Restam apenas 20 vagas para o Curso de Comunicação para bispos que será realizado de 4 a 8 de novembro, no Recife, PE. O evento é destinado exclusivamente ao episcopado brasileiro, com assessoria da Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil).
Published in Nacionais
Irmã Carmén Canales, delegada geral para a Pastoral Juvenil das FMA, participou da Jornada Mundial da Juventude no Rio de Janeiro e agora relata, com um breve depoimento, como foi significativo cada momento da JMJ e principalmente cada mensagem emitida pelo Santo Padre aos jovens.  
Published in Juventude
  Na segunda-feira, 1º de julho, o arcebispo de Aparecida, SP, e presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), cardeal Raymundo Damasceno Assis comunicou oficialmente que o prazo para credenciamento dos presbíteros e diáconos para concelebrar com o Papa Francisco, encerra no próximo dia 4. A missa será celebrada pelo Pontífice no dia 24 de julho, no Santuário Nacional de Aparecida, interior de São Paulo.   De acordo com informações da Sala de Imprensa do Santuário Nacional, não há limite no número de religiosos que vão concelebrar com o Papa. As credenciais deverão ser retiradas na Secretaria de Pastoral entre os dias 13 a 23 de julho. Os telefones disponíveis para cadastramento são (12) 3104-1693, 3104.1692 e 3104-1696. É necessário informar os dados pessoais do religioso.   CNBB
Published in Nacionais
O padre salesiano Piero Gavioli, diretor do Centro Dom Bosco Ngangi, enviou informações sobre a situação no Norte Kivu, província da República Democrática do Congo que foi novamente atingida pela guerra civil do país no final de maio. Como porta-voz da população, o padre salesiano faz um apelo comovente para que as pessoas de boa vontade voltem seus olhos e suas orações para a região.   Os bombardeios flagelam o Norte Kivu, na República Democrática do Congo: morrem os inocentes, a população espaventada deixa os campos de refugiados e o Centro Dom Bosco abre mais uma vez suas portas. Na quarta-feira, 22 de maio, ouvimos, muitas vezes e mais perto, da manhã até o início da tarde, o troar dos canhões. Depois, o silêncio, difícil de interpretar. Uma bomba caiu no bairro Ndosho, perto da Paróquia São Francisco Xavier. Uma menininha de 4 anos foi morta; um garotinho perdeu uma perna e outro, um braço; outros ficaram feridos. De tarde explode mais uma bomba perto do mesmo bairro: morto um menino de 11 anos e muitos os feridos... Entre os combatentes, dezenas e dezenas de mortos e de feridos. As bombas caídas perto dos campos de Mugunga provocaram a fuga de muitos habitantes: segundo a France Presse, seriam 30.000 os refugiados que deixaram os campos. Achamos que muitos destes virão em busca de refúgio no Centro Dom Bosco.
Published in Missões
  O “Dia mundial contra o trabalho de crianças e adolescentes” celebrado hoje, 12 de junho, não pretende ser apenas uma data no calendário, mas sim um chamado a um empenho mais intenso na oposição a tais fenômenos que, como demonstram várias boas práticas já ativas no mundo, podem realmente ser contrastados.   No final do mês de abril a Organização Internacional para o Trabalho (ILO, em inglês) publicou o seu último “Relatório mundial sobre o trabalho de menores”, que além de apresentar dados e estatísticas inerentes à matéria, oferece várias análises relativas aos temas relacionados ao trabalho de menores: a vulnerabilidade econômica e a proteção social.   Há atualmente cerca de 215 milhões de trabalhadores mirins no mundo, dos quais 115 milhões em condições assemelhadas à escravidão, ameaçados de extorsão por dívidas, e explorados por prostituição e atividades ilícitas, ou empregados em trabalhos muito dispendiosos, e arriscados para a saúde e a segurança. 60% trabalham na agricultura. São 15,5 milhões as crianças e adolescentes empregados no trabalho doméstico. Só um sobre cinco recebe pagamento, os outros trabalham dentro da família, sem remuneração.   A situação desses menores depende com frequência da situação das suas famílias: pais pobres, famílias desestruturadas, com baixos níveis de escolarização – todos fatores que aumentam as probabilidades para um menor de ser “vendido” ou ao menos de deixar os estudos e ser destinado ao trabalho desde a infância.   O Dia Mundial contra o Trabalho de Crianças e adolescentes 2013 concentra-se no tema do trabalho doméstico e quer lembrar como, se é verdade que uma situação familiar difícil pode favorecer o trabalho de menores, é também verdade que o retorno a uma situação familiar positiva pode salvaguardar o presente e o futuro de crianças e adolescentes.   Os especialistas de ILO observaram uma sensível redução de trabalho de menor quando se adotam projetos de proteção social:   No Brasil, a adoção do programa “Bolsa Família”, que prevê a doação de uma quantia fixa mensal às famílias com crianças para garantir-lhe a frequência escolar, mostrou uma sensível diminuição do trabalho de menores tanto no campo quanto na cidade; estudos feitos na África do Sul, Botswana, Maláui, Namíbia Tanzânia e Zimbábue, países em que mais de 50% dos órfãos vivem com os avós, têm mostrado um decréscimo de trabalho de menores quando se dá o auxílio-sustento aos idosos.   Em vista do Dia Mundial Contra o Trabalho de Menor, as procuradorias missionárias salesianas atuaram em campanhas de solidariedade, que atestam como a Congregação Salesiana é contra qualquer forma de exploração dos menores e a favor do desenvolvimento integral dos jovens em todos os países do mundo. A procuradoria de Madri, por exemplo, lançou a campanha “Não estou à venda”, para denunciar o dramático problema da exploração de menores; a de Bonn, na Alemanha,  renovou o seu empenho com o projeto, na Índia, da “Kinderbank” (Banco da Criança): banco que permite aos pequenos, que trabalham regularmente, depositar as próprias economias com segurança, oferecendo-lhes ao mesmo tempo uma certidão de identidade civil.   InfoANS
Published in Internacionais
Ex-aluna do Centro Educacional Maria Auxiliadora de Brasília, DF, Nayara Azevedo venceu a fase nacional do International Public Speaking Competition, e segue nesta semana para Londres, onde representará o Brasil na etapa final, a ser realizada entre os dias 13 e 17 de maio. O concurso tem o objetivo de reunir os melhores oradores de todo o mundo para uma semana de intercâmbio cultural e competição de oratória, em que terão a oportunidade de conhecer e interagir com outros jovens entre 16 e 20 anos. Outro objetivo da iniciativa é estimular a fluência na língua inglesa e a autoconfiança dos jovens para falar em público.   A programação da semana conta com debates e oficinas sobre falar em público, ministradas pelos treinadores e mentores dos candidatos, uma série de passeios e excursões educacionais e culturais em Londres, e, como atividade principal, as eliminatórias, semifinais e a grande final da competição. “As ideias são nossas maiores armas” é o principal tema a ser discutido.   Quando estava no colégio da RSE, onde se formou em 2012, Nayara sempre participou de eventos relacionados à oratória e, por muitas vezes, atuou como mestra de cerimônias e apresentadora de festivais e mostras. Segundo a Equipe Pedagógica do CEMA, ela é uma aluna dedicada e exemplar que coleciona conquistas como, por exemplo, o 1º lugar no concurso de redação promovido no ano passado pelo Sinep do DF e o ingresso no curso de Química Tecnológica da Universidade Nacional de Brasília. “Nayara tem excelente domínio da língua, segurança e domínio de palco, ou seja, não lhe falta talento para alcançar êxito”, afirma a educadora Débora Iglesias Maia.   Nayara, por sua vez, está motivada e ansiosa pela experiência internacional: “Ter a oportunidade de conhecer pessoas de culturas tão diferentes da minha foi uma das coisas que me motivaram a participar da competição. Acho que será um momento de muito aprendizado, troca de ideias e culturas. Só de pensar em representar o Brasil inteiro já dá um frio na barriga enorme! Essa é uma grande responsabilidade e uma grande honra, eu espero representá-lo bem”, afirma.   Sobre o concurso   O International Public Speaking Competition (IPSC) tem 32 anos de história. Quando começou, era um torneio internacional entre a Inglaterra e a Austrália. Hoje, a competição chega a mais de 40 mil jovens em cerca de 50 países em todo o globo. Entre os vencedores do torneio, estão oradores de Maurício, Filipinas, Iêmen, Líbano e Coreia.   RSE Informa
Published in Internacionais
“Como Dom Bosco educador, ofereçamos aos jovens o Evangelho da alegria mediante a pedagogia da bondade.” Utilizando como inspiração a Estreia 2013 do reitor-mor dos salesianos, padre Pascual Chávez, integrantes da Família Salesiana de Santa Catarina se reuniram no Colégio São Paulo, em Ascurra, SC, no dia 1º de maio, para participar de um retiro. O encontro, que contou com a presença de cerca de 100 pessoas, reuniu sacerdotes, irmãs, seminaristas, Salesianos Cooperadores, ADMA (Associação de Maria Auxiliadora) e ex-alunos em um dia de orações, reflexões e integração. O cronograma do encontro foi planejado pela equipe do Colégio Dom Bosco de Rio do Sul, sob a orientação do padre Nívio Hammes.   Também no dia 1º de maio, os Salesianos de Dom Bosco (SDB) residentes em Rio Grande e Bagé e as Filhas de Maria Auxiliadora (FMA), que atuam em Bagé, se reuniram para um dia de oração e reflexão no Colégio Maria Auxiliadora, RS. O momento foi marcado pela alegria do encontro entre os nove irmãos e irmãs e pelos momentos celebrativos, conduzidos pelas FMA e pelos padres Osvaldo Bisewski, Dirceu Fernando Beloto e Virgilio Altini.   A Família Salesiana de Uruguaiana e Santa Rosa, no Rio Grande do Sul, também se reuniram no 1º dia do mês de maio para realizar o seu Retiro Anual. O encontro foi realizado no Mosteiro da Transfiguração, em Santa Rosa, e contou com a participação de Salesianos (SDB), Filhas de Maria Auxiliadora (FMA), Apóstolas da Sagrada Família (ASF) e Salesianos Cooperadores (SSCC), que juntos, refletiram e rezaram tendo como texto principal a Estreia de 2013. O encontro foi encerrado com a celebração da Eucaristia, presidida pelo padre Ricardo Costa Vicente.   Inspetoria São Pio X
Published in Nacionais
  O Colégio Santa Rosa de Niterói, primeira casa salesiana do Brasil, comemora neste ano de 2013, em 14 de julho, seus 130 anos de presença salesiana no país. Será uma comemoração especial, pois o colégio acolherá jovens de todo o mundo que participarão da Jornada Mundial da Juventude (JMJ 2013).   Aos 14 de julho de 1883, aportava na baía de Guanabara o primeiro grupo de Salesianos, vindo ao Brasil a pedido do bispo do Rio de Janeiro, dom Pedro Maria de Lacerda que foi o pai, o sustentáculo, o grande benfeitor da obra. Eram sete entre os sacerdotes e irmãos leigos, guiados por Dom Lasagna, o heróico desbravador da obra salesiana no Brasil e que, em 1895, sucumbiu no desastre da Central do Brasil, entre Juiz de Fora e Mariano Procópio, MG.  
Published in Salesianidade
  A área de Manaus está organizando a tradicional Manifestação Mariana Salesiana que ocorre no mês de maio. Este ano o evento será realizado no dia 25 de maio, com concentração no Centro Educacional Mazzarello no Alvorada I, zona Centro-Oeste, a partir das 16h. O evento tem por objetivo promover uma grande concentração de todas as casas das Filhas de Maria Auxiliadora (FMA) e Salesianos (SDB), de Manaus, que sairão pelas ruas louvando e bendizendo a presença de Maria, a Auxiliadora de Dom Bosco.   Este ano o evento tem como novidade o local de realização. Já há alguns anos o evento estava sendo organizado pela região do centro da cidade. A equipe organizadora, composta pelos animadores pastorais das casas, salesianos, FMA e leigos, decidiu deslocar o evento e com isso favorecer uma nova experiência em outra região da cidade.   O evento tem como tema inspirador a carta de Estreia do reitor-mor dos salesianos, padre Pascual Chávez. O tema do evento deste ano é: “Com Maria, vivamos o Evangelho da alegria” e o lema: “Alegra-te cheia de graça, o Senhor é contigo!” (Lc 1,28)   As atividades preparatórias já estão em andamento e, desde o dia 13 de abril, foi iniciada a peregrinação da imagem de Nossa Senhora Auxiliadora, que já percorre as casas salesianas de Manaus, para reforçar a preparação ao evento.   O objetivo do encontro é fazer um grande ato de louvor a Maria e reunir todos os participantes das casas salesianas encerrando o mês de Maio com um grande louvor a Maria.   Clique aqui para ver a programação da peregrinação da imagem de Maria Auxiliadora   Inspetoria Salesiana do Amazonas
Published in Nacionais
Nesta quarta-feira,  20 de março, a abertura do IV Fórum de IES Católicas realizou-se  com a reflexão do grão-chanceler da PUC Minas e arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, Dom Walmor Oliveira de Azevedo, ele citou que cada instituição de Ensino Superior católica é um instrumento indispensável para que a Igreja sirva, ensine o Evangelho e encontre caminhos.   O IV Fórum de IES Católicas, acontece até esta sexta-feira, 22 de março, no auditório 3 do prédio 43 do campus Coração Eucarístico da Universidade, com o tema central Fraternidade e Juventude Universitária. A ocasião foi aberta com a apresentação do Coral PUC Minas, sob a regência do maestro Marco Antônio Drumond. O evento é preparatório para o Congresso Mundial de Universidades Católicas, que a PUC Minas sediará de 18 a 21 de julho, com o tema Novos Tempos, Novos Sentidos.   Também participaram da abertura do evento, dirigentes de instituições e de entidades da área, o padre José Marinoni; o presidente da Câmara de Ensino Superior da Anec, o reitor da PUC Minas e bispo auxiliar da Arquidiocese de Belo Horizonte, professor Dom Joaquim Giovani Mol Guimarães; o diretor da Anec e reitor da Universidade Católica Dom Bosco, irmão Frederico Unterberger; e o presidente Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras (Crub), do Conselho Superior da Anec e reitor da PUC Goiás, professor Wolmir Therezio Amado.   Leia a notícia na íntegra no portal da ANEC  
Published in Nacionais
Page 5 of 7
Restam apenas 20 vagas para o Curso de Comunicação para bispos que será realizado de 4 a 8 de novembro, no Recife, PE. O evento é destinado exclusivamente ao episcopado brasileiro, com assessoria da Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil).
Published in Nacionais
Irmã Carmén Canales, delegada geral para a Pastoral Juvenil das FMA, participou da Jornada Mundial da Juventude no Rio de Janeiro e agora relata, com um breve depoimento, como foi significativo cada momento da JMJ e principalmente cada mensagem emitida pelo Santo Padre aos jovens.  
Published in Juventude
  Na segunda-feira, 1º de julho, o arcebispo de Aparecida, SP, e presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), cardeal Raymundo Damasceno Assis comunicou oficialmente que o prazo para credenciamento dos presbíteros e diáconos para concelebrar com o Papa Francisco, encerra no próximo dia 4. A missa será celebrada pelo Pontífice no dia 24 de julho, no Santuário Nacional de Aparecida, interior de São Paulo.   De acordo com informações da Sala de Imprensa do Santuário Nacional, não há limite no número de religiosos que vão concelebrar com o Papa. As credenciais deverão ser retiradas na Secretaria de Pastoral entre os dias 13 a 23 de julho. Os telefones disponíveis para cadastramento são (12) 3104-1693, 3104.1692 e 3104-1696. É necessário informar os dados pessoais do religioso.   CNBB
Published in Nacionais
O padre salesiano Piero Gavioli, diretor do Centro Dom Bosco Ngangi, enviou informações sobre a situação no Norte Kivu, província da República Democrática do Congo que foi novamente atingida pela guerra civil do país no final de maio. Como porta-voz da população, o padre salesiano faz um apelo comovente para que as pessoas de boa vontade voltem seus olhos e suas orações para a região.   Os bombardeios flagelam o Norte Kivu, na República Democrática do Congo: morrem os inocentes, a população espaventada deixa os campos de refugiados e o Centro Dom Bosco abre mais uma vez suas portas. Na quarta-feira, 22 de maio, ouvimos, muitas vezes e mais perto, da manhã até o início da tarde, o troar dos canhões. Depois, o silêncio, difícil de interpretar. Uma bomba caiu no bairro Ndosho, perto da Paróquia São Francisco Xavier. Uma menininha de 4 anos foi morta; um garotinho perdeu uma perna e outro, um braço; outros ficaram feridos. De tarde explode mais uma bomba perto do mesmo bairro: morto um menino de 11 anos e muitos os feridos... Entre os combatentes, dezenas e dezenas de mortos e de feridos. As bombas caídas perto dos campos de Mugunga provocaram a fuga de muitos habitantes: segundo a France Presse, seriam 30.000 os refugiados que deixaram os campos. Achamos que muitos destes virão em busca de refúgio no Centro Dom Bosco.
Published in Missões
  O “Dia mundial contra o trabalho de crianças e adolescentes” celebrado hoje, 12 de junho, não pretende ser apenas uma data no calendário, mas sim um chamado a um empenho mais intenso na oposição a tais fenômenos que, como demonstram várias boas práticas já ativas no mundo, podem realmente ser contrastados.   No final do mês de abril a Organização Internacional para o Trabalho (ILO, em inglês) publicou o seu último “Relatório mundial sobre o trabalho de menores”, que além de apresentar dados e estatísticas inerentes à matéria, oferece várias análises relativas aos temas relacionados ao trabalho de menores: a vulnerabilidade econômica e a proteção social.   Há atualmente cerca de 215 milhões de trabalhadores mirins no mundo, dos quais 115 milhões em condições assemelhadas à escravidão, ameaçados de extorsão por dívidas, e explorados por prostituição e atividades ilícitas, ou empregados em trabalhos muito dispendiosos, e arriscados para a saúde e a segurança. 60% trabalham na agricultura. São 15,5 milhões as crianças e adolescentes empregados no trabalho doméstico. Só um sobre cinco recebe pagamento, os outros trabalham dentro da família, sem remuneração.   A situação desses menores depende com frequência da situação das suas famílias: pais pobres, famílias desestruturadas, com baixos níveis de escolarização – todos fatores que aumentam as probabilidades para um menor de ser “vendido” ou ao menos de deixar os estudos e ser destinado ao trabalho desde a infância.   O Dia Mundial contra o Trabalho de Crianças e adolescentes 2013 concentra-se no tema do trabalho doméstico e quer lembrar como, se é verdade que uma situação familiar difícil pode favorecer o trabalho de menores, é também verdade que o retorno a uma situação familiar positiva pode salvaguardar o presente e o futuro de crianças e adolescentes.   Os especialistas de ILO observaram uma sensível redução de trabalho de menor quando se adotam projetos de proteção social:   No Brasil, a adoção do programa “Bolsa Família”, que prevê a doação de uma quantia fixa mensal às famílias com crianças para garantir-lhe a frequência escolar, mostrou uma sensível diminuição do trabalho de menores tanto no campo quanto na cidade; estudos feitos na África do Sul, Botswana, Maláui, Namíbia Tanzânia e Zimbábue, países em que mais de 50% dos órfãos vivem com os avós, têm mostrado um decréscimo de trabalho de menores quando se dá o auxílio-sustento aos idosos.   Em vista do Dia Mundial Contra o Trabalho de Menor, as procuradorias missionárias salesianas atuaram em campanhas de solidariedade, que atestam como a Congregação Salesiana é contra qualquer forma de exploração dos menores e a favor do desenvolvimento integral dos jovens em todos os países do mundo. A procuradoria de Madri, por exemplo, lançou a campanha “Não estou à venda”, para denunciar o dramático problema da exploração de menores; a de Bonn, na Alemanha,  renovou o seu empenho com o projeto, na Índia, da “Kinderbank” (Banco da Criança): banco que permite aos pequenos, que trabalham regularmente, depositar as próprias economias com segurança, oferecendo-lhes ao mesmo tempo uma certidão de identidade civil.   InfoANS
Published in Internacionais
Ex-aluna do Centro Educacional Maria Auxiliadora de Brasília, DF, Nayara Azevedo venceu a fase nacional do International Public Speaking Competition, e segue nesta semana para Londres, onde representará o Brasil na etapa final, a ser realizada entre os dias 13 e 17 de maio. O concurso tem o objetivo de reunir os melhores oradores de todo o mundo para uma semana de intercâmbio cultural e competição de oratória, em que terão a oportunidade de conhecer e interagir com outros jovens entre 16 e 20 anos. Outro objetivo da iniciativa é estimular a fluência na língua inglesa e a autoconfiança dos jovens para falar em público.   A programação da semana conta com debates e oficinas sobre falar em público, ministradas pelos treinadores e mentores dos candidatos, uma série de passeios e excursões educacionais e culturais em Londres, e, como atividade principal, as eliminatórias, semifinais e a grande final da competição. “As ideias são nossas maiores armas” é o principal tema a ser discutido.   Quando estava no colégio da RSE, onde se formou em 2012, Nayara sempre participou de eventos relacionados à oratória e, por muitas vezes, atuou como mestra de cerimônias e apresentadora de festivais e mostras. Segundo a Equipe Pedagógica do CEMA, ela é uma aluna dedicada e exemplar que coleciona conquistas como, por exemplo, o 1º lugar no concurso de redação promovido no ano passado pelo Sinep do DF e o ingresso no curso de Química Tecnológica da Universidade Nacional de Brasília. “Nayara tem excelente domínio da língua, segurança e domínio de palco, ou seja, não lhe falta talento para alcançar êxito”, afirma a educadora Débora Iglesias Maia.   Nayara, por sua vez, está motivada e ansiosa pela experiência internacional: “Ter a oportunidade de conhecer pessoas de culturas tão diferentes da minha foi uma das coisas que me motivaram a participar da competição. Acho que será um momento de muito aprendizado, troca de ideias e culturas. Só de pensar em representar o Brasil inteiro já dá um frio na barriga enorme! Essa é uma grande responsabilidade e uma grande honra, eu espero representá-lo bem”, afirma.   Sobre o concurso   O International Public Speaking Competition (IPSC) tem 32 anos de história. Quando começou, era um torneio internacional entre a Inglaterra e a Austrália. Hoje, a competição chega a mais de 40 mil jovens em cerca de 50 países em todo o globo. Entre os vencedores do torneio, estão oradores de Maurício, Filipinas, Iêmen, Líbano e Coreia.   RSE Informa
Published in Internacionais
“Como Dom Bosco educador, ofereçamos aos jovens o Evangelho da alegria mediante a pedagogia da bondade.” Utilizando como inspiração a Estreia 2013 do reitor-mor dos salesianos, padre Pascual Chávez, integrantes da Família Salesiana de Santa Catarina se reuniram no Colégio São Paulo, em Ascurra, SC, no dia 1º de maio, para participar de um retiro. O encontro, que contou com a presença de cerca de 100 pessoas, reuniu sacerdotes, irmãs, seminaristas, Salesianos Cooperadores, ADMA (Associação de Maria Auxiliadora) e ex-alunos em um dia de orações, reflexões e integração. O cronograma do encontro foi planejado pela equipe do Colégio Dom Bosco de Rio do Sul, sob a orientação do padre Nívio Hammes.   Também no dia 1º de maio, os Salesianos de Dom Bosco (SDB) residentes em Rio Grande e Bagé e as Filhas de Maria Auxiliadora (FMA), que atuam em Bagé, se reuniram para um dia de oração e reflexão no Colégio Maria Auxiliadora, RS. O momento foi marcado pela alegria do encontro entre os nove irmãos e irmãs e pelos momentos celebrativos, conduzidos pelas FMA e pelos padres Osvaldo Bisewski, Dirceu Fernando Beloto e Virgilio Altini.   A Família Salesiana de Uruguaiana e Santa Rosa, no Rio Grande do Sul, também se reuniram no 1º dia do mês de maio para realizar o seu Retiro Anual. O encontro foi realizado no Mosteiro da Transfiguração, em Santa Rosa, e contou com a participação de Salesianos (SDB), Filhas de Maria Auxiliadora (FMA), Apóstolas da Sagrada Família (ASF) e Salesianos Cooperadores (SSCC), que juntos, refletiram e rezaram tendo como texto principal a Estreia de 2013. O encontro foi encerrado com a celebração da Eucaristia, presidida pelo padre Ricardo Costa Vicente.   Inspetoria São Pio X
Published in Nacionais
  O Colégio Santa Rosa de Niterói, primeira casa salesiana do Brasil, comemora neste ano de 2013, em 14 de julho, seus 130 anos de presença salesiana no país. Será uma comemoração especial, pois o colégio acolherá jovens de todo o mundo que participarão da Jornada Mundial da Juventude (JMJ 2013).   Aos 14 de julho de 1883, aportava na baía de Guanabara o primeiro grupo de Salesianos, vindo ao Brasil a pedido do bispo do Rio de Janeiro, dom Pedro Maria de Lacerda que foi o pai, o sustentáculo, o grande benfeitor da obra. Eram sete entre os sacerdotes e irmãos leigos, guiados por Dom Lasagna, o heróico desbravador da obra salesiana no Brasil e que, em 1895, sucumbiu no desastre da Central do Brasil, entre Juiz de Fora e Mariano Procópio, MG.  
Published in Salesianidade
  A área de Manaus está organizando a tradicional Manifestação Mariana Salesiana que ocorre no mês de maio. Este ano o evento será realizado no dia 25 de maio, com concentração no Centro Educacional Mazzarello no Alvorada I, zona Centro-Oeste, a partir das 16h. O evento tem por objetivo promover uma grande concentração de todas as casas das Filhas de Maria Auxiliadora (FMA) e Salesianos (SDB), de Manaus, que sairão pelas ruas louvando e bendizendo a presença de Maria, a Auxiliadora de Dom Bosco.   Este ano o evento tem como novidade o local de realização. Já há alguns anos o evento estava sendo organizado pela região do centro da cidade. A equipe organizadora, composta pelos animadores pastorais das casas, salesianos, FMA e leigos, decidiu deslocar o evento e com isso favorecer uma nova experiência em outra região da cidade.   O evento tem como tema inspirador a carta de Estreia do reitor-mor dos salesianos, padre Pascual Chávez. O tema do evento deste ano é: “Com Maria, vivamos o Evangelho da alegria” e o lema: “Alegra-te cheia de graça, o Senhor é contigo!” (Lc 1,28)   As atividades preparatórias já estão em andamento e, desde o dia 13 de abril, foi iniciada a peregrinação da imagem de Nossa Senhora Auxiliadora, que já percorre as casas salesianas de Manaus, para reforçar a preparação ao evento.   O objetivo do encontro é fazer um grande ato de louvor a Maria e reunir todos os participantes das casas salesianas encerrando o mês de Maio com um grande louvor a Maria.   Clique aqui para ver a programação da peregrinação da imagem de Maria Auxiliadora   Inspetoria Salesiana do Amazonas
Published in Nacionais
Nesta quarta-feira,  20 de março, a abertura do IV Fórum de IES Católicas realizou-se  com a reflexão do grão-chanceler da PUC Minas e arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, Dom Walmor Oliveira de Azevedo, ele citou que cada instituição de Ensino Superior católica é um instrumento indispensável para que a Igreja sirva, ensine o Evangelho e encontre caminhos.   O IV Fórum de IES Católicas, acontece até esta sexta-feira, 22 de março, no auditório 3 do prédio 43 do campus Coração Eucarístico da Universidade, com o tema central Fraternidade e Juventude Universitária. A ocasião foi aberta com a apresentação do Coral PUC Minas, sob a regência do maestro Marco Antônio Drumond. O evento é preparatório para o Congresso Mundial de Universidades Católicas, que a PUC Minas sediará de 18 a 21 de julho, com o tema Novos Tempos, Novos Sentidos.   Também participaram da abertura do evento, dirigentes de instituições e de entidades da área, o padre José Marinoni; o presidente da Câmara de Ensino Superior da Anec, o reitor da PUC Minas e bispo auxiliar da Arquidiocese de Belo Horizonte, professor Dom Joaquim Giovani Mol Guimarães; o diretor da Anec e reitor da Universidade Católica Dom Bosco, irmão Frederico Unterberger; e o presidente Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras (Crub), do Conselho Superior da Anec e reitor da PUC Goiás, professor Wolmir Therezio Amado.   Leia a notícia na íntegra no portal da ANEC  
Published in Nacionais
Page 5 of 7