Missões Salesianas promove formação profissional para mulheres

Sexta, 09 Dezembro 2022 16:45 Escrito por  Agência Info Salesiana
Um grupo de 50 jovens mulheres que vivem na Casa Salesiana de Surakshita, em Ravulapalem, no estado indiano de Andhra Pradesh, receberam formação profissional graças a ação das Missões Salesianas, da Procuradoria Missionária Salesiana de New Rochelle, nos Estados Unidos.


A casa salesiana oferece uma estrutura habitacional completa - com dormitórios, banheiros, refeitório, sala de trabalho e laboratório - às jovens que tiveram problemas com a lei.

Graças à ajuda financeira das Missões Salesianas, de março a outubro de 2022, os responsáveis ​​da casa puderam oferecer às jovens beneficiárias cursos de formação em corte e costura e artesanato, além de material educativo e informações sobre seus direitos.

Quando as jovens são acolhidas no programa salesiano, recebem imediatamente roupa e alimentos adequados às suas necessidades. Em seguida, passam por um exame médico minucioso e, caso tenham algum problema de saúde, recebem atendimento individual. Além disso, têm acesso a advogados e suporte jurídico para seus processos judiciais.

Após oito meses de percurso formativo, as 50 mulheres concluíram o curso de corte e costura, e algumas delas já conseguiram emprego no setor. Outras costuraram e bordaram para si e para outras pessoas. Vinte delas também receberam máquinas de costura para gerar renda e se sustentar.

Além disso, uma vez concluído todo o curso de formação na Casa de Surakshita, 13 concluíram o processo de reintegração familiar. E, testemunhando um adquirido compromisso cívico e social, as beneficiárias desse programa salesiano também participaram de uma vigília de conscientização para pôr fim aos casamentos precoces no país - um flagelo que, de acordo com os dados da UNICEF, coloca a Índia em primeiro lugar no mundo, por número de casos.

“Este programa oferece, às jovens que tiveram problemas com a lei, uma segunda chance na vida e as habilitações necessárias para conseguir um emprego e se sustentar”, afirma o padre Gus Baek, responsável pelas Missões Salesianas. De acordo com ele programas salesianos não só oferecem educação, mas também preparam as jovens para trabalhar nos setores mais procurados no mercado de trabalho. “Essas jovens possuem agora habilitações que as capacitam a se tornar autossuficientes”, conclui o padre Gus.


Fonte: Agência Info Salesiana

Avalie este item
(0 votos)
Última modificação em Sexta, 09 Dezembro 2022 16:54

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.


Missões Salesianas promove formação profissional para mulheres

Sexta, 09 Dezembro 2022 16:45 Escrito por  Agência Info Salesiana
Um grupo de 50 jovens mulheres que vivem na Casa Salesiana de Surakshita, em Ravulapalem, no estado indiano de Andhra Pradesh, receberam formação profissional graças a ação das Missões Salesianas, da Procuradoria Missionária Salesiana de New Rochelle, nos Estados Unidos.


A casa salesiana oferece uma estrutura habitacional completa - com dormitórios, banheiros, refeitório, sala de trabalho e laboratório - às jovens que tiveram problemas com a lei.

Graças à ajuda financeira das Missões Salesianas, de março a outubro de 2022, os responsáveis ​​da casa puderam oferecer às jovens beneficiárias cursos de formação em corte e costura e artesanato, além de material educativo e informações sobre seus direitos.

Quando as jovens são acolhidas no programa salesiano, recebem imediatamente roupa e alimentos adequados às suas necessidades. Em seguida, passam por um exame médico minucioso e, caso tenham algum problema de saúde, recebem atendimento individual. Além disso, têm acesso a advogados e suporte jurídico para seus processos judiciais.

Após oito meses de percurso formativo, as 50 mulheres concluíram o curso de corte e costura, e algumas delas já conseguiram emprego no setor. Outras costuraram e bordaram para si e para outras pessoas. Vinte delas também receberam máquinas de costura para gerar renda e se sustentar.

Além disso, uma vez concluído todo o curso de formação na Casa de Surakshita, 13 concluíram o processo de reintegração familiar. E, testemunhando um adquirido compromisso cívico e social, as beneficiárias desse programa salesiano também participaram de uma vigília de conscientização para pôr fim aos casamentos precoces no país - um flagelo que, de acordo com os dados da UNICEF, coloca a Índia em primeiro lugar no mundo, por número de casos.

“Este programa oferece, às jovens que tiveram problemas com a lei, uma segunda chance na vida e as habilitações necessárias para conseguir um emprego e se sustentar”, afirma o padre Gus Baek, responsável pelas Missões Salesianas. De acordo com ele programas salesianos não só oferecem educação, mas também preparam as jovens para trabalhar nos setores mais procurados no mercado de trabalho. “Essas jovens possuem agora habilitações que as capacitam a se tornar autossuficientes”, conclui o padre Gus.


Fonte: Agência Info Salesiana

Avalie este item
(0 votos)
Última modificação em Sexta, 09 Dezembro 2022 16:54

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.