"Dom Bosco nos ajude a não decepcionar as aspirações dos nossos jovens"

Friday, 31 January 2020 16:11 Written by  Agência Info Salesiana
Nos últimos dias, centenas de pessoas passaram pelos lugares salesianos: ajoelham-se aos pés da Auxiliadora e, em seguida, visitam a imponente urna do Santo dos Jovens.


Quase todas as pessoas que passam ali, tocam sua mão no vidro, como a dizer algo a Dom Bosco. Nestes últimos dias, o Reitor-mor, padre Ángel Fernández Artime, está em Valdocco. Na quinta-feira, 30 de janeiro, ao recordar a visita do Papa Francisco de 2015, convidou toda a Família Salesiana "a não decepcionar as aspirações dos nossos jovens".

Também no dia 30 de janeiro, centenas de rapazes e moças passaram pelo altar de Dom Bosco. Uma professora, que conduzia um grupo de crianças, parou diante da urna e disse a elas: "Dom Bosco era um santo que dedicava sua vida aos jovens que não tinham casa nem família. Ele acolhia a todos eles, os educava, e depois os formava para que fossem profissionais na vida. Ele os ajudou a mudar suas vidas". Em seguida, acrescentou: “Se Dom Bosco não tivesse existido, aquelas crianças provavelmente não teriam tido uma casa, muito menos uma família. Este Santo que vocês estão vendo agora fez muito, mas muito mesmo pelas crianças pobres".

Na véspera da festa litúrgica de São João Bosco, 30 de janeiro, o padre Artime animou um momento de oração na Basílica de Maria Auxiliadora e lembrou as palavras que o Papa Francisco pronunciou quando visitou a Basílica em 2015.

“O Papa nos deixou três tarefas: devemos empenhar-nos por praticar. Disse em primeiro lugar, que as almas dos meninos e meninas estão abertas à vida e ao encontro com Deus; e que nós, como Família Salesiana, devemos acompanhá-los nesta fase importante". Em seguida, convidou toda a Família Salesiana a colaborar com o objetivo fundamental de "salvar almas, trabalhar com os jovens e servir aos mais pobres". Para a terceira tarefa, pediu a todos "que não decepcionem as aspirações profundas que há nos jovens. Que aspirações? Primeiro, a necessidade de vida, abertura, alegria, liberdade, futuro, e depois, de poder colaborar na construção de um mundo mais justo e fraterno".

No final da celebração, o Reitor-mor aproximou-se do altar de Dom Bosco e ali, no mesmo lugar em que se encontra o corpo do Santo, invocou e deu a bênção de Deus sobre toda a Família Salesiana no mundo.


Fonte: Agência Info Salesiana

Rate this item
(1 Vote)
Last modified on Friday, 31 January 2020 16:24

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.


"Dom Bosco nos ajude a não decepcionar as aspirações dos nossos jovens"

Friday, 31 January 2020 16:11 Written by  Agência Info Salesiana
Nos últimos dias, centenas de pessoas passaram pelos lugares salesianos: ajoelham-se aos pés da Auxiliadora e, em seguida, visitam a imponente urna do Santo dos Jovens.


Quase todas as pessoas que passam ali, tocam sua mão no vidro, como a dizer algo a Dom Bosco. Nestes últimos dias, o Reitor-mor, padre Ángel Fernández Artime, está em Valdocco. Na quinta-feira, 30 de janeiro, ao recordar a visita do Papa Francisco de 2015, convidou toda a Família Salesiana "a não decepcionar as aspirações dos nossos jovens".

Também no dia 30 de janeiro, centenas de rapazes e moças passaram pelo altar de Dom Bosco. Uma professora, que conduzia um grupo de crianças, parou diante da urna e disse a elas: "Dom Bosco era um santo que dedicava sua vida aos jovens que não tinham casa nem família. Ele acolhia a todos eles, os educava, e depois os formava para que fossem profissionais na vida. Ele os ajudou a mudar suas vidas". Em seguida, acrescentou: “Se Dom Bosco não tivesse existido, aquelas crianças provavelmente não teriam tido uma casa, muito menos uma família. Este Santo que vocês estão vendo agora fez muito, mas muito mesmo pelas crianças pobres".

Na véspera da festa litúrgica de São João Bosco, 30 de janeiro, o padre Artime animou um momento de oração na Basílica de Maria Auxiliadora e lembrou as palavras que o Papa Francisco pronunciou quando visitou a Basílica em 2015.

“O Papa nos deixou três tarefas: devemos empenhar-nos por praticar. Disse em primeiro lugar, que as almas dos meninos e meninas estão abertas à vida e ao encontro com Deus; e que nós, como Família Salesiana, devemos acompanhá-los nesta fase importante". Em seguida, convidou toda a Família Salesiana a colaborar com o objetivo fundamental de "salvar almas, trabalhar com os jovens e servir aos mais pobres". Para a terceira tarefa, pediu a todos "que não decepcionem as aspirações profundas que há nos jovens. Que aspirações? Primeiro, a necessidade de vida, abertura, alegria, liberdade, futuro, e depois, de poder colaborar na construção de um mundo mais justo e fraterno".

No final da celebração, o Reitor-mor aproximou-se do altar de Dom Bosco e ali, no mesmo lugar em que se encontra o corpo do Santo, invocou e deu a bênção de Deus sobre toda a Família Salesiana no mundo.


Fonte: Agência Info Salesiana

Rate this item
(1 Vote)
Last modified on Friday, 31 January 2020 16:24

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.