celebrar este Natal com muita alegria e felicidade e que Ele nos ensine sempre a grandeza do seu amor, manifestada nas suas mãos estendidas, como o vemos também no colo de Nossa Senhora Auxiliadora.

 

Feliz Natal a todos os nossos leitores!

Rate this item
(0 votes)
Last modified on Thursday, 12 December 2019 10:14

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.


Um Menino Deus que nos ama!

Thursday, 12 December 2019 10:06 Written by  Pe. Tarcizio Paulo Odelli
Um Menino Deus que nos ama! iStock.com
“Veja, Cristo vem para nos procurar, a Igreja nos convida, para o acolher bem”. Assim falou São Francisco de Sales na pregação do 1º domingo do Advento de 1610. Por isso o Conselho Editorial e a Redação do Boletim Salesiano optaram por fazer uma edição dedicada a esta grande festa do cristianismo, que é o Natal.  

Uma grande tarefa da Igreja, e creio que também da Família Salesiana, será a de “recristianizar” o Natal, ou seja, colocar Jesus Cristo novamente no centro da festa, pois como sabemos, atualmente outro personagem ocupa o seu lugar. E a festa do Natal, que tinha um sentido religioso muito grande, foi perdendo espaço para o “Natal comercial” e para o Natal em que só se pensa em festas e troca de presentes.

 

Nestas semanas que precedem o Natal, o Papa Francisco lançou uma Carta Apostólica, chamada “Admirável sinal”, na qual ele fala sobre o sinal e o significado do Presépio. É muito importante ler o conteúdo desta carta. Logo no início, o Papa afirma que “representar o acontecimento da natividade de Jesus equivale a anunciar, com simplicidade e alegria, o mistério da encarnação do Filho de Deus. De fato, o Presépio é como um Evangelho vivo que transvaza das páginas da Sagrada Escritura. Ao mesmo tempo que contemplamos a representação do Natal, somos convidados a colocar-nos espiritualmente a caminho, atraídos pela humildade d’Aquele que Se fez homem a fim de Se encontrar com todo o homem, e a descobrirmos que nos ama tanto, que Se uniu a nós para podermos, também nós, unir-nos a Ele”.

 

Dom Bosco e Madre Mazzarello valorizavam muito a festa do Natal, como está descrito na presente edição deste Boletim. E nós, como seus filhos e filhas, desejamos continuar valorizando o Natal.

 

O Papa apresenta uma maneira para se dar continuidade ao sinal do presépio. Creio que aqui entramos nós, como educadores e educadoras. Ele diz que quando somos crianças, aprendemos com nossos avós e nossos pais este “gracioso costume, que encerra uma rica espiritualidade popular. Almejo que esta prática nunca desapareça; mais, espero que a mesma, onde porventura tenha caído em desuso, se possa redescobrir e revitalizar.” E ele incentiva e apoia “a tradição bonita das nossas famílias prepararem o Presépio, nos dias que antecedem o Natal, e também o costume de o armarem nos lugares de trabalho, nas escolas, nos hospitais, nos estabelecimentos prisionais, nas praças…”

 

“Entre nós, Menino Deus, vos queremos conservar!”, diz a canção natalina composta por Dom Bosco. E o Papa afirma que “o coração do Presépio começa a palpitar, quando colocamos lá, no Natal, a figura do Menino Jesus. Assim Se nos apresenta Deus, num menino, para fazer-Se acolher nos nossos braços. Naquela fraqueza e fragilidade, esconde o seu poder que tudo cria e transforma. Parece impossível, mas é assim: em Jesus, Deus, foi criança e, nesta condição, quis revelar a grandeza do seu amor, que se manifesta num sorriso e nas suas mãos estendidas para quem quer que seja.”

 

Que o Menino Jesus possa estar presente em cada um de nós para que possamos celebrar este Natal com muita alegria e felicidade e que Ele nos ensine sempre a grandeza do seu amor, manifestada nas suas mãos estendidas, como o vemos também no colo de Nossa Senhora Auxiliadora.

 

Feliz Natal a todos os nossos leitores!

Rate this item
(0 votes)
Last modified on Thursday, 12 December 2019 10:14

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.