Os educadores das quatro escolas salesianas das cidades de Belém e Ananindeua, no Pará, que pertencem à Rede Salesiana de Escolas (RSE), participaram de dois dias de encontro formativo-pedagógico, no qual foram apresentadas as ferramentas tecnológicas da RSE.   Orientados por Lilianny Oliveira Costa, responsável pelo Polo da RSE da área de Manaus (Amazonas, Pará e Rondônia), os educadores puderam conhecer as ferramentas que a Rede oferece aos educadores e como elas podem contribuir para a ação do docente, tudo isso em uma manhã de encontro conduzida a partir das experiências  observadas por Lilianny nas diversas realidades deste contexto educacional.   Contudo, o foco do encontro pedagógico não foi somente a apresentação das ferramentas educacionais, mas também a preocupação com a saúde. O educador salesiano. Doutor Michel, que desenvolve um projeto nas escolas Centro Auxilium e Instituto Dom Bosco, é quem cuida de um dos bens mais preciosos do professor – a voz.  Ele ressaltou que o profissional da educação precisa se preocupar mais com o cuidado e com o uso da própria voz, logo, todo o projeto desenvolvido por ele visa à ação preventiva que é fundamental no exercício desse profissional. No segundo momento foi realizado um trabalho em grupo que tinha por intuito sensibilizar para as políticas do III ESA (Encontro Continental da Escola Salesiana América). Por meio de uma discussão em grupo buscou-se traçar metas organizacionais, trabalhar a análise corporativa das escolas, definir a comunicação com a equipe de animação pedagógica-pastoral e organizar o encontro de formação que será realizado no mês de março.   Não obstante as dificuldades que surgem no desenvolvimento do trabalho educacional, a Rede Salesiana de Escolas, por meio do Polo Manaus, visa fortalecer seu compromisso com a qualidade e referência em educação, logo, não esmorece em seu “desafio de avançar e criar culturas valorativas que servem de referência, exemplo de gestão, de avaliação, de comunicação e principalmente de formação”, ações que visam sempre fortalecer a “missão de evangelizar educando e educar evangelizando”, levando todos aqueles que abraçam essa missão a ter sempre o “Entusiasmo diante da vida.”   Inspetoria Salesiana do Amazonas
Published in Nacionais
  Uma visão de quem está vivendo numa das maiores favelas da cidade de São Paulo: Ir. Maria Genoveva Correa, salesiana integrante da Comunidade Intercongregacional na Favela da Vila Prudente; André Delfino da Silva, coordenador do Movimento de Defesa dos Favelados (MDF) e Raimundo Delfim, advogado – vice-presidente da Associação Nova Heliópolis e coordenador geral da Central de Movimentos Populares do Estado de São Paulo (CMP-SP).     Estão se tornando rotina os incêndios nas favelas da cidade de São Paulo. É muito triste assistir às chamas destruindo lares simples, feitos de madeira, construídos com muito suor e sacrifício por famílias que não tiveram apoio do poder público no acesso à moradia digna. Os incêndios provocam efeitos nefastos. Além de deixar a família sem um teto, causam a perda de vaga nas creches e escolas dos filhos e, na maioria dos casos, a perda total dos bens materiais, conquistados, após muitos anos de trabalho. Até o mês de setembro, foram computados trinta e quatro incêndios em favelas, causando enorme angústia para aproximadamente dois milhões de pessoas que habitam as 1.565 favelas da cidade de São Paulo. É muita coincidência a existência de uma onda de incêndio em favelas paulistanas em um momento de enorme valorização imobiliária. E os incêndios ocorrem justamente nas proximidades das operações urbanas, nos locais mais cobiçados pelo mercado imobiliário.  
Published in Ação Social
Nos dias 25 e 26 de outubro, a Inspetoria Salesiana do Nordeste do Brasil promoveu o 2º Encontro Anual de Animação Pastoral, na Escola Salesiana da Colônia, em Jaboatão dos Guararapes, PE. O encontro contou com cerca de 80 participantes, dentre  os quais, educadores do Colégio Salesiano Dom Bosco de Parnamirim, RN e do Colégio Salesiano São José de Natal.   O encontro teve o objetivo de avaliar a caminhada das comissões inspetoriais (Pastoral Juvenil Salesiana, Comunicação, Animação Vocacional e Missionária, Ação Social, Educação, Gestão e Paróquias) em 2012 e pontuar ações para 2013. O evento também tratou de temas pertinentes para o próximo ano, como a Jornada Mundial da Juventude e o Repensamento Pastoral.   Segundo os organizadores do encontro, “além do planejamento, o intuito  foi fazer com que todos, em qualquer uma das comissões inspetoriais e equipes locais, se sentissem parte da missão salesiana, compreendendo que todos os âmbitos são transversais, importantes e inter-relacionados".   RSE Informa
Published in Nacionais
Responder às necessidades dos “jovens pobres e abandonados” em tensão salvífica GLOBAL, com descortino e visão aberta para todo o universo juvenil
Published in Reitor-mor
Page 2 of 2
Os educadores das quatro escolas salesianas das cidades de Belém e Ananindeua, no Pará, que pertencem à Rede Salesiana de Escolas (RSE), participaram de dois dias de encontro formativo-pedagógico, no qual foram apresentadas as ferramentas tecnológicas da RSE.   Orientados por Lilianny Oliveira Costa, responsável pelo Polo da RSE da área de Manaus (Amazonas, Pará e Rondônia), os educadores puderam conhecer as ferramentas que a Rede oferece aos educadores e como elas podem contribuir para a ação do docente, tudo isso em uma manhã de encontro conduzida a partir das experiências  observadas por Lilianny nas diversas realidades deste contexto educacional.   Contudo, o foco do encontro pedagógico não foi somente a apresentação das ferramentas educacionais, mas também a preocupação com a saúde. O educador salesiano. Doutor Michel, que desenvolve um projeto nas escolas Centro Auxilium e Instituto Dom Bosco, é quem cuida de um dos bens mais preciosos do professor – a voz.  Ele ressaltou que o profissional da educação precisa se preocupar mais com o cuidado e com o uso da própria voz, logo, todo o projeto desenvolvido por ele visa à ação preventiva que é fundamental no exercício desse profissional. No segundo momento foi realizado um trabalho em grupo que tinha por intuito sensibilizar para as políticas do III ESA (Encontro Continental da Escola Salesiana América). Por meio de uma discussão em grupo buscou-se traçar metas organizacionais, trabalhar a análise corporativa das escolas, definir a comunicação com a equipe de animação pedagógica-pastoral e organizar o encontro de formação que será realizado no mês de março.   Não obstante as dificuldades que surgem no desenvolvimento do trabalho educacional, a Rede Salesiana de Escolas, por meio do Polo Manaus, visa fortalecer seu compromisso com a qualidade e referência em educação, logo, não esmorece em seu “desafio de avançar e criar culturas valorativas que servem de referência, exemplo de gestão, de avaliação, de comunicação e principalmente de formação”, ações que visam sempre fortalecer a “missão de evangelizar educando e educar evangelizando”, levando todos aqueles que abraçam essa missão a ter sempre o “Entusiasmo diante da vida.”   Inspetoria Salesiana do Amazonas
Published in Nacionais
  Uma visão de quem está vivendo numa das maiores favelas da cidade de São Paulo: Ir. Maria Genoveva Correa, salesiana integrante da Comunidade Intercongregacional na Favela da Vila Prudente; André Delfino da Silva, coordenador do Movimento de Defesa dos Favelados (MDF) e Raimundo Delfim, advogado – vice-presidente da Associação Nova Heliópolis e coordenador geral da Central de Movimentos Populares do Estado de São Paulo (CMP-SP).     Estão se tornando rotina os incêndios nas favelas da cidade de São Paulo. É muito triste assistir às chamas destruindo lares simples, feitos de madeira, construídos com muito suor e sacrifício por famílias que não tiveram apoio do poder público no acesso à moradia digna. Os incêndios provocam efeitos nefastos. Além de deixar a família sem um teto, causam a perda de vaga nas creches e escolas dos filhos e, na maioria dos casos, a perda total dos bens materiais, conquistados, após muitos anos de trabalho. Até o mês de setembro, foram computados trinta e quatro incêndios em favelas, causando enorme angústia para aproximadamente dois milhões de pessoas que habitam as 1.565 favelas da cidade de São Paulo. É muita coincidência a existência de uma onda de incêndio em favelas paulistanas em um momento de enorme valorização imobiliária. E os incêndios ocorrem justamente nas proximidades das operações urbanas, nos locais mais cobiçados pelo mercado imobiliário.  
Published in Ação Social
Nos dias 25 e 26 de outubro, a Inspetoria Salesiana do Nordeste do Brasil promoveu o 2º Encontro Anual de Animação Pastoral, na Escola Salesiana da Colônia, em Jaboatão dos Guararapes, PE. O encontro contou com cerca de 80 participantes, dentre  os quais, educadores do Colégio Salesiano Dom Bosco de Parnamirim, RN e do Colégio Salesiano São José de Natal.   O encontro teve o objetivo de avaliar a caminhada das comissões inspetoriais (Pastoral Juvenil Salesiana, Comunicação, Animação Vocacional e Missionária, Ação Social, Educação, Gestão e Paróquias) em 2012 e pontuar ações para 2013. O evento também tratou de temas pertinentes para o próximo ano, como a Jornada Mundial da Juventude e o Repensamento Pastoral.   Segundo os organizadores do encontro, “além do planejamento, o intuito  foi fazer com que todos, em qualquer uma das comissões inspetoriais e equipes locais, se sentissem parte da missão salesiana, compreendendo que todos os âmbitos são transversais, importantes e inter-relacionados".   RSE Informa
Published in Nacionais
Responder às necessidades dos “jovens pobres e abandonados” em tensão salvífica GLOBAL, com descortino e visão aberta para todo o universo juvenil
Published in Reitor-mor
Page 2 of 2