Iniciada a Causa de Beatificação e Canonização do Pe. Silvio Galli, SDB

Thursday, 13 June 2019 11:42 Written by  Agência iNfo Salesiana - ANS
Com a apresentação do pedido para que seja aberto o processo sobre as virtudes e a fama de santidade do padre Galli, sacerdote italiano falecido em 12 de junho de 2012, sobem a 169 os candidatos à santidade da Família Salesiana.  

No dia 12 de junho de 2019, 7º aniversário de nascimento aos céus do salesiano P. Silvio Galli, foi oficialmente apresentado ao Bispo de Bréscia, Dom Pierantonio Tremolada, o ‘Súpplex libéllus’, isto é, a instância oficial com que a Congregação Salesiana pede a abertura do Processo diocesano sobre as virtudes, a fama de santidade e os sinais do P. Silvio Galli, Sacerdote Professo da ‘Sociedade de São Francisco de Sales’ (Congregação dos Salesianos de Dom Bosco).

 

O P. Silvio Galli nasceu em 10 de setembro de 1927, em Palazzolo Milanese, na Itália, primeiro de oito irmãos. Depois de frequentar o Instituto Salesiano Santo Ambrósio, de Milão, fez o noviciado em Montodine (CR) e emitiu a Primeira Profissão como salesiano no dia 11 de setembro de 1943 e a Perpétua em 1949. Ordenado sacerdote em 1° de julho de 1953, fez o Tirocínio prático em Varese. Inicia uma profunda amizade espiritual com Domenichino Zamberletti, jovem logo morto em conceito de santidade.

 

Destinado à Casa de Bolonha, laureou-se em Letras e, de 1959 até ao fim da vida, estará sempre em Chiari (Bréscia), dedicando-se nos primeiros anos a ensinar aos aspirantes à vida salesiana e, depois, com o passar do tempo, cada vez mais no serviço generoso aos pobres, imigrantes, detentos, famintos, sem-teto, toxicodependentes, alcoólatras, insanos, carentes de todo o tipo de pobreza (material, espiritual, moral). No acolhimento às numerosíssimas pessoas, exercita o ministério da escuta, da consolação, da reconciliação, do exorcismo.

 

Anima e zela pela formação dos Salesianos Cooperadores, dos sócios da ADMA, dos Ex-Alunos de Dom Bosco e de numerosos voluntários que colaboram em sua obra de caridade. Com a ajuda de generosos voluntários e benfeitores, funda o centro de acolhida «Auxilium». Com a vida e a palavra ensina a descobrir e a servir Cristo nos pobres, testemunhando a caridade do Bom Pastor.

 

Assim se apresentava: “Eu não passo de um pobre padre… Até eu fico admirado ao ver que todas as pessoas, cheias de problemas – por vezes sem solução – , vêm falar comigo… Só com a poderosíssima arma da oração, com a ajuda de Nossa Senhora, do seu Filho, Jesus, é que se podem por vezes resolver tais problemas”.

 

Finou sua vida terrena no dia 12 de junho de 2012, envolto por grande fama de santidade e de sinais. Com a Causa do P. Silvio Galli sobem a 169 os candidatos à santidade da FS (Família Salesiana).

Fonte: Agência iNfo Salesiana – ANS

Rate this item
(0 votes)

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.


Iniciada a Causa de Beatificação e Canonização do Pe. Silvio Galli, SDB

Thursday, 13 June 2019 11:42 Written by  Agência iNfo Salesiana - ANS
Com a apresentação do pedido para que seja aberto o processo sobre as virtudes e a fama de santidade do padre Galli, sacerdote italiano falecido em 12 de junho de 2012, sobem a 169 os candidatos à santidade da Família Salesiana.  

No dia 12 de junho de 2019, 7º aniversário de nascimento aos céus do salesiano P. Silvio Galli, foi oficialmente apresentado ao Bispo de Bréscia, Dom Pierantonio Tremolada, o ‘Súpplex libéllus’, isto é, a instância oficial com que a Congregação Salesiana pede a abertura do Processo diocesano sobre as virtudes, a fama de santidade e os sinais do P. Silvio Galli, Sacerdote Professo da ‘Sociedade de São Francisco de Sales’ (Congregação dos Salesianos de Dom Bosco).

 

O P. Silvio Galli nasceu em 10 de setembro de 1927, em Palazzolo Milanese, na Itália, primeiro de oito irmãos. Depois de frequentar o Instituto Salesiano Santo Ambrósio, de Milão, fez o noviciado em Montodine (CR) e emitiu a Primeira Profissão como salesiano no dia 11 de setembro de 1943 e a Perpétua em 1949. Ordenado sacerdote em 1° de julho de 1953, fez o Tirocínio prático em Varese. Inicia uma profunda amizade espiritual com Domenichino Zamberletti, jovem logo morto em conceito de santidade.

 

Destinado à Casa de Bolonha, laureou-se em Letras e, de 1959 até ao fim da vida, estará sempre em Chiari (Bréscia), dedicando-se nos primeiros anos a ensinar aos aspirantes à vida salesiana e, depois, com o passar do tempo, cada vez mais no serviço generoso aos pobres, imigrantes, detentos, famintos, sem-teto, toxicodependentes, alcoólatras, insanos, carentes de todo o tipo de pobreza (material, espiritual, moral). No acolhimento às numerosíssimas pessoas, exercita o ministério da escuta, da consolação, da reconciliação, do exorcismo.

 

Anima e zela pela formação dos Salesianos Cooperadores, dos sócios da ADMA, dos Ex-Alunos de Dom Bosco e de numerosos voluntários que colaboram em sua obra de caridade. Com a ajuda de generosos voluntários e benfeitores, funda o centro de acolhida «Auxilium». Com a vida e a palavra ensina a descobrir e a servir Cristo nos pobres, testemunhando a caridade do Bom Pastor.

 

Assim se apresentava: “Eu não passo de um pobre padre… Até eu fico admirado ao ver que todas as pessoas, cheias de problemas – por vezes sem solução – , vêm falar comigo… Só com a poderosíssima arma da oração, com a ajuda de Nossa Senhora, do seu Filho, Jesus, é que se podem por vezes resolver tais problemas”.

 

Finou sua vida terrena no dia 12 de junho de 2012, envolto por grande fama de santidade e de sinais. Com a Causa do P. Silvio Galli sobem a 169 os candidatos à santidade da FS (Família Salesiana).

Fonte: Agência iNfo Salesiana – ANS

Rate this item
(0 votes)

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.