Aluna conquista 1º lugar estadual no concurso de redação dos Correios

Monday, 08 May 2017 18:02 Written by  RSB Informa com informações de Cintia Preis de Andrade
A aluna do Instituto Maria Auxiliadora (IMA) de Rio do Sul, SC, Maria Amélia Vozniak, do 9º ano do ensino fundamental, conquistou o 1º lugar em Santa Catarina no 46º Concurso Internacional de Redação de Cartas da União Postal Universal (UPU).

Na redação os alunos deveriam se colocar na condição de assessores do secretário geral da Organização das Nações Unidas (ONU) e responderem a pergunta: “Qual o problema mundial você ajudaria a resolver em primeiro lugar e de que forma você aconselharia para isso?”. A aluna escreveu uma carta sobre a questão da desigualdade entre os países membros do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas, apontando a falta de proporção e até mesmo tendenciosidade na distribuição de poderes do Conselho, que privilegiaria os países ricos em detrimento dos subdesenvolvidos. 

 

“Além disso, o questionamento que ressoa é o seguinte: como a ONU pretende alcançar seu objetivo até 2030, que visa suscitar sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, promover acesso à justiça para todos, construir instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis, sendo que no interior de sua instituição existe uma situação de desigualdade?”, questiona Maria Amélia no texto.

 

Para escrever sua redação, a aluna teve acompanhamento e incentivo do professor Cleiton Baldo, de História. A escolha do texto se deu a partir de um processo seletivo interno, com apoio dos professores de Língua Portuguesa Douglas Ozol e Juliana Fronza, que resultou na escolha de duas redações para concorrer no âmbito estadual. Segundo o Prof. Cleiton, as grandes organizações, como a ONU, estão tentando uma aproximação com a sociedade civil, e essa é uma grande oportunidade para as escolas. As questões relacionadas à ONU já vinham sendo debatidas com os alunos em sala de aula há algum tempo, e o incentivo à participação dos estudantes no concurso se deu dentro desse contexto de trabalhos e estudos sobre o tema.

 

Sobre a participação no concurso, a aluna da RSB-Escolas destaca: “Eu acho que vale a pena tentar. Era um assunto que me interessava. Então não foi difícil, não tive que forçar. Foi algo bem natural e que deu resultado”. Para o professor, o aprofundamento do debate realizado pela aluna mostra a importância do respeito ao jovem como alguém com senso crítico e papel de destaque na sociedade. “A gente quebra um pouquinho com aquele discurso, ‘olha, se vocês não estudarem, vocês não vão ser alguém’. Mas eles já são alguém. Eles são protagonistas. Acho que isso é educar para a vida”, finaliza. 

 

Sobre o concurso

O Concurso Internacional de Redação de Cartas para Jovens é promovido anualmente pela União Postal Universal (UPU), sediada em Berna, na Suíça, com a proposta de melhorar a alfabetização através da arte epistolar. O objetivo é incentivar a expressão da criatividade e a melhora dos conhecimentos linguísticos de crianças e adolescentes. Participam estudantes de até 15 anos de idade, previamente selecionados nas etapas nacionais.

 

No Brasil, a realização do concurso fica a cargo dos Correios e é desenvolvida em três fases: escolar, estadual e nacional. A quarta etapa – fase internacional – fica a cargo da UPU. A participação se dá por meio das escolas (rede pública e privada), que selecionam, entre as redações de seus alunos, até duas melhores cartas para representá-las.

 

A primeira melhor redação de cada estado segue para a fase nacional, onde apenas uma carta é escolhida, que irá representar o Brasil na fase internacional. O Brasil é o segundo país melhor colocado em âmbito internacional, atrás apenas da China

 

Fonte: RSB Informa

Rate this item
(0 votes)
Last modified on Wednesday, 10 May 2017 15:36

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.


Aluna conquista 1º lugar estadual no concurso de redação dos Correios

Monday, 08 May 2017 18:02 Written by  RSB Informa com informações de Cintia Preis de Andrade
A aluna do Instituto Maria Auxiliadora (IMA) de Rio do Sul, SC, Maria Amélia Vozniak, do 9º ano do ensino fundamental, conquistou o 1º lugar em Santa Catarina no 46º Concurso Internacional de Redação de Cartas da União Postal Universal (UPU).

Na redação os alunos deveriam se colocar na condição de assessores do secretário geral da Organização das Nações Unidas (ONU) e responderem a pergunta: “Qual o problema mundial você ajudaria a resolver em primeiro lugar e de que forma você aconselharia para isso?”. A aluna escreveu uma carta sobre a questão da desigualdade entre os países membros do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas, apontando a falta de proporção e até mesmo tendenciosidade na distribuição de poderes do Conselho, que privilegiaria os países ricos em detrimento dos subdesenvolvidos. 

 

“Além disso, o questionamento que ressoa é o seguinte: como a ONU pretende alcançar seu objetivo até 2030, que visa suscitar sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, promover acesso à justiça para todos, construir instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis, sendo que no interior de sua instituição existe uma situação de desigualdade?”, questiona Maria Amélia no texto.

 

Para escrever sua redação, a aluna teve acompanhamento e incentivo do professor Cleiton Baldo, de História. A escolha do texto se deu a partir de um processo seletivo interno, com apoio dos professores de Língua Portuguesa Douglas Ozol e Juliana Fronza, que resultou na escolha de duas redações para concorrer no âmbito estadual. Segundo o Prof. Cleiton, as grandes organizações, como a ONU, estão tentando uma aproximação com a sociedade civil, e essa é uma grande oportunidade para as escolas. As questões relacionadas à ONU já vinham sendo debatidas com os alunos em sala de aula há algum tempo, e o incentivo à participação dos estudantes no concurso se deu dentro desse contexto de trabalhos e estudos sobre o tema.

 

Sobre a participação no concurso, a aluna da RSB-Escolas destaca: “Eu acho que vale a pena tentar. Era um assunto que me interessava. Então não foi difícil, não tive que forçar. Foi algo bem natural e que deu resultado”. Para o professor, o aprofundamento do debate realizado pela aluna mostra a importância do respeito ao jovem como alguém com senso crítico e papel de destaque na sociedade. “A gente quebra um pouquinho com aquele discurso, ‘olha, se vocês não estudarem, vocês não vão ser alguém’. Mas eles já são alguém. Eles são protagonistas. Acho que isso é educar para a vida”, finaliza. 

 

Sobre o concurso

O Concurso Internacional de Redação de Cartas para Jovens é promovido anualmente pela União Postal Universal (UPU), sediada em Berna, na Suíça, com a proposta de melhorar a alfabetização através da arte epistolar. O objetivo é incentivar a expressão da criatividade e a melhora dos conhecimentos linguísticos de crianças e adolescentes. Participam estudantes de até 15 anos de idade, previamente selecionados nas etapas nacionais.

 

No Brasil, a realização do concurso fica a cargo dos Correios e é desenvolvida em três fases: escolar, estadual e nacional. A quarta etapa – fase internacional – fica a cargo da UPU. A participação se dá por meio das escolas (rede pública e privada), que selecionam, entre as redações de seus alunos, até duas melhores cartas para representá-las.

 

A primeira melhor redação de cada estado segue para a fase nacional, onde apenas uma carta é escolhida, que irá representar o Brasil na fase internacional. O Brasil é o segundo país melhor colocado em âmbito internacional, atrás apenas da China

 

Fonte: RSB Informa

Rate this item
(0 votes)
Last modified on Wednesday, 10 May 2017 15:36

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.