Como parte do Dia Mundial do Refugiado celebrado nesta quinta-feira, 20 de junho, a Procuradoria Missionária de Madri divulgou um comunicado para acentuar o compromisso da Congregação Salesiana com essas pessoas. Há atualmente em todo o mundo cerca de 70 milhões de refugiados, mas o número vai crescendo, à medida que guerras, calamidades e discriminações obrigam os indivíduos a abandonar os próprios países.   O Dia Mundial do Refugiado convida a todos a não se esquecerem de que há no mundo milhões de refugiados; e refugiados que têm necessidade de proteção e de ajuda.   República Democrática do Congo O Centro Don Bosco Ngangi, na República Democrática do Congo, é um dos lugares em que centenas de pessoas se refugiam toda vez que se reacendem os confrontos na região. Atualmente a comunidade salesiana está alerta, porque – como testemunham em Goma - “não obstante a trégua esteja sendo respeitada, nunca se sabe o que pode acontecer”.   Paquistão   Entre as várias atividades em curso no Paquistão, os filhos de Dom Bosco se ocupam em ajudar as crianças refugiadas provenientes do Afeganistão. Em Queta, os centros escolares salesianos estão trabalhando duramente a fim de que as crianças afegãs possam continuar o seu curso formativo. Síria A situação na Síria torna-se cada dia mais difícil, explica o padre Munir El Rai, inspetor dos Salesianos do Oriente Médio: “As tradicionais atividades tiveram de ser suspensas há meses para poder responder às exigências da população”. Desde o início do conflito na Síria, além disso, também os salesianos presentes no Líbano começaram a dedicar-se aos refugiados sírios, visto que atualmente são cerca de 500.000 os sírios fugidos para o Líbano, e – segundo os dados do UNICEF (Fundo das Nações Unidas para a Infância) – mais da metade deles é de crianças. Mali O conflito no Mali causou mais de 280.000 desabrigados, sem mencionar os cerca de 120.000 refugiados que buscaram guarida nos países vizinhos. No Mali, em Bamaco, os missionários salesianos se preocupam pelas famílias necessitadas. “Aqui são as mesmas famílias do lugar que se estão encarregando de ajudar as outras famílias provenientes do Norte” – referem os missionários salesianos.   A Assembleia Geral das Nações Unidas designou o dia 20 de junho como Dia Mundial do Refugiado, em sinal de solidariedade com a África, Continente que detém o maior contingente de refugiados do mundo.   InfoANS
Publicado em Missões
  A comunidade que se reuniu na Festa Junina da Paróquia Sagrada Família em São José dos Campos, São Paulo,  teve uma agradável surpresa na noite do dia 15 de junho:  eles foram presenteados com a apresentação de um flash mob  executado pelos jovens que representarão a Paróquia na Jornada Mundial da Juventude,  em julho.   O evento sucedeu a tradicional dança típica de quadrilha formada pelos jovens.  Sem anunciar, o grupo ocupou o espaço em frente ao palco de atrações musicais e brindou a comunidade com seus passos que acompanharam a música "Eu acredito na Juventude", do cantor católico Nilton Junior.   O termo flash mob é utilizado para denominar aglomerações instantâneas de pessoas em certo lugar para realizar determinada ação inusitada, previamente combinada. Estas pessoas se dispersam tão rapidamente quanto se reúnem, segundo o site Wikipedia. A intenção é ressaltar, conscientizar, unir em torno de uma ideia ou fato.   Andrea Soares
Publicado em Nacionais
  A Comissão Inspetorial de Educação (CIED) da Inspetoria Salesiana São Domingos Sávio, apoiada pela Faculdade Salesiana Dom Bosco (FSDB), promoveu, nos dias 14 e 15 de junho, em Manaus, AM, um simpósio sobre o ano da fé que teve como tema: reflexões sobre a vivência cristã a partir do documento “Porta da Fé”.   Com esse evento a Inspetoria Salesiana São Domingos Sávio, por meio da Comissão Inspetorial de Educação, motivou um significativo gesto de comunhão com a Igreja que vive a experiência do Ano da Fé por ocasião da celebração dos 50 anos do Concílio Ecumênico Vaticano II.   Na noite da abertura, dia 14, após as palavras do padre Cânio Grimaldi, o grupo de teatro da FSDB apresentou uma encenação sobre o dinamismo da Fé presente no capítulo 11 da carta aos Hebreus. Em seguida, dom Sérgio Castriani, arcebispo de Manaus, refletiu sobre o Ano da Fé na Igreja de Manaus. Falando de desafios atuais, disse que atualmente há na sociedade uma grande sensibilidade religiosa, todavia esta é marcada por características como o intimismo, o individualismo, o apelo ao sucesso e à resolução de problemas.   Outros dois expositores que também contribuíram com reflexões muito significativas foi a irmã Luzinete Freitas com o tema “Dimensão Educativa da Fé” e o padre João Mendonça que concluiu a exposição dos temas da noite refletindo sobre a Iniciação Cristã.   Após a apresentação dos temas um debate foi realizado entre os participantes para o aprofundamento dos assuntos abordados ao longo do simpósio.   Inspetoria Salesiana do Amazonas
Publicado em Nacionais
  O prazo para o primeiro lote de inscrições para o II Congresso Nacional de Educação Católica se encerra nesta sexta-feira, 31 de maio. Até esta data, os interessados em participar do evento podem se inscrever no congresso pelo valor de R$ 150,00. A partir do dia 1º de junho e até dia 24, quando se encerram as inscrições, o valor do investimento passa a ser o de R$ 180,00.   Ao longo de quatro dias de evento, os participantes do congresso terão a oportunidade valiosa de se encontrar com nomes nacionais e estrangeiros de destaque na área da Educação, como o renomado sociólogo e antropólogo suíço Philippe Perrenoud, na discussão de tendências do ambiente educacional contemporâneo.   Ainda durante o congresso, seis fóruns de discussão inéditos (Mantenedoras, Diretores de Escolas, Coordenadores de Curso, Gestores de Pastoral, Gestores Acadêmicos das Instituições de Ensino Superior e Membros das Comissões Próprias de Avaliação e Pesquisadores Institucionais), além da apresentação de cases de sucesso, GTS (grupos de trabalho), comunicações científicas e oficinas englobarão gestores, professores e alunos nos debates sobre o desafio de repensar a escola.   O II Congresso Nacional de Educação Católica realiza-se em Goiânia, GO,  nos dias 03 a 06 de julho de 2013, no Centro de Convenções de Goiânia.   ANEC
Publicado em Nacionais
    A Associação Nacional de Educação Católica (ANEC) divulga resultado da chamada de trabalhos para o II Congresso Nacional de Educação Católica na próxima quinta-feira, 30 de maio. Os trabalhos candidatos à apresentação no evento foram submetidos ao comitê científico do congresso até o final do mês de abril.   Além de apresentarem suas experiências na segunda edição do congresso nacional de educação, auxiliando no debate sobre as tendências do ambiente educacional contemporâneo, os trabalhos selecionados estarão presentes também no conjunto de referências e recomendações às instituições de ensino a ser publicado ao final do evento.   Este ano com o tema “Uma outra Escola é Possível!”, o encontro convoca profissionais da educação para que promovam e discutam os novos caminhos para a educação. Durante quatro dias, os inscritos poderão participar de fóruns de discussão, apresentações de cases, oficinas, sessões de comunicações científicas e apresentações de pôsteres, que serão oferecidos por profissionais do ensino e estudantes vinculados às associadas da ANEC, e selecionados pelo comitê científico.   O II Congresso Nacional de Educação Católica realiza-se em Goiânia, GO, nos dias 03 a 06 de julho de 2013, no Centro de Convenções de Goiânia.   ANEC   Notícias relacionadas Prorrogado prazo para inscrições de trabalhos do II Congresso de Educação Católica da ANEC Estão abertas as inscrições para o II Congresso Nacional de Educação Católica
Publicado em Nacionais
  A inauguração do Centro Juvenil Dom Bosco abre novas perspectivas para a juventude de Guiratinga, MT.   Para os jovens de Guiratinga, pequena cidade da região do Leste do Mato Grosso, o final de 2012 foi marcado pela realização de um sonho: em 8 de dezembro, festa da Imaculada Conceição, foi inaugurado o Centro Juvenil Dom Bosco, destinado a crianças e adolescentes da região. A inauguração foi realizada após a procissão da Imaculada Conceição, levada pelas ruas da cidade pelos adolescentes, e da celebração eucarística, presidida pelo bispo da Diocese de Guiratinga, dom Dereck Christoper. A festa de inauguração teve as presenças do pároco, de autoridades da cidade, de jovens e representantes da comunidade, além da Fanfarra da Corporação Musical Souza Bandeira, que veio de Cuiabá. O Centro Juvenil Dom Bosco foi criado com o intuito de oferecer um espaço de lazer para os jovens e adolescentes da região e também para prevenir a entrada desses jovens em um caminho sem futuro, considerando a situação local: falta de empregos, famílias desajustadas, violência, droga e álcool. Diante dessa realidade, um pequeno grupo de jovens voluntários da Pastoral do Menor e aspirantes a salesianos cooperadores decidiu organizar um espaço para a juventude, colocando Dom Bosco como responsável pela obra e companheiro. Para que o projeto se tornasse realidade, o grupo encontrou o apoio e solidariedade da comunidade local e de generosos benfeitores – dentre eles o bispo de Guiratinga, que cedeu o local para o Centro Juvenil.  
Publicado em Ação Social
  “Para muitas milhares de pessoas, ao longo destes 130 anos, a importância da chegada dos salesianos ao Brasil foi incalculável: traçou o rumo de sua vida, e o de uma multidão de outras pessoas que se beneficiaram com a sua presença” (padre Wolfgang Gruen).   Em 2013, comemoram-se 130 anos da presença salesiana no Brasil. Para dimensionar a importância desse momento, alguns resgates históricos são ferramentas valiosas. As diretrizes políticas da nação, ainda monárquica, sofriam os efeitos das pressões políticas mundiais e das transformações pelas quais o mundo passava. O Brasil começava a fazer parte da economia internacional. Poucos anos mais tarde, o país se tornaria uma República e todas essas mudanças afetariam a sociedade. “Em 1877, o bispo do Rio de Janeiro, dom Pedro Maria de Lacerda, pediu a Dom Bosco que mandasse salesianos à sua diocese, para começar um trabalho com jovens necessitados de amparo. Dom Bosco só pôde atendê-lo em 1883, quando os primeiros salesianos se estabeleceram em Niterói, RJ”, relata o padre Wolfgang Gruen. Em 14 de julho daquele ano, chegava o primeiro grupo de salesianos, guiado por padre Luís Lasagna, personagem que foi essencial para o desenvolvimento da obra salesiana no Brasil (ver box).  
Publicado em Salesianidade
Em sua passagem pela Sede Inspetorial da Missão Salesiana de Mato Grosso (MSMT), o padre Natale Vitali, conselheiro regional da América Cone Sul, - que desde o dia 1º de fevereiro realiza visita extraordinária, em nome do reitor-mor, padre Pascual Chávez, na MSMT - reuniu-se com os coordenadores e participou do Bom Dia com os demais colaboradores do Centro Administrativo, em Campo Grande, MS.   O encontro com os coordenadores ocorreu na tarde de quarta-feira, 24 de abril, e a participação no Bom Dia, na manhã desta quinta-feira, dia 25. O motivo da reunião com os leigos que trabalham na Sede Inspetorial foi apresentar um panorama da situação encontrada pelo padre Natale nas casas da Missão Salesiana. Um dos pontos destacados por ele é a necessidade de que a instituição seja administrada como uma “empresa educativo pastoral, implantando e obedecendo todos os processos, rotinas e controles que regem o gerenciamento de uma grande empresa nos dias de hoje”.   No Bom Dia com os colaboradores – introduzido pelo inspetor, padre Lauro Takaki Shinohara – padre Natale agradeceu também o trabalho desempenhado pelos colaboradores da instituição em seus respectivos setores.   Leia também: Padre Natale Vitali visita Centro Juvenil São João Batista, em Poxoréu   Missão Salesiana de Mato Grosso
Publicado em Nacionais
Gustavo Borges visitou no dia 02 de abril o Colégio Salesiano Dom Bosco (CSDB), em Campo Grande, MS. Acompanhado pelo professor Durval Barbosa, da Equipe 1 Dom Bosco de natação, o ex-atleta foi recebido pelos diretores do CSDB, padres Ricardo Carlos e Rafael Zanata.   Em sua breve visita, o nadador se dirigiu à piscina do Polieportivo Dom Bosco para falar com os atletas, amigos e integrantes da Equipe 1 Dom Bosco de natação. Além de Campo Grande, Gustavo Borges também visitará Maracaju, em Mato Grosso do Sul, para fazer a divulgação de seu método de ensino e treinamento de natação.   Gustavo Borges, considerado um dos principais atletas da história da natação brasileira, foi o porta-bandeira da delegação brasileira na cerimônia de encerramento dos Jogos Olímpicos de 2004, em Atenas, na Grécia. É o atleta com o maior número de medalhas em Jogos Pan-americanos, ao total 19. Borges é também o terceiro atleta brasileiro com maior número de medalhas de ouro em Pans, oito no total, logo atrás de Hugo Hoyama, que conquistou sua décima medalha nos Jogos Pan-americanos de 2011, em Guadalajara, no México; e do nadador Thiago Pereira, dono de 12 medalhas de ouro. Esta visita marca o convênio entre o Método Gustavo Borges e a Equipe 1 Dom Bosco de Natação.   Missão Salesiana de Mato Grosso
Publicado em Nacionais
O Projeto Vida Melhor (PROVIM) e o Centro Profissionalizante Dom Bosco (CPDB), ambos ligados aos Salesianos São Carlos, iniciaram, no mês de março, a “Oficina de padaria artesanal”, uma iniciativa que está viabilizando a participação de 50 educandos e 24 mães, atendidos por ambos os projetos, em uma oficina de padaria artesanal, oferecido nas dependências do CPDB. Utilizando duas propostas distintas, a iniciativa aproxima as famílias graças à oportunidade de qualificação profissional e complementação da renda familiar, por meio de um ensino-aprendizagem, que desperta o gosto e a valorização da vida profissional e a descoberta das próprias capacidades manuais e intelectuais dos educandos.   Cada equipe é dividida em duas turmas que se alternam nos períodos matutino e vespertino. Nas quartas-feiras são as mães que participam da oficina e colocam “a mão na massa” e às quintas-feiras é a vez dos filhos.   O CPDB conta com os cursos gratuitos de padaria/confeitaria e marcenaria, planejados dentro do perfil buscado pelas empresas locais e têm duração de seis meses a um ano. As inscrições podem ser feitas por adolescentes a partir dos 13 anos e fornece certificação do SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), graças a uma parceria junto à unidade da instituição em São Carlos.   Histórico O Centro Profissionalizante Dom Bosco foi fundado em junho de 1990, na cidade de São Carlos, atendendo às políticas da Proteção Social Básica, com o objetivo de garantir perspectivas profissionais mais justas e igualitárias, atendendo à demanda gerada pela maior instabilidade e competitividade no mercado de trabalho e crescentes exigências de qualificação profissional.   Mais informações: (16) 2107.3310.   André Kastein      
Publicado em Ação Social
Página 3 de 4
  Como parte do Dia Mundial do Refugiado celebrado nesta quinta-feira, 20 de junho, a Procuradoria Missionária de Madri divulgou um comunicado para acentuar o compromisso da Congregação Salesiana com essas pessoas. Há atualmente em todo o mundo cerca de 70 milhões de refugiados, mas o número vai crescendo, à medida que guerras, calamidades e discriminações obrigam os indivíduos a abandonar os próprios países.   O Dia Mundial do Refugiado convida a todos a não se esquecerem de que há no mundo milhões de refugiados; e refugiados que têm necessidade de proteção e de ajuda.   República Democrática do Congo O Centro Don Bosco Ngangi, na República Democrática do Congo, é um dos lugares em que centenas de pessoas se refugiam toda vez que se reacendem os confrontos na região. Atualmente a comunidade salesiana está alerta, porque – como testemunham em Goma - “não obstante a trégua esteja sendo respeitada, nunca se sabe o que pode acontecer”.   Paquistão   Entre as várias atividades em curso no Paquistão, os filhos de Dom Bosco se ocupam em ajudar as crianças refugiadas provenientes do Afeganistão. Em Queta, os centros escolares salesianos estão trabalhando duramente a fim de que as crianças afegãs possam continuar o seu curso formativo. Síria A situação na Síria torna-se cada dia mais difícil, explica o padre Munir El Rai, inspetor dos Salesianos do Oriente Médio: “As tradicionais atividades tiveram de ser suspensas há meses para poder responder às exigências da população”. Desde o início do conflito na Síria, além disso, também os salesianos presentes no Líbano começaram a dedicar-se aos refugiados sírios, visto que atualmente são cerca de 500.000 os sírios fugidos para o Líbano, e – segundo os dados do UNICEF (Fundo das Nações Unidas para a Infância) – mais da metade deles é de crianças. Mali O conflito no Mali causou mais de 280.000 desabrigados, sem mencionar os cerca de 120.000 refugiados que buscaram guarida nos países vizinhos. No Mali, em Bamaco, os missionários salesianos se preocupam pelas famílias necessitadas. “Aqui são as mesmas famílias do lugar que se estão encarregando de ajudar as outras famílias provenientes do Norte” – referem os missionários salesianos.   A Assembleia Geral das Nações Unidas designou o dia 20 de junho como Dia Mundial do Refugiado, em sinal de solidariedade com a África, Continente que detém o maior contingente de refugiados do mundo.   InfoANS
Publicado em Missões
  A comunidade que se reuniu na Festa Junina da Paróquia Sagrada Família em São José dos Campos, São Paulo,  teve uma agradável surpresa na noite do dia 15 de junho:  eles foram presenteados com a apresentação de um flash mob  executado pelos jovens que representarão a Paróquia na Jornada Mundial da Juventude,  em julho.   O evento sucedeu a tradicional dança típica de quadrilha formada pelos jovens.  Sem anunciar, o grupo ocupou o espaço em frente ao palco de atrações musicais e brindou a comunidade com seus passos que acompanharam a música "Eu acredito na Juventude", do cantor católico Nilton Junior.   O termo flash mob é utilizado para denominar aglomerações instantâneas de pessoas em certo lugar para realizar determinada ação inusitada, previamente combinada. Estas pessoas se dispersam tão rapidamente quanto se reúnem, segundo o site Wikipedia. A intenção é ressaltar, conscientizar, unir em torno de uma ideia ou fato.   Andrea Soares
Publicado em Nacionais
  A Comissão Inspetorial de Educação (CIED) da Inspetoria Salesiana São Domingos Sávio, apoiada pela Faculdade Salesiana Dom Bosco (FSDB), promoveu, nos dias 14 e 15 de junho, em Manaus, AM, um simpósio sobre o ano da fé que teve como tema: reflexões sobre a vivência cristã a partir do documento “Porta da Fé”.   Com esse evento a Inspetoria Salesiana São Domingos Sávio, por meio da Comissão Inspetorial de Educação, motivou um significativo gesto de comunhão com a Igreja que vive a experiência do Ano da Fé por ocasião da celebração dos 50 anos do Concílio Ecumênico Vaticano II.   Na noite da abertura, dia 14, após as palavras do padre Cânio Grimaldi, o grupo de teatro da FSDB apresentou uma encenação sobre o dinamismo da Fé presente no capítulo 11 da carta aos Hebreus. Em seguida, dom Sérgio Castriani, arcebispo de Manaus, refletiu sobre o Ano da Fé na Igreja de Manaus. Falando de desafios atuais, disse que atualmente há na sociedade uma grande sensibilidade religiosa, todavia esta é marcada por características como o intimismo, o individualismo, o apelo ao sucesso e à resolução de problemas.   Outros dois expositores que também contribuíram com reflexões muito significativas foi a irmã Luzinete Freitas com o tema “Dimensão Educativa da Fé” e o padre João Mendonça que concluiu a exposição dos temas da noite refletindo sobre a Iniciação Cristã.   Após a apresentação dos temas um debate foi realizado entre os participantes para o aprofundamento dos assuntos abordados ao longo do simpósio.   Inspetoria Salesiana do Amazonas
Publicado em Nacionais
  O prazo para o primeiro lote de inscrições para o II Congresso Nacional de Educação Católica se encerra nesta sexta-feira, 31 de maio. Até esta data, os interessados em participar do evento podem se inscrever no congresso pelo valor de R$ 150,00. A partir do dia 1º de junho e até dia 24, quando se encerram as inscrições, o valor do investimento passa a ser o de R$ 180,00.   Ao longo de quatro dias de evento, os participantes do congresso terão a oportunidade valiosa de se encontrar com nomes nacionais e estrangeiros de destaque na área da Educação, como o renomado sociólogo e antropólogo suíço Philippe Perrenoud, na discussão de tendências do ambiente educacional contemporâneo.   Ainda durante o congresso, seis fóruns de discussão inéditos (Mantenedoras, Diretores de Escolas, Coordenadores de Curso, Gestores de Pastoral, Gestores Acadêmicos das Instituições de Ensino Superior e Membros das Comissões Próprias de Avaliação e Pesquisadores Institucionais), além da apresentação de cases de sucesso, GTS (grupos de trabalho), comunicações científicas e oficinas englobarão gestores, professores e alunos nos debates sobre o desafio de repensar a escola.   O II Congresso Nacional de Educação Católica realiza-se em Goiânia, GO,  nos dias 03 a 06 de julho de 2013, no Centro de Convenções de Goiânia.   ANEC
Publicado em Nacionais
    A Associação Nacional de Educação Católica (ANEC) divulga resultado da chamada de trabalhos para o II Congresso Nacional de Educação Católica na próxima quinta-feira, 30 de maio. Os trabalhos candidatos à apresentação no evento foram submetidos ao comitê científico do congresso até o final do mês de abril.   Além de apresentarem suas experiências na segunda edição do congresso nacional de educação, auxiliando no debate sobre as tendências do ambiente educacional contemporâneo, os trabalhos selecionados estarão presentes também no conjunto de referências e recomendações às instituições de ensino a ser publicado ao final do evento.   Este ano com o tema “Uma outra Escola é Possível!”, o encontro convoca profissionais da educação para que promovam e discutam os novos caminhos para a educação. Durante quatro dias, os inscritos poderão participar de fóruns de discussão, apresentações de cases, oficinas, sessões de comunicações científicas e apresentações de pôsteres, que serão oferecidos por profissionais do ensino e estudantes vinculados às associadas da ANEC, e selecionados pelo comitê científico.   O II Congresso Nacional de Educação Católica realiza-se em Goiânia, GO, nos dias 03 a 06 de julho de 2013, no Centro de Convenções de Goiânia.   ANEC   Notícias relacionadas Prorrogado prazo para inscrições de trabalhos do II Congresso de Educação Católica da ANEC Estão abertas as inscrições para o II Congresso Nacional de Educação Católica
Publicado em Nacionais
  A inauguração do Centro Juvenil Dom Bosco abre novas perspectivas para a juventude de Guiratinga, MT.   Para os jovens de Guiratinga, pequena cidade da região do Leste do Mato Grosso, o final de 2012 foi marcado pela realização de um sonho: em 8 de dezembro, festa da Imaculada Conceição, foi inaugurado o Centro Juvenil Dom Bosco, destinado a crianças e adolescentes da região. A inauguração foi realizada após a procissão da Imaculada Conceição, levada pelas ruas da cidade pelos adolescentes, e da celebração eucarística, presidida pelo bispo da Diocese de Guiratinga, dom Dereck Christoper. A festa de inauguração teve as presenças do pároco, de autoridades da cidade, de jovens e representantes da comunidade, além da Fanfarra da Corporação Musical Souza Bandeira, que veio de Cuiabá. O Centro Juvenil Dom Bosco foi criado com o intuito de oferecer um espaço de lazer para os jovens e adolescentes da região e também para prevenir a entrada desses jovens em um caminho sem futuro, considerando a situação local: falta de empregos, famílias desajustadas, violência, droga e álcool. Diante dessa realidade, um pequeno grupo de jovens voluntários da Pastoral do Menor e aspirantes a salesianos cooperadores decidiu organizar um espaço para a juventude, colocando Dom Bosco como responsável pela obra e companheiro. Para que o projeto se tornasse realidade, o grupo encontrou o apoio e solidariedade da comunidade local e de generosos benfeitores – dentre eles o bispo de Guiratinga, que cedeu o local para o Centro Juvenil.  
Publicado em Ação Social
  “Para muitas milhares de pessoas, ao longo destes 130 anos, a importância da chegada dos salesianos ao Brasil foi incalculável: traçou o rumo de sua vida, e o de uma multidão de outras pessoas que se beneficiaram com a sua presença” (padre Wolfgang Gruen).   Em 2013, comemoram-se 130 anos da presença salesiana no Brasil. Para dimensionar a importância desse momento, alguns resgates históricos são ferramentas valiosas. As diretrizes políticas da nação, ainda monárquica, sofriam os efeitos das pressões políticas mundiais e das transformações pelas quais o mundo passava. O Brasil começava a fazer parte da economia internacional. Poucos anos mais tarde, o país se tornaria uma República e todas essas mudanças afetariam a sociedade. “Em 1877, o bispo do Rio de Janeiro, dom Pedro Maria de Lacerda, pediu a Dom Bosco que mandasse salesianos à sua diocese, para começar um trabalho com jovens necessitados de amparo. Dom Bosco só pôde atendê-lo em 1883, quando os primeiros salesianos se estabeleceram em Niterói, RJ”, relata o padre Wolfgang Gruen. Em 14 de julho daquele ano, chegava o primeiro grupo de salesianos, guiado por padre Luís Lasagna, personagem que foi essencial para o desenvolvimento da obra salesiana no Brasil (ver box).  
Publicado em Salesianidade
Em sua passagem pela Sede Inspetorial da Missão Salesiana de Mato Grosso (MSMT), o padre Natale Vitali, conselheiro regional da América Cone Sul, - que desde o dia 1º de fevereiro realiza visita extraordinária, em nome do reitor-mor, padre Pascual Chávez, na MSMT - reuniu-se com os coordenadores e participou do Bom Dia com os demais colaboradores do Centro Administrativo, em Campo Grande, MS.   O encontro com os coordenadores ocorreu na tarde de quarta-feira, 24 de abril, e a participação no Bom Dia, na manhã desta quinta-feira, dia 25. O motivo da reunião com os leigos que trabalham na Sede Inspetorial foi apresentar um panorama da situação encontrada pelo padre Natale nas casas da Missão Salesiana. Um dos pontos destacados por ele é a necessidade de que a instituição seja administrada como uma “empresa educativo pastoral, implantando e obedecendo todos os processos, rotinas e controles que regem o gerenciamento de uma grande empresa nos dias de hoje”.   No Bom Dia com os colaboradores – introduzido pelo inspetor, padre Lauro Takaki Shinohara – padre Natale agradeceu também o trabalho desempenhado pelos colaboradores da instituição em seus respectivos setores.   Leia também: Padre Natale Vitali visita Centro Juvenil São João Batista, em Poxoréu   Missão Salesiana de Mato Grosso
Publicado em Nacionais
Gustavo Borges visitou no dia 02 de abril o Colégio Salesiano Dom Bosco (CSDB), em Campo Grande, MS. Acompanhado pelo professor Durval Barbosa, da Equipe 1 Dom Bosco de natação, o ex-atleta foi recebido pelos diretores do CSDB, padres Ricardo Carlos e Rafael Zanata.   Em sua breve visita, o nadador se dirigiu à piscina do Polieportivo Dom Bosco para falar com os atletas, amigos e integrantes da Equipe 1 Dom Bosco de natação. Além de Campo Grande, Gustavo Borges também visitará Maracaju, em Mato Grosso do Sul, para fazer a divulgação de seu método de ensino e treinamento de natação.   Gustavo Borges, considerado um dos principais atletas da história da natação brasileira, foi o porta-bandeira da delegação brasileira na cerimônia de encerramento dos Jogos Olímpicos de 2004, em Atenas, na Grécia. É o atleta com o maior número de medalhas em Jogos Pan-americanos, ao total 19. Borges é também o terceiro atleta brasileiro com maior número de medalhas de ouro em Pans, oito no total, logo atrás de Hugo Hoyama, que conquistou sua décima medalha nos Jogos Pan-americanos de 2011, em Guadalajara, no México; e do nadador Thiago Pereira, dono de 12 medalhas de ouro. Esta visita marca o convênio entre o Método Gustavo Borges e a Equipe 1 Dom Bosco de Natação.   Missão Salesiana de Mato Grosso
Publicado em Nacionais
O Projeto Vida Melhor (PROVIM) e o Centro Profissionalizante Dom Bosco (CPDB), ambos ligados aos Salesianos São Carlos, iniciaram, no mês de março, a “Oficina de padaria artesanal”, uma iniciativa que está viabilizando a participação de 50 educandos e 24 mães, atendidos por ambos os projetos, em uma oficina de padaria artesanal, oferecido nas dependências do CPDB. Utilizando duas propostas distintas, a iniciativa aproxima as famílias graças à oportunidade de qualificação profissional e complementação da renda familiar, por meio de um ensino-aprendizagem, que desperta o gosto e a valorização da vida profissional e a descoberta das próprias capacidades manuais e intelectuais dos educandos.   Cada equipe é dividida em duas turmas que se alternam nos períodos matutino e vespertino. Nas quartas-feiras são as mães que participam da oficina e colocam “a mão na massa” e às quintas-feiras é a vez dos filhos.   O CPDB conta com os cursos gratuitos de padaria/confeitaria e marcenaria, planejados dentro do perfil buscado pelas empresas locais e têm duração de seis meses a um ano. As inscrições podem ser feitas por adolescentes a partir dos 13 anos e fornece certificação do SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), graças a uma parceria junto à unidade da instituição em São Carlos.   Histórico O Centro Profissionalizante Dom Bosco foi fundado em junho de 1990, na cidade de São Carlos, atendendo às políticas da Proteção Social Básica, com o objetivo de garantir perspectivas profissionais mais justas e igualitárias, atendendo à demanda gerada pela maior instabilidade e competitividade no mercado de trabalho e crescentes exigências de qualificação profissional.   Mais informações: (16) 2107.3310.   André Kastein      
Publicado em Ação Social
Página 3 de 4