Sob a sombra das tuas asas

Thursday, 12 December 2019 09:56 Written by  Pe. Sérgio Lúcio Alho da Costa, SDB
É bem a propósito o lema que Dom Lustosa escolheu para si, pois foi exatamente essa paternidade pastoral e bem salesiana que ele viveu nos 88 anos de consagração missionária e evangelizadora.  

Sub umbra alarum tuarum – “Sob a sombra das tuas asas” – é o trecho do Salmo 17,8 que dom Antônio de Almeida Lustosa escolheu para ser o seu lema pastoral, como salesiano bispo. No lema bíblico, o salmista canta a realidade de um Deus cheio de amor, que na sua paternidade protege seus filhos como a ave que abriga seus filhotes sob as asas. Jesus vai retomar essa bela figura explicitando ainda mais o seu desejo de reunir os filhos, “como a galinha ajunta os pintinhos debaixo de suas asas” (Mt 23,37).

É bem a propósito o lema que Dom Lustosa escolheu para si, pois foi exatamente essa paternidade pastoral e bem salesiana que ele viveu nos 88 anos de consagração missionária e evangelizadora, que Deus lhe permitiu viver.

 

Doação aos mais pobres

Neste ano de 2019, celebramos os 45 anos do nascimento para o céu deste irmão consagrado nas fileiras dos filhos de Dom Bosco. Nascido em São João Del Rei, MG, em 11 de fevereiro de 1886, ele foi um dos salesianos de maior destaque no trabalho da difusão do carisma de Dom Bosco no Brasil. Ordenou-se sacerdote no dia 28 de janeiro de 1911. Lecionou Filosofia e Teologia. Foi mestre de Noviços e diretor de várias casas salesianas. Ordenou-se bispo aos 11 de fevereiro de 1925, aos 39 anos de idade. Pela sua privilegiada capacidade intelectual e pastoral exerceu o ministério episcopal nas seguintes dioceses:

  • Uberaba, MG, por 4 anos
  • Corumbá, MS, por 2 anos
  • Belém, PA, por 10 anos
  • Fortaleza, CE, por 22 anos

Em cada presença abundam os testemunhos e depoimentos de vida virtuosa e de generosa doação, no trato para com os mais pobres e no zelo para o crescimento da Igreja de Cristo. Destaca-se a criação, em Fortaleza, do Hospital São José e de 14 postos médicos para aliviar o sofrimento dos tuberculosos, vítimas do flagelo da seca. Grande comunicador, fundou a Rádio Assunção, para evangelizar através do MEB – Movimento de Educação de Base, além de ter sido diretor do jornal O Nordeste e escritor de numerosos artigos e poemas. Fundou a Congregação Religiosa feminina das Josefinas. Amou os pobres, sobretudo o povo sofrido do sertão cearense.

Terminado o seu tempo de pastoreio como arcebispo de Fortaleza, em 1963 regressou com humildade e obediência para o seio da Congregação Salesiana. Ficou na Casa Salesiana de Carpina, PE, oferecendo ainda por bem 11 anos o seu ministério sacerdotal para os alunos, religiosos e fiéis do Colégio e da Paróquia salesina em Carpina. Dom Antonio de Almeida Lustosa veio a falecer numa quarta-feira, 14 de agosto de 1974.

 

Vida e virtudes evangélicas

Hoje avança na Igreja, através da Congregação Salesiana, a redação final da Positio super virtutibus, documento que atesta a vida e as virtudes evangélicas do Servo de Deus. O trabalho redacional foi feito em grande medida pelo padre Antônio Ferreira, SDB, da Inspetoria de São Paulo, e hoje o texto está em Roma, para ajustes e revisão final. Padre Pierluigi Cameroni, postulador geral da Congregação Salesiana, acompanha de perto esse belo processo.

Aqui no Brasil, temos em Fortaleza, CE, a Comissão Arquidiocesana pela Causa de Dom Lustosa, presidida por dom José Antonio Aparecido Tosi, arcebispo de Fortaleza, e coordenada por irmã Margarida Sales, que anima os trabalhos da comissão local. Por parte da Congregação Salesiana é a Inspetoria São Luiz Gonzaga, do Recife, na pessoa do padre Sérgio Lúcio, que faz o trabalho de animação e interação, na promoção da causa de Dom Lustosa.

O Servo de Deus costumava dizer: “Abre teus olhos à luz da fé, para saberes apoiar o dom de Deus” (Terra Martirizada, p. 62). Peçamos a intercessão deste servo fiel e prudente (Mt 24,45) para abrirmos nossos olhos na fé, que o Senhor nos atenda em nossas necessidades materiais e espirituais, sobretudo na imitação das suas virtudes.

 

ORAÇÃO

Dignai-vos, Senhor, aceitar a caminhada de nosso irmão Dom Antônio de Almeida Lustosa rumo ao altar.

Ele, que em vida soube ser vosso servo fiel, imolando-se no pastoreio das almas, ensinai-nos hoje admiráveis exemplos de virtudes cristãs praticadas com tanto zelo sacerdotal.

Concedei, Senhor nosso Pai, a graça que por sua intercessão vos pedimos. Amém.

(com aprovação eclesiástica)

 

As fases da canonização

Dom Antonio de Almeida Lustosa é um dos cinco salesianos brasileiros a caminho dos altares, ou seja, dos quais foi iniciada a causa para o reconhecimento oficial de santidade, pela Igreja Católica.

A causa de Dom Lustosa está na primeira fase do processo, na qual são levantados documentos e testemunhos que comprovem que o candidato à santidade viveu as virtudes cristãs em grau heroico. Quando esses documentos são aprovados, recebe-se o título de Venerável.

Tem início então um segundo processo, o de beatificação, no qual são analisados os possíveis milagres que tenham sido realizados por intercessão desde venerável. Comprovado que houve um milagre, a Igreja o declara Beato. É necessário comprovar um segundo milagre, ocorrido após a beatificação, para que a pessoa seja declarada oficialmente como santa.

 

Padre Sérgio Lúcio Alho da Costa, SDB, é colaborador e promotor da Causa de beatificação de Dom Antônio Lustosa.

 

Rate this item
(0 votes)
Last modified on Thursday, 12 December 2019 10:02

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.


Sob a sombra das tuas asas

Thursday, 12 December 2019 09:56 Written by  Pe. Sérgio Lúcio Alho da Costa, SDB
É bem a propósito o lema que Dom Lustosa escolheu para si, pois foi exatamente essa paternidade pastoral e bem salesiana que ele viveu nos 88 anos de consagração missionária e evangelizadora.  

Sub umbra alarum tuarum – “Sob a sombra das tuas asas” – é o trecho do Salmo 17,8 que dom Antônio de Almeida Lustosa escolheu para ser o seu lema pastoral, como salesiano bispo. No lema bíblico, o salmista canta a realidade de um Deus cheio de amor, que na sua paternidade protege seus filhos como a ave que abriga seus filhotes sob as asas. Jesus vai retomar essa bela figura explicitando ainda mais o seu desejo de reunir os filhos, “como a galinha ajunta os pintinhos debaixo de suas asas” (Mt 23,37).

É bem a propósito o lema que Dom Lustosa escolheu para si, pois foi exatamente essa paternidade pastoral e bem salesiana que ele viveu nos 88 anos de consagração missionária e evangelizadora, que Deus lhe permitiu viver.

 

Doação aos mais pobres

Neste ano de 2019, celebramos os 45 anos do nascimento para o céu deste irmão consagrado nas fileiras dos filhos de Dom Bosco. Nascido em São João Del Rei, MG, em 11 de fevereiro de 1886, ele foi um dos salesianos de maior destaque no trabalho da difusão do carisma de Dom Bosco no Brasil. Ordenou-se sacerdote no dia 28 de janeiro de 1911. Lecionou Filosofia e Teologia. Foi mestre de Noviços e diretor de várias casas salesianas. Ordenou-se bispo aos 11 de fevereiro de 1925, aos 39 anos de idade. Pela sua privilegiada capacidade intelectual e pastoral exerceu o ministério episcopal nas seguintes dioceses:

  • Uberaba, MG, por 4 anos
  • Corumbá, MS, por 2 anos
  • Belém, PA, por 10 anos
  • Fortaleza, CE, por 22 anos

Em cada presença abundam os testemunhos e depoimentos de vida virtuosa e de generosa doação, no trato para com os mais pobres e no zelo para o crescimento da Igreja de Cristo. Destaca-se a criação, em Fortaleza, do Hospital São José e de 14 postos médicos para aliviar o sofrimento dos tuberculosos, vítimas do flagelo da seca. Grande comunicador, fundou a Rádio Assunção, para evangelizar através do MEB – Movimento de Educação de Base, além de ter sido diretor do jornal O Nordeste e escritor de numerosos artigos e poemas. Fundou a Congregação Religiosa feminina das Josefinas. Amou os pobres, sobretudo o povo sofrido do sertão cearense.

Terminado o seu tempo de pastoreio como arcebispo de Fortaleza, em 1963 regressou com humildade e obediência para o seio da Congregação Salesiana. Ficou na Casa Salesiana de Carpina, PE, oferecendo ainda por bem 11 anos o seu ministério sacerdotal para os alunos, religiosos e fiéis do Colégio e da Paróquia salesina em Carpina. Dom Antonio de Almeida Lustosa veio a falecer numa quarta-feira, 14 de agosto de 1974.

 

Vida e virtudes evangélicas

Hoje avança na Igreja, através da Congregação Salesiana, a redação final da Positio super virtutibus, documento que atesta a vida e as virtudes evangélicas do Servo de Deus. O trabalho redacional foi feito em grande medida pelo padre Antônio Ferreira, SDB, da Inspetoria de São Paulo, e hoje o texto está em Roma, para ajustes e revisão final. Padre Pierluigi Cameroni, postulador geral da Congregação Salesiana, acompanha de perto esse belo processo.

Aqui no Brasil, temos em Fortaleza, CE, a Comissão Arquidiocesana pela Causa de Dom Lustosa, presidida por dom José Antonio Aparecido Tosi, arcebispo de Fortaleza, e coordenada por irmã Margarida Sales, que anima os trabalhos da comissão local. Por parte da Congregação Salesiana é a Inspetoria São Luiz Gonzaga, do Recife, na pessoa do padre Sérgio Lúcio, que faz o trabalho de animação e interação, na promoção da causa de Dom Lustosa.

O Servo de Deus costumava dizer: “Abre teus olhos à luz da fé, para saberes apoiar o dom de Deus” (Terra Martirizada, p. 62). Peçamos a intercessão deste servo fiel e prudente (Mt 24,45) para abrirmos nossos olhos na fé, que o Senhor nos atenda em nossas necessidades materiais e espirituais, sobretudo na imitação das suas virtudes.

 

ORAÇÃO

Dignai-vos, Senhor, aceitar a caminhada de nosso irmão Dom Antônio de Almeida Lustosa rumo ao altar.

Ele, que em vida soube ser vosso servo fiel, imolando-se no pastoreio das almas, ensinai-nos hoje admiráveis exemplos de virtudes cristãs praticadas com tanto zelo sacerdotal.

Concedei, Senhor nosso Pai, a graça que por sua intercessão vos pedimos. Amém.

(com aprovação eclesiástica)

 

As fases da canonização

Dom Antonio de Almeida Lustosa é um dos cinco salesianos brasileiros a caminho dos altares, ou seja, dos quais foi iniciada a causa para o reconhecimento oficial de santidade, pela Igreja Católica.

A causa de Dom Lustosa está na primeira fase do processo, na qual são levantados documentos e testemunhos que comprovem que o candidato à santidade viveu as virtudes cristãs em grau heroico. Quando esses documentos são aprovados, recebe-se o título de Venerável.

Tem início então um segundo processo, o de beatificação, no qual são analisados os possíveis milagres que tenham sido realizados por intercessão desde venerável. Comprovado que houve um milagre, a Igreja o declara Beato. É necessário comprovar um segundo milagre, ocorrido após a beatificação, para que a pessoa seja declarada oficialmente como santa.

 

Padre Sérgio Lúcio Alho da Costa, SDB, é colaborador e promotor da Causa de beatificação de Dom Antônio Lustosa.

 

Rate this item
(0 votes)
Last modified on Thursday, 12 December 2019 10:02

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.