“’Sora’, acho que as meninas podem pedir stop, a gente fica parado e elas driblam entre elas e tentam fazer o gol”, sugere um dos meninos. “Mas será que as meninas precisam de uma exceção para estarem incluídas no jogo?”, traz em questão a mediadora. As equipes discutem e encontram como solução a regra de que, necessariamente, para fazer o gol a bola deve ser tocada por todos da equipe ao menos uma vez.    
Publicado em Ação Social
“’Sora’, acho que as meninas podem pedir stop, a gente fica parado e elas driblam entre elas e tentam fazer o gol”, sugere um dos meninos. “Mas será que as meninas precisam de uma exceção para estarem incluídas no jogo?”, traz em questão a mediadora. As equipes discutem e encontram como solução a regra de que, necessariamente, para fazer o gol a bola deve ser tocada por todos da equipe ao menos uma vez.    
Publicado em Ação Social