Como todos sabem, o Boletim Salesiano é uma revista que foi fundada por Dom Bosco em 1877 e que tem como objetivo divulgar a espiritualidade salesiana e, ao mesmo tempo, o bem que se faz na Família Salesiana.  
Publicado em Editorial
“Em muitos casos, Dom Bosco favoreceu a jovens bons de verdade, mantendo-os no Oratório gratuitamente, vendo suas qualidades e a impossibilidade da família. Era o triunfo da caridade”.  
Publicado em Dom Bosco Hoje
“Isso mesmo! Um olhar que escuta é aquele olhar que não é indiferente aos apelos de Deus”, ressalta o secretário executivo de Campanhas da CNBB, padre Patriky Samuel Batista. É preciso “escutar a Deus ouvindo a voz do seu povo”, continua ele nesta entrevista ao Boletim Salesiano, na qual explica os objetivos da Campanha da Fraternidade e como as comunidades podem contribuir com as ações da CF 2020.  
Publicado em Igreja
A Campanha da Fraternidade em 2020 traz como tema “Fraternidade e vida: dom e compromisso” e, como lema, “Viu, sentiu compaixão e cuidou dele” (Lc 10,33-34).  
Publicado em Igreja
Como todos sabem, o Boletim Salesiano é uma revista que foi fundada por Dom Bosco em 1877 e que tem como objetivo divulgar a espiritualidade salesiana e, ao mesmo tempo, o bem que se faz na Família Salesiana.  
Publicado em Editorial
“Em muitos casos, Dom Bosco favoreceu a jovens bons de verdade, mantendo-os no Oratório gratuitamente, vendo suas qualidades e a impossibilidade da família. Era o triunfo da caridade”.  
Publicado em Dom Bosco Hoje
“Isso mesmo! Um olhar que escuta é aquele olhar que não é indiferente aos apelos de Deus”, ressalta o secretário executivo de Campanhas da CNBB, padre Patriky Samuel Batista. É preciso “escutar a Deus ouvindo a voz do seu povo”, continua ele nesta entrevista ao Boletim Salesiano, na qual explica os objetivos da Campanha da Fraternidade e como as comunidades podem contribuir com as ações da CF 2020.  
Publicado em Igreja
A Campanha da Fraternidade em 2020 traz como tema “Fraternidade e vida: dom e compromisso” e, como lema, “Viu, sentiu compaixão e cuidou dele” (Lc 10,33-34).  
Publicado em Igreja