Cinco projetos ligados a Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), Campo Grande, MS, estão entre os dez premiados no Startup Challenge by Fundect.
Publicado em Educação
Desde que a guerra começou, a Família Salesiana não parou de ajudar os refugiados e deslocados internos, por meio de variados projetos e iniciativas.
Publicado em Internacionais
A Rede Salesiana Brasil (RSB) foi certificada como participante em projetos desenvolvidos no Distrito Federal
Publicado em Ação Social
Para amenizar os efeitos causados pela pandemia da Covid-19, a Inspetoria São João Bosco apresentou dez propostas para promover a segurança alimentar de famílias e pessoas em situação de vulnerabilidade social.
Publicado em Ação Social
Reconhecimento é resultado dos projetos sociais implementados pela Rede Salesiana Brasil (RSB).
Publicado em Nacionais
Conheça os projetos emergências da Inspetoria Nossa Senhora da Paz, da África Ocidental Francófona, voltado para menores em situação de dificuldade: em Abidjan, na Costa do Marfim, e em Kara, Togo.
Publicado em Internacionais
Coordenadores de Grupos de Ação Missionária (GAMs) das presenças salesianas de Americana, Campinas, Pindamonhangaba e São Paulo se reuniram, no dia 3 de agosto, no Colégio São Joaquim, em Lorena, SP, junto com os membros das diversas comunidades atendidas pelos salesianos para a preparação da Ação Missionária.
Publicado em Nacionais
As vagas são limitadas e as inscrições são gratuitas. Além da bolsa integral, os jovens selecionados para fazer o curso receberão vale-transporte e material didático.   O Centro Profissional Gráfico (CPG) do Colégio Dom Bosco de Porto Alegre, RS, está com inscrições abertas até o dia 30 de junho para o curso Técnico em Impressão Gráfica. O curso é direcionado a jovens de ambos os sexos, com idade entre 15 e 18 anos, pertencentes a classes populares de Porto Alegre e Região Metropolitana. Como pré-requisito, os jovens precisam estar cursando o 2º ou 3º ano do ensino médio, ou já ter concluído, e também precisam ter conhecimentos básicos de informática.   O curso é realizado em três módulos, correspondendo a três semestres. As aulas são ministradas de segunda a sexta-feira, das 13h30min às 17h30min. As vagas são limitadas e as inscrições gratuitas. Além da bolsa integral, os jovens selecionados para fazer o curso receberão vale-transporte e material didático.   As inscrições devem ser feitas pelo site do Colégio Dom Bosco (www.colegiodombosco.net) ou na própria sede do CPG-S, localizada na Rua Marechal José Inácio da Silva, 389, Passo d’Areia, na mesma rua da Faculdade Dom Bosco de Porto Alegre. A lista dos selecionados será divulgada no dia 5 de julho no mesmo site. Mais informações pelo telefone (51) 3361.5039 ou (51) 8459.6952.   RSE Informa
Publicado em Nacionais
Todos os meses, o reitor-mor escreve aos leitores do Boletim Salesianoum artigo para leitura e reflexão. No segundo ano de preparação para o bicentenário de Dom Bosco, a proposta é debruçar-se sobre a pedagogia do Santo dos Jovens, a partir de reflexões escritas em primeira pessoa. Veja o artigo de junho.   Nasci pobre, contudo pelas minhas mãos passaram somas incríveis, às quais jamais apeguei o coração. Para mim, ser pobre queria dizer ser livre, daquela liberdade verdadeira que o Senhor nos ensinara com o exemplo e as palavras. Livres, não bloqueados! Pobre, como eu era, conheci e frequentei muitos ricos. Tinha uma ideia fixa que nem sempre foi compreendida, antes me suscitou um vespeiro de críticas cansativas e asfixiantes. Dizia e repito: “Não são os ricos que nos fazem a caridade, mas somos nós que a fazemos a eles, dando-lhes a oportunidade de fazer um pouco de bem”. Mais claro do que isso... Eu estava convencido de que “aos senhores, nunca há alguém que ouse dizer a verdade”.  
Publicado em Reitor-mor
  A equipe de voluntários Unidos Pelo Próximo (UPP) realizou na tarde de 21 de abril, o  espetáculo “Stand Up Solidário”. A apresentação foi feita em parceria com a Obra Social São João Bosco de Campinas (OSSJB), que cedeu o Teatro Dom Nery para que o evento fosse realizado, e a Equipe Zero Hora do Instituto Robert Bosch (IRB). O objetivo do evento foi arrecadar fundos para a ONG CEDAI (Centro de Dança Integrado) – um espaço de arte, prazer e interação que oferece oportunidades de convivência para pessoas com ou sem algum tipo de deficiência, fora dos ambientes das entidades, instituições e centros de reabilitação. As fundadoras da equipe UPP, Anne Kate Poltronieri e Natalie Martella, abriram o evento agradecendo a participação de todas as pessoas que colaboraram direta ou indiretamente para a realização do evento. Anne  passou a palavra para a coordenadora do Setor de Captação de Recursos da OSSJB, Aline Figueiredo, que rapidamente, apresentou o trabalho desenvolvido nos sete núcleos da cidade de Campinas e agradeceu o empenho e a participação de todos. Em seguida, Andréia Luciana, líder da equipe Zero Hora do IRB, ficou emocionada ao ver o engajamento das pessoas com a causa social e reforçou o compromisso e a satisfação do voluntariado. Keyla Ferrari Lopes, diretora do CEDAI, deu sequência ao evento apresentando um documentário sobre a história e o trabalho da ONG e relatou seu maior objetivo: “Realizar arte, dança e música com todas as pessoas independente de idade, classe social, condição física, motora, mental ou sensorial. Levar a beleza da diversidade por meio de encontros de histórias de vida e exemplos de boa vontade e disponibilidade”.  Após sua fala, o espetáculo foi iniciado. As duas primeiras apresentações foram marcadas por confiança, expressão corporal e de sentimento, por meio da dança. Mães e filhas no palco transmitiram aos convidados um exemplo de superação. A terceira dança animou a plateia e emocionou aos que assistiam à apresentação. A bailarina esbanjou suavidade e excelência nos movimentos, acompanhada por um amigo que lhe transmitia confiança e a conduzia de forma segura. Obra Social São João Bosco  
Publicado em Nacionais
Página 1 de 2
Cinco projetos ligados a Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), Campo Grande, MS, estão entre os dez premiados no Startup Challenge by Fundect.
Publicado em Educação
Desde que a guerra começou, a Família Salesiana não parou de ajudar os refugiados e deslocados internos, por meio de variados projetos e iniciativas.
Publicado em Internacionais
A Rede Salesiana Brasil (RSB) foi certificada como participante em projetos desenvolvidos no Distrito Federal
Publicado em Ação Social
Para amenizar os efeitos causados pela pandemia da Covid-19, a Inspetoria São João Bosco apresentou dez propostas para promover a segurança alimentar de famílias e pessoas em situação de vulnerabilidade social.
Publicado em Ação Social
Reconhecimento é resultado dos projetos sociais implementados pela Rede Salesiana Brasil (RSB).
Publicado em Nacionais
Conheça os projetos emergências da Inspetoria Nossa Senhora da Paz, da África Ocidental Francófona, voltado para menores em situação de dificuldade: em Abidjan, na Costa do Marfim, e em Kara, Togo.
Publicado em Internacionais
Coordenadores de Grupos de Ação Missionária (GAMs) das presenças salesianas de Americana, Campinas, Pindamonhangaba e São Paulo se reuniram, no dia 3 de agosto, no Colégio São Joaquim, em Lorena, SP, junto com os membros das diversas comunidades atendidas pelos salesianos para a preparação da Ação Missionária.
Publicado em Nacionais
As vagas são limitadas e as inscrições são gratuitas. Além da bolsa integral, os jovens selecionados para fazer o curso receberão vale-transporte e material didático.   O Centro Profissional Gráfico (CPG) do Colégio Dom Bosco de Porto Alegre, RS, está com inscrições abertas até o dia 30 de junho para o curso Técnico em Impressão Gráfica. O curso é direcionado a jovens de ambos os sexos, com idade entre 15 e 18 anos, pertencentes a classes populares de Porto Alegre e Região Metropolitana. Como pré-requisito, os jovens precisam estar cursando o 2º ou 3º ano do ensino médio, ou já ter concluído, e também precisam ter conhecimentos básicos de informática.   O curso é realizado em três módulos, correspondendo a três semestres. As aulas são ministradas de segunda a sexta-feira, das 13h30min às 17h30min. As vagas são limitadas e as inscrições gratuitas. Além da bolsa integral, os jovens selecionados para fazer o curso receberão vale-transporte e material didático.   As inscrições devem ser feitas pelo site do Colégio Dom Bosco (www.colegiodombosco.net) ou na própria sede do CPG-S, localizada na Rua Marechal José Inácio da Silva, 389, Passo d’Areia, na mesma rua da Faculdade Dom Bosco de Porto Alegre. A lista dos selecionados será divulgada no dia 5 de julho no mesmo site. Mais informações pelo telefone (51) 3361.5039 ou (51) 8459.6952.   RSE Informa
Publicado em Nacionais
Todos os meses, o reitor-mor escreve aos leitores do Boletim Salesianoum artigo para leitura e reflexão. No segundo ano de preparação para o bicentenário de Dom Bosco, a proposta é debruçar-se sobre a pedagogia do Santo dos Jovens, a partir de reflexões escritas em primeira pessoa. Veja o artigo de junho.   Nasci pobre, contudo pelas minhas mãos passaram somas incríveis, às quais jamais apeguei o coração. Para mim, ser pobre queria dizer ser livre, daquela liberdade verdadeira que o Senhor nos ensinara com o exemplo e as palavras. Livres, não bloqueados! Pobre, como eu era, conheci e frequentei muitos ricos. Tinha uma ideia fixa que nem sempre foi compreendida, antes me suscitou um vespeiro de críticas cansativas e asfixiantes. Dizia e repito: “Não são os ricos que nos fazem a caridade, mas somos nós que a fazemos a eles, dando-lhes a oportunidade de fazer um pouco de bem”. Mais claro do que isso... Eu estava convencido de que “aos senhores, nunca há alguém que ouse dizer a verdade”.  
Publicado em Reitor-mor
  A equipe de voluntários Unidos Pelo Próximo (UPP) realizou na tarde de 21 de abril, o  espetáculo “Stand Up Solidário”. A apresentação foi feita em parceria com a Obra Social São João Bosco de Campinas (OSSJB), que cedeu o Teatro Dom Nery para que o evento fosse realizado, e a Equipe Zero Hora do Instituto Robert Bosch (IRB). O objetivo do evento foi arrecadar fundos para a ONG CEDAI (Centro de Dança Integrado) – um espaço de arte, prazer e interação que oferece oportunidades de convivência para pessoas com ou sem algum tipo de deficiência, fora dos ambientes das entidades, instituições e centros de reabilitação. As fundadoras da equipe UPP, Anne Kate Poltronieri e Natalie Martella, abriram o evento agradecendo a participação de todas as pessoas que colaboraram direta ou indiretamente para a realização do evento. Anne  passou a palavra para a coordenadora do Setor de Captação de Recursos da OSSJB, Aline Figueiredo, que rapidamente, apresentou o trabalho desenvolvido nos sete núcleos da cidade de Campinas e agradeceu o empenho e a participação de todos. Em seguida, Andréia Luciana, líder da equipe Zero Hora do IRB, ficou emocionada ao ver o engajamento das pessoas com a causa social e reforçou o compromisso e a satisfação do voluntariado. Keyla Ferrari Lopes, diretora do CEDAI, deu sequência ao evento apresentando um documentário sobre a história e o trabalho da ONG e relatou seu maior objetivo: “Realizar arte, dança e música com todas as pessoas independente de idade, classe social, condição física, motora, mental ou sensorial. Levar a beleza da diversidade por meio de encontros de histórias de vida e exemplos de boa vontade e disponibilidade”.  Após sua fala, o espetáculo foi iniciado. As duas primeiras apresentações foram marcadas por confiança, expressão corporal e de sentimento, por meio da dança. Mães e filhas no palco transmitiram aos convidados um exemplo de superação. A terceira dança animou a plateia e emocionou aos que assistiam à apresentação. A bailarina esbanjou suavidade e excelência nos movimentos, acompanhada por um amigo que lhe transmitia confiança e a conduzia de forma segura. Obra Social São João Bosco  
Publicado em Nacionais
Página 1 de 2