Começou nesta terça-feira, 22 de janeiro, e vai até amanhã, dia 23, a reunião do comitê Pedagógico e Técnico do portal Futurum na sede da Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (Anec). O portal Futurum  foi criado no ano de 2011 por entidades católicas ligadas à educação (Anec, Rede La Sale, Rede Marista, FTD e Rede Salesiana de Escolas) para apoiar e valorizar  o processo de aprendizado com novas tecnologias. O objetivo da reunião é a discussão do plano de ação para 2013 e a atualização pedagógica do conteúdo. O secretário executivo da Anec, Daniel Cerqueira, destacou que a reunião do comitê tem atuação efetiva para repensar o layout do portal Futurum no que se refere a melhorias, inovações que permitam aos alunos e professores que acessam o site um desenvolvimento de habilidades e competências, novos conteúdos que estimulem o acesso ao portal.   ANEC    
Duas das fontes de onde a Família Salesiana (FS) deve colher inspiração para a sua missão, que, por identidade vocacional, é educativa são: Cristo Ressuscitado e Dom Bosco, Pai, Mestre e Amigo dos Jovens. Estas são as conclusões confiadas pelo reitor-mor, padre Pascual Chávez, ao finalizar a 31ª edição dos Dias de Espiritualidade da Família Salesiana (DEFS).   Neste Ano da Fé e neste tempo de Nova Evangelização, o reitor-mor insistiu na importância de firmar-se em Jesus Cristo. Comentando o evangelho das Bodas de Caná, convidou a Família Salesiana a beber do vinho novo que é Jesus Cristo: “Ele é a grande nascente da vida nova, da felicidade e da alegria a que aspiramos. E precisamente porque só Ele pode matar a sede infinita de amor, de felicidade e de vida dos jovens, devemos levá-los a Cristo, de modo que possam provar um vinho novo nunca antes provado, que enche de sentido, de energia, de esperança, de futuro a sua vida”.   Leia a matéria em íntegra em InfoANS
A comunidade “Santa Maria Mazzarello” foi inaugurada com uma celebração Eucarística, em Medellin, na Colômbia, no último dia 14 de janeiro. A festa de inauguração foi marcada por vários momentos significativos, como a leitura da autorização para abertura oficial da obra, realizada pelo arcebispo de Medellin, Dom Ricardo Toba; a leitura do verbal de aprovação, lido em nome da madre geral, irmã Yvonne Reungoat e do Conselho Geral; além da entrega do regulamento relativo ao trabalho social, realizado pela inspetora irmã Ana Dolores Rangel Ferreira.   O serviço que as Filhas de Maria Auxiliadora (FMA) oferecerão, agora de modo oficial, é realizado  há 15 anos. A obra, antes independente da casa inspetorial, com sede própria, era coordenada pela irmã Marta Múnera. A obra contará com a ajuda de cinco FMA, que serão responsáveis por ajudar as mulheres pobres no aprendizado de vários trabalhos, além de 60 voluntários que se colocarão a serviço de cerca de 420 mulheres em cada semestre, nas 30 oficinas existentes.   Filhas de Maria Auxiliadora
Monday, 21 January 2013 16:30

Arquidiocese de Natal prepara-se para a JMJ

Written by
No quarto e último sábado deste mês, próximo dia 26, ocorrerá na Catedral de Natal o primeiro Ilumina Fé, abrindo a fase de preparação da arquidiocese para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que será realizada de 23 a 28 de julho deste ano, no Rio de Janeiro.   O Ilumina Fé terá a periodicidade mensal e começará às 22h, com a Santa Missa da Juventude. Após a Santa Missa, será implantado o Terço da Juventude na Arquidiocese e seguirá com Catequese para a Jornada. O ponto máximo da noite iniciará às 2h com exposição e adoração ao Santíssimo Sacramento, seguindo com a Vigília dos Jovens Adoradores até às 6h. Ao longo da noite, haverá animação com ministérios de música, formação com o YouCat, momentos de adoração, agradecimento e de louvor.   Trata-se de um evento de iniciativa do coordenador do Setor da Juventude da Arquidiocese de Natal, tendo assim o próprio setor como parceiro, contando com o apoio e planejamento de jovens voluntários da JMJ e da Semana Missionária, além de outros jovens e casais que se dispuseram a organizar e executar algo para todos os jovens da nossa arquidiocese, sendo um momento ideal para a integração dos jovens para a JMJ, bem como de formação e preparação para os seus voluntários.   O objetivo é continuar com esse projeto mesmo após a Jornada. “Acredito que o Ilumina Fé será uma excelente oportunidade de conversão, solidificação da fé e perseverança da caminhada dos nossos jovens.”, afirma o coordenador e idealizador do evento, o diácono Inácio Lopes.   Jovens Conectados
O Colégio Salesiano Dom Bosco de Salvador, BA, em colaboração com a Universidade de Santiago do Chile, deu início, no último dia 14 de janeiro, a um “Master” em Educação. O curso com 50 participantes, entre professores procedentes do Colégio Dom Bosco e de outros Institutos pertencentes à Rede Salesiana das Escolas (RSE), é conduzido por professores da Universidade do Chile e prevê duas linhas de pesquisa: gestão educacional, curriculum e avaliação.   InfoANS
  Os rumos da Educação Católica nas Américas foram debatidos em três eventos importantes realizados na semana de 14 a 18 de janeiro, no Panamá. A Família Salesiana do Brasil participou intensamente desses eventos, em especial com uma delegação da Rede Salesiana de Escolas (RSE).   Congresso Interamericano de Educação Católica Nos dias 15 a 17 de janeiro, a Cidade do Panamá, capital do Panamá, recebeu cerca de 800 representantes de congregações religiosas e dioceses da América Latina e do Caribe para a realização do 23º Congresso Interamericano de Educação Católica. Organizado pela Confederação Interamericana de Educação Católica (CIEC), o evento teve como tema central: “Grandes desafios, uma mesma identidade”. O congresso buscou refletir sobre o momento especial que vive a educação católica na atualidade, em um mundo “de relativismo moral e ético, de subjetividade, de materialismo e de distanciamento de Deus”, e no qual os educadores católicos são chamados a uma nova evangelização, com novos meios, métodos, projetos educativos, agentes e estruturas. “O Congresso foi um momento muito rico para a troca de experiências. Tivemos a presença do núncio apostólico, de autoridades da Igreja e governamentais. Entre os temas debatidos, todos relevantes, podemos salientar alguns que trazem contribuições significativas ao processo que vivemos no Brasil, como a palestra sobre Os Valores da Cidadania Ativa, proferia pelo professor Emilio Martínez Navarro, da Universidade de Murcia, na Espanha; e a conferência de padre Juan Antonio Ojeda, FSC, que tratou sobre a escola católica e o trabalho em redes”, destacou o padre Nivaldo Luiz Pessinatti, Diretor-executivo da Rede Salesiana de Escolas (RSE). A RSE enviou ao congresso uma representação composta pelos diretores, gerentes, assessores nacionais e animadores de polos da Rede, provenientes de vários estados brasileiros. A Família Salesiana também se fez presente com outros salesianos e salesianas que representam a educação católica no Brasil, como o padre José Marinoni, reitor da Universidade Católica Dom Bosco e presidente da Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (ANEC).   Escola Salesiana América O Panamá foi sede ainda nessa semana de dois encontros da Escola Salesiana América. Na segunda-feira, dia 14 de janeiro, reuniram-se os referentes nacionais da ESA; e na sexta-feira, dia 18, foi realizado o encontro dos referentes regionais e encarregados inspetoriais de Educação dos Salesianos de Dom Bosco e das Filhas de Maria Auxiliadora na América Latina e Caribe. Participaram deste evento 100 pessoas, representando as cerca de 60 inspetorias SDB e FMA da região, além do padre Miguel Angel Garcia Morcuende e da irmã Constanza Arango, responsáveis internacionais pelo setor de Educação, respectivamente, no Dicastério da Pastoral Juvenil SDB e no Âmbito para a Pastoral Juvenil FMA. Os representantes internacionais da Família Salesiana recordaram aos participantes a trajetória traçada desde 1994, com a realização do I Encontro da Escola Salesiana América (I ESA), em Cumbaya, Equador, apontando os avanços conquistados desde então e os desafios ainda colocados para a educação católica no continente. Também o Secretário-geral da Organização Internacional de Educação Católica (OIEC), o padre salesiano Ángel Astorgano, falou durante o encontro sobre a importância de estabelecer redes de colaboração das escolas católicas em âmbito internacional e apresentou um plano de formação para os educadores salesianos nesse contexto.   Avaliação “Os três eventos estão servindo para nós, da Rede Salesiana de Escolas, como um grande reforço para o que já estamos realizando no Brasil e, ao mesmo tempo, como um momento para conhecermos outras experiências em âmbito continental e no mundo; para percebermos outras pistas e caminhos que podem ser abertos”, avalia o Padre Nivaldo Pessinatti. Irmã Maria Helena Moreira, também representante da Diretoria da RSE, demonstra o mesmo entusiasmo com as possibilidades abertas a partir da realização do Congresso Interamericano de Educação Católica e dos encontros educacionais salesianos. “Percebemos que os salesianos e as salesianas nas Américas estão buscando caminhos para a realização de redes. Nossa presença é estimulante para as demais inspetorias salesianas e também temos muito a aprender do caminho que eles estão percorrendo”, afirma. Por isso, a Rede Salesiana de Escolas investiu em ter uma delegação expressiva nos eventos. “A participação nesses encontros endossa o desejo de ser uma rede salesiana na América, como já somos no Brasil. A RSE tem muito a contribuir e a trocar nessa percepção de que estamos unidos, trabalhando em comunhão no mesmo anseio educativo de responder à juventude com a proposta que nos foi deixada por Dom Bosco e Madre Mazzarello”, finaliza.
  A 13ª Travessia da Fé levou cerca de 200 romeiros a percorrerem, a pé, o caminho entre o bairro de Itaquera, na periferia Leste da Capital paulista, e o Santuário de Nossa Senhora Aparecida, em Aparecida do Norte, SP. A travessia foi realizada nos dias 14 a 20 de janeiro, tendo à frente o padre salesiano Rosalvino Morán Viñayo, diretor da Obra Social Dom Bosco de Itaquera. “Vamos caminhando, rezando, confessando, celebrando, rumo à casa da Mãe Aparecida. Fazemos isso há 13 anos, como um gesto de gratidão profunda a Ela que, como dizia Dom Bosco, fez tudo por nós”, explica o padre Rosalvino. Os romeiros partiram de Itaquera na madrugada da segunda-feira, 14 de janeiro. A maioria é proveniente do próprio bairro e participa da paróquia dedicada à santa. Mas, entre os romeiros, havia pessoas de outras cidades e estados do País. Os romeiros levaram na caminhada uma imagem de Nossa Senhora Aparecida, cruzes de madeira e uma urna, contendo os pedidos, promessas e agradecimentos das pessoas que não puderam participar. “Há pessoas que gostariam de ir conosco, mas por diversos motivos não podem. Então nós ofertamos aos pés da santa muitos pedidos e promessas que o povo faz. Pedindo a cura, a libertação, a vida”, completa o padre Rosalvino. Os romeiros chegaram à cidade de Aparecida na sexta-feira, dia 18 de janeiro, para participar da celebração das 10h30 de sábado, no Santuário de Nossa Senhora Aparecida.
“Partilhar, estudar e rezar juntos o tema da educação, tal como nos foi comunicado por Dom Bosco” – este o objetivo indicado pelo padre Adriano Bregolin, vigário do reitor-mor, padre Pascual Chávez, na abertura da 31ª edição dos Dias de Espiritualidade da Família Salesiana (DEFS). Uma tarde intensa dedicada ao aprofundamento bíblico da Estreia, à escuta dos jovens e do reitor-mor.   Os trabalhos da conferência foram iniciados pelo padre Juan José Bartolomé, que desenvolveu o tema: “A alegria de viver em Cristo, coração da proposta salesiana de santidade juvenil”. O biblista apresentou uma reflexão salesiana sobre o versículo da Carta de São Paulo aos Filipenses que introduz a Estreia 2013: “Alegrai-vos sempre no Senhor! Repito: alegrai-vos” (4,4). O Evangelho encerra um projeto de vida de ser indicado aos jovens, evidenciando a abordagem alegre à vida.   “A sua convicção pessoal de que não havia nenhum contraste entre servir a Deus e ser feliz, tinha como fundamento o intenso amor que devotava aos jovens: e porque os amava, queria-os alegres agora e na eternidade, como costumava dizer” – especificou o padre  Bartolomé, que fundamentou a sua exposição com referências bíblicas e de magistério pontifício e salesiano.   Leia a matéria na íntegra em InfoANS
A Arquidiocese de Manaus prepara para os dias 17 e 23  de fevereiro duas celebrações solenes da Igreja Católica. A primeira será a celebração de Ação de Graças pelos 21 anos de pastoreio de Dom Luiz Soares Vieira, à frente da Igreja Católica, em Manaus, e  a segunda,  a celebração de Posse de Dom Sérgio Eduardo Castriani como novo arcebispo de Manaus.   A celebração de Ação de Graças pelos 21 anos de dedicação de Dom Luiz à arquidiocese de Manaus será realizada  às 10h no Studio 5 Centro de Convenções, na avenida Rodrigo Otávio, nº 3.555, Distrito Industrial.   O evento será realizado em um domingo e será aberto ao público em geral. A celebração  de Ação de Graça será ministrada pelo próprio Dom Luiz, padres e bispos auxiliares que compõem a classe eclesiástica.   A celebração de Posse de Dom Sérgio Eduardo Castriani, tem início  às 19h do dia 23(sábado) na Catedral Metropolitana de Manaus (Praça Osvaldo Cruz s/n- Centro).   Saída e chegada Dom Luiz Soares Vieira anunciou sua  saída  em maio do ano passado. Natural de Conchas, nasceu em 2 de maio de 1937. Foi ordenado sacerdote em 21 de fevereiro de de 1960. Consagrado bispo em 1º de julho de 1984 e ascendeu ao arcebispado em 13 de novembro de 1991. No dia 12 de dezembro do ano passado seu pedido de renúncia, por limite de idade, à frente da Arquidiocese de Manaus,  foi aceito pelo Papa Bento XVI .   Na manhã do mesmo  dia 12  foi divulgada também a nomeação do bispo de Tefé  Dom Sérgio Castriani para substituir Dom Luiz.  Uma escolha feita pelo Papa, após serem apontados três  nomes sugeridos por meio de consultas aos bispos do Norte e arcebispos de todo o país. Dom Sérgio Castriani, 58, é natural  de Regente Feijó, SP, e há 37 anos se  dedica aos serviços religiosos. Foi ordenado bispo em Tefé em 1998.   A Crítica  
Friday, 18 January 2013 15:26

Relíquias de Dom Bosco chegam à Bélgica

Written by
Animada pelo lema “Dom Bosco nos visita”, foi iniciada, no dia 15 de janeiro, a peregrinação das relíquias de Dom Bosco à Inspetoria São João Berchmans, da Bélgica Norte (BEM). A urna, com a estátua de bronze do santo dos jovens, foi recebida por adultos e meninos, que lotaram a Igreja São Domingos Sávio, de Dilbeek. A relíquia ficará na inspetoria até 31 de janeiro, dia da Solenidade litúrgica do Santo dos Jovens.   Os salesianos da BEM esperavam por essa visita há muito tempo e foram se preparando para a ocasião com um programa detalhado de itinerário da estátua. Os primeiros a chegar para venerar Dom Bosco, no dia 15, foram as crianças da escola elementar de Groot-Bijgaarden. O início oficial da peregrinação foi, entretanto, celebrado somente à noite, quando o padre Mark Tips, inspetor salesiano, presidiu a concelebração Eucarística, acompanhado por Dom Luc Van Looy, bispo de Gante, e pelos membros do Conselho Inspetorial e da comunidade de Groot-Bijgaarden.   A igreja de Dilbeek conteve, com muita dificuldade, toda a multidão que chegou para a ocasião. Os crismandos da paróquia abriram a celebração com uma procissão luminosa em honra a Dom Bosco. Um momento de grande intensidade foi quando foi oferecida aos fiéis a oportunidade de colocar aos pés de Dom Bosco as próprias orações de intercessão. Por cerca de uma hora e meia reinou na igreja uma inspirada atmosfera de oração silenciosa, entremeada de música e cantos.   Durante a celebração a estátua de Dom Bosco estava perante os fiéis. “Olhar a estátua de Dom Bosco, e ver o seu aspecto bondoso, leva-nos a fazer uma reflexão: ele, presente nas suas relíquias, é um fato que toca diretamente a nossa vida. Estou certo de que muitas pessoas ficarão profundamente sensibilizadas durante esta peregrinação. Por duas semanas Dom Bosco nos envolverá com o seu manto. Por tudo isso lhes seremos sempre muito agradecidos” disse Steven Pinnoo, leigo colaborador na missão salesiana na Bélgica.   Por ocasião da visita da relíquia, a Inspetoria BEM produziu uma nova logomarca, que retomando o muito conhecido logo de Dom Bosco rodeado de jovens, o enriqueceu com muitos particulares evocativos e simbólicos. A explicação do seu significado e as informações sobre a peregrinação das relíquias estão disponíveis em italiano e holandês no site da inspetoria da Bélgica.   InfoANS
Page 681 of 719
Começou nesta terça-feira, 22 de janeiro, e vai até amanhã, dia 23, a reunião do comitê Pedagógico e Técnico do portal Futurum na sede da Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (Anec). O portal Futurum  foi criado no ano de 2011 por entidades católicas ligadas à educação (Anec, Rede La Sale, Rede Marista, FTD e Rede Salesiana de Escolas) para apoiar e valorizar  o processo de aprendizado com novas tecnologias. O objetivo da reunião é a discussão do plano de ação para 2013 e a atualização pedagógica do conteúdo. O secretário executivo da Anec, Daniel Cerqueira, destacou que a reunião do comitê tem atuação efetiva para repensar o layout do portal Futurum no que se refere a melhorias, inovações que permitam aos alunos e professores que acessam o site um desenvolvimento de habilidades e competências, novos conteúdos que estimulem o acesso ao portal.   ANEC    
Duas das fontes de onde a Família Salesiana (FS) deve colher inspiração para a sua missão, que, por identidade vocacional, é educativa são: Cristo Ressuscitado e Dom Bosco, Pai, Mestre e Amigo dos Jovens. Estas são as conclusões confiadas pelo reitor-mor, padre Pascual Chávez, ao finalizar a 31ª edição dos Dias de Espiritualidade da Família Salesiana (DEFS).   Neste Ano da Fé e neste tempo de Nova Evangelização, o reitor-mor insistiu na importância de firmar-se em Jesus Cristo. Comentando o evangelho das Bodas de Caná, convidou a Família Salesiana a beber do vinho novo que é Jesus Cristo: “Ele é a grande nascente da vida nova, da felicidade e da alegria a que aspiramos. E precisamente porque só Ele pode matar a sede infinita de amor, de felicidade e de vida dos jovens, devemos levá-los a Cristo, de modo que possam provar um vinho novo nunca antes provado, que enche de sentido, de energia, de esperança, de futuro a sua vida”.   Leia a matéria em íntegra em InfoANS
A comunidade “Santa Maria Mazzarello” foi inaugurada com uma celebração Eucarística, em Medellin, na Colômbia, no último dia 14 de janeiro. A festa de inauguração foi marcada por vários momentos significativos, como a leitura da autorização para abertura oficial da obra, realizada pelo arcebispo de Medellin, Dom Ricardo Toba; a leitura do verbal de aprovação, lido em nome da madre geral, irmã Yvonne Reungoat e do Conselho Geral; além da entrega do regulamento relativo ao trabalho social, realizado pela inspetora irmã Ana Dolores Rangel Ferreira.   O serviço que as Filhas de Maria Auxiliadora (FMA) oferecerão, agora de modo oficial, é realizado  há 15 anos. A obra, antes independente da casa inspetorial, com sede própria, era coordenada pela irmã Marta Múnera. A obra contará com a ajuda de cinco FMA, que serão responsáveis por ajudar as mulheres pobres no aprendizado de vários trabalhos, além de 60 voluntários que se colocarão a serviço de cerca de 420 mulheres em cada semestre, nas 30 oficinas existentes.   Filhas de Maria Auxiliadora
Monday, 21 January 2013 16:30

Arquidiocese de Natal prepara-se para a JMJ

Written by
No quarto e último sábado deste mês, próximo dia 26, ocorrerá na Catedral de Natal o primeiro Ilumina Fé, abrindo a fase de preparação da arquidiocese para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que será realizada de 23 a 28 de julho deste ano, no Rio de Janeiro.   O Ilumina Fé terá a periodicidade mensal e começará às 22h, com a Santa Missa da Juventude. Após a Santa Missa, será implantado o Terço da Juventude na Arquidiocese e seguirá com Catequese para a Jornada. O ponto máximo da noite iniciará às 2h com exposição e adoração ao Santíssimo Sacramento, seguindo com a Vigília dos Jovens Adoradores até às 6h. Ao longo da noite, haverá animação com ministérios de música, formação com o YouCat, momentos de adoração, agradecimento e de louvor.   Trata-se de um evento de iniciativa do coordenador do Setor da Juventude da Arquidiocese de Natal, tendo assim o próprio setor como parceiro, contando com o apoio e planejamento de jovens voluntários da JMJ e da Semana Missionária, além de outros jovens e casais que se dispuseram a organizar e executar algo para todos os jovens da nossa arquidiocese, sendo um momento ideal para a integração dos jovens para a JMJ, bem como de formação e preparação para os seus voluntários.   O objetivo é continuar com esse projeto mesmo após a Jornada. “Acredito que o Ilumina Fé será uma excelente oportunidade de conversão, solidificação da fé e perseverança da caminhada dos nossos jovens.”, afirma o coordenador e idealizador do evento, o diácono Inácio Lopes.   Jovens Conectados
O Colégio Salesiano Dom Bosco de Salvador, BA, em colaboração com a Universidade de Santiago do Chile, deu início, no último dia 14 de janeiro, a um “Master” em Educação. O curso com 50 participantes, entre professores procedentes do Colégio Dom Bosco e de outros Institutos pertencentes à Rede Salesiana das Escolas (RSE), é conduzido por professores da Universidade do Chile e prevê duas linhas de pesquisa: gestão educacional, curriculum e avaliação.   InfoANS
  Os rumos da Educação Católica nas Américas foram debatidos em três eventos importantes realizados na semana de 14 a 18 de janeiro, no Panamá. A Família Salesiana do Brasil participou intensamente desses eventos, em especial com uma delegação da Rede Salesiana de Escolas (RSE).   Congresso Interamericano de Educação Católica Nos dias 15 a 17 de janeiro, a Cidade do Panamá, capital do Panamá, recebeu cerca de 800 representantes de congregações religiosas e dioceses da América Latina e do Caribe para a realização do 23º Congresso Interamericano de Educação Católica. Organizado pela Confederação Interamericana de Educação Católica (CIEC), o evento teve como tema central: “Grandes desafios, uma mesma identidade”. O congresso buscou refletir sobre o momento especial que vive a educação católica na atualidade, em um mundo “de relativismo moral e ético, de subjetividade, de materialismo e de distanciamento de Deus”, e no qual os educadores católicos são chamados a uma nova evangelização, com novos meios, métodos, projetos educativos, agentes e estruturas. “O Congresso foi um momento muito rico para a troca de experiências. Tivemos a presença do núncio apostólico, de autoridades da Igreja e governamentais. Entre os temas debatidos, todos relevantes, podemos salientar alguns que trazem contribuições significativas ao processo que vivemos no Brasil, como a palestra sobre Os Valores da Cidadania Ativa, proferia pelo professor Emilio Martínez Navarro, da Universidade de Murcia, na Espanha; e a conferência de padre Juan Antonio Ojeda, FSC, que tratou sobre a escola católica e o trabalho em redes”, destacou o padre Nivaldo Luiz Pessinatti, Diretor-executivo da Rede Salesiana de Escolas (RSE). A RSE enviou ao congresso uma representação composta pelos diretores, gerentes, assessores nacionais e animadores de polos da Rede, provenientes de vários estados brasileiros. A Família Salesiana também se fez presente com outros salesianos e salesianas que representam a educação católica no Brasil, como o padre José Marinoni, reitor da Universidade Católica Dom Bosco e presidente da Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (ANEC).   Escola Salesiana América O Panamá foi sede ainda nessa semana de dois encontros da Escola Salesiana América. Na segunda-feira, dia 14 de janeiro, reuniram-se os referentes nacionais da ESA; e na sexta-feira, dia 18, foi realizado o encontro dos referentes regionais e encarregados inspetoriais de Educação dos Salesianos de Dom Bosco e das Filhas de Maria Auxiliadora na América Latina e Caribe. Participaram deste evento 100 pessoas, representando as cerca de 60 inspetorias SDB e FMA da região, além do padre Miguel Angel Garcia Morcuende e da irmã Constanza Arango, responsáveis internacionais pelo setor de Educação, respectivamente, no Dicastério da Pastoral Juvenil SDB e no Âmbito para a Pastoral Juvenil FMA. Os representantes internacionais da Família Salesiana recordaram aos participantes a trajetória traçada desde 1994, com a realização do I Encontro da Escola Salesiana América (I ESA), em Cumbaya, Equador, apontando os avanços conquistados desde então e os desafios ainda colocados para a educação católica no continente. Também o Secretário-geral da Organização Internacional de Educação Católica (OIEC), o padre salesiano Ángel Astorgano, falou durante o encontro sobre a importância de estabelecer redes de colaboração das escolas católicas em âmbito internacional e apresentou um plano de formação para os educadores salesianos nesse contexto.   Avaliação “Os três eventos estão servindo para nós, da Rede Salesiana de Escolas, como um grande reforço para o que já estamos realizando no Brasil e, ao mesmo tempo, como um momento para conhecermos outras experiências em âmbito continental e no mundo; para percebermos outras pistas e caminhos que podem ser abertos”, avalia o Padre Nivaldo Pessinatti. Irmã Maria Helena Moreira, também representante da Diretoria da RSE, demonstra o mesmo entusiasmo com as possibilidades abertas a partir da realização do Congresso Interamericano de Educação Católica e dos encontros educacionais salesianos. “Percebemos que os salesianos e as salesianas nas Américas estão buscando caminhos para a realização de redes. Nossa presença é estimulante para as demais inspetorias salesianas e também temos muito a aprender do caminho que eles estão percorrendo”, afirma. Por isso, a Rede Salesiana de Escolas investiu em ter uma delegação expressiva nos eventos. “A participação nesses encontros endossa o desejo de ser uma rede salesiana na América, como já somos no Brasil. A RSE tem muito a contribuir e a trocar nessa percepção de que estamos unidos, trabalhando em comunhão no mesmo anseio educativo de responder à juventude com a proposta que nos foi deixada por Dom Bosco e Madre Mazzarello”, finaliza.
  A 13ª Travessia da Fé levou cerca de 200 romeiros a percorrerem, a pé, o caminho entre o bairro de Itaquera, na periferia Leste da Capital paulista, e o Santuário de Nossa Senhora Aparecida, em Aparecida do Norte, SP. A travessia foi realizada nos dias 14 a 20 de janeiro, tendo à frente o padre salesiano Rosalvino Morán Viñayo, diretor da Obra Social Dom Bosco de Itaquera. “Vamos caminhando, rezando, confessando, celebrando, rumo à casa da Mãe Aparecida. Fazemos isso há 13 anos, como um gesto de gratidão profunda a Ela que, como dizia Dom Bosco, fez tudo por nós”, explica o padre Rosalvino. Os romeiros partiram de Itaquera na madrugada da segunda-feira, 14 de janeiro. A maioria é proveniente do próprio bairro e participa da paróquia dedicada à santa. Mas, entre os romeiros, havia pessoas de outras cidades e estados do País. Os romeiros levaram na caminhada uma imagem de Nossa Senhora Aparecida, cruzes de madeira e uma urna, contendo os pedidos, promessas e agradecimentos das pessoas que não puderam participar. “Há pessoas que gostariam de ir conosco, mas por diversos motivos não podem. Então nós ofertamos aos pés da santa muitos pedidos e promessas que o povo faz. Pedindo a cura, a libertação, a vida”, completa o padre Rosalvino. Os romeiros chegaram à cidade de Aparecida na sexta-feira, dia 18 de janeiro, para participar da celebração das 10h30 de sábado, no Santuário de Nossa Senhora Aparecida.
“Partilhar, estudar e rezar juntos o tema da educação, tal como nos foi comunicado por Dom Bosco” – este o objetivo indicado pelo padre Adriano Bregolin, vigário do reitor-mor, padre Pascual Chávez, na abertura da 31ª edição dos Dias de Espiritualidade da Família Salesiana (DEFS). Uma tarde intensa dedicada ao aprofundamento bíblico da Estreia, à escuta dos jovens e do reitor-mor.   Os trabalhos da conferência foram iniciados pelo padre Juan José Bartolomé, que desenvolveu o tema: “A alegria de viver em Cristo, coração da proposta salesiana de santidade juvenil”. O biblista apresentou uma reflexão salesiana sobre o versículo da Carta de São Paulo aos Filipenses que introduz a Estreia 2013: “Alegrai-vos sempre no Senhor! Repito: alegrai-vos” (4,4). O Evangelho encerra um projeto de vida de ser indicado aos jovens, evidenciando a abordagem alegre à vida.   “A sua convicção pessoal de que não havia nenhum contraste entre servir a Deus e ser feliz, tinha como fundamento o intenso amor que devotava aos jovens: e porque os amava, queria-os alegres agora e na eternidade, como costumava dizer” – especificou o padre  Bartolomé, que fundamentou a sua exposição com referências bíblicas e de magistério pontifício e salesiano.   Leia a matéria na íntegra em InfoANS
A Arquidiocese de Manaus prepara para os dias 17 e 23  de fevereiro duas celebrações solenes da Igreja Católica. A primeira será a celebração de Ação de Graças pelos 21 anos de pastoreio de Dom Luiz Soares Vieira, à frente da Igreja Católica, em Manaus, e  a segunda,  a celebração de Posse de Dom Sérgio Eduardo Castriani como novo arcebispo de Manaus.   A celebração de Ação de Graças pelos 21 anos de dedicação de Dom Luiz à arquidiocese de Manaus será realizada  às 10h no Studio 5 Centro de Convenções, na avenida Rodrigo Otávio, nº 3.555, Distrito Industrial.   O evento será realizado em um domingo e será aberto ao público em geral. A celebração  de Ação de Graça será ministrada pelo próprio Dom Luiz, padres e bispos auxiliares que compõem a classe eclesiástica.   A celebração de Posse de Dom Sérgio Eduardo Castriani, tem início  às 19h do dia 23(sábado) na Catedral Metropolitana de Manaus (Praça Osvaldo Cruz s/n- Centro).   Saída e chegada Dom Luiz Soares Vieira anunciou sua  saída  em maio do ano passado. Natural de Conchas, nasceu em 2 de maio de 1937. Foi ordenado sacerdote em 21 de fevereiro de de 1960. Consagrado bispo em 1º de julho de 1984 e ascendeu ao arcebispado em 13 de novembro de 1991. No dia 12 de dezembro do ano passado seu pedido de renúncia, por limite de idade, à frente da Arquidiocese de Manaus,  foi aceito pelo Papa Bento XVI .   Na manhã do mesmo  dia 12  foi divulgada também a nomeação do bispo de Tefé  Dom Sérgio Castriani para substituir Dom Luiz.  Uma escolha feita pelo Papa, após serem apontados três  nomes sugeridos por meio de consultas aos bispos do Norte e arcebispos de todo o país. Dom Sérgio Castriani, 58, é natural  de Regente Feijó, SP, e há 37 anos se  dedica aos serviços religiosos. Foi ordenado bispo em Tefé em 1998.   A Crítica  
Friday, 18 January 2013 15:26

Relíquias de Dom Bosco chegam à Bélgica

Written by
Animada pelo lema “Dom Bosco nos visita”, foi iniciada, no dia 15 de janeiro, a peregrinação das relíquias de Dom Bosco à Inspetoria São João Berchmans, da Bélgica Norte (BEM). A urna, com a estátua de bronze do santo dos jovens, foi recebida por adultos e meninos, que lotaram a Igreja São Domingos Sávio, de Dilbeek. A relíquia ficará na inspetoria até 31 de janeiro, dia da Solenidade litúrgica do Santo dos Jovens.   Os salesianos da BEM esperavam por essa visita há muito tempo e foram se preparando para a ocasião com um programa detalhado de itinerário da estátua. Os primeiros a chegar para venerar Dom Bosco, no dia 15, foram as crianças da escola elementar de Groot-Bijgaarden. O início oficial da peregrinação foi, entretanto, celebrado somente à noite, quando o padre Mark Tips, inspetor salesiano, presidiu a concelebração Eucarística, acompanhado por Dom Luc Van Looy, bispo de Gante, e pelos membros do Conselho Inspetorial e da comunidade de Groot-Bijgaarden.   A igreja de Dilbeek conteve, com muita dificuldade, toda a multidão que chegou para a ocasião. Os crismandos da paróquia abriram a celebração com uma procissão luminosa em honra a Dom Bosco. Um momento de grande intensidade foi quando foi oferecida aos fiéis a oportunidade de colocar aos pés de Dom Bosco as próprias orações de intercessão. Por cerca de uma hora e meia reinou na igreja uma inspirada atmosfera de oração silenciosa, entremeada de música e cantos.   Durante a celebração a estátua de Dom Bosco estava perante os fiéis. “Olhar a estátua de Dom Bosco, e ver o seu aspecto bondoso, leva-nos a fazer uma reflexão: ele, presente nas suas relíquias, é um fato que toca diretamente a nossa vida. Estou certo de que muitas pessoas ficarão profundamente sensibilizadas durante esta peregrinação. Por duas semanas Dom Bosco nos envolverá com o seu manto. Por tudo isso lhes seremos sempre muito agradecidos” disse Steven Pinnoo, leigo colaborador na missão salesiana na Bélgica.   Por ocasião da visita da relíquia, a Inspetoria BEM produziu uma nova logomarca, que retomando o muito conhecido logo de Dom Bosco rodeado de jovens, o enriqueceu com muitos particulares evocativos e simbólicos. A explicação do seu significado e as informações sobre a peregrinação das relíquias estão disponíveis em italiano e holandês no site da inspetoria da Bélgica.   InfoANS
Page 681 of 719