A primeira exposição disponível por meio da plataforma, “Salesianos em São Paulo: 135 anos de História”, conta com mais de 50 imagens do arquivo fotográfico da Inspetoria Salesiana de São Paulo.
Publicado em Nacionais
Todos os meses, o reitor-mor escreve aos leitores do Boletim Salesiano um artigo para leitura e reflexão. No artigo de novembro, ele escreve como se fosse Dom Bosco, em primeira pessoa, e conta: “Põe-te imediatamente a instruí-los sobre a fealdade do pecado e a preciosidade da virtude”.   Falar de Jesus Cristo nestes dias é difícil, mas não impossível. Os jovens parecem distraídos e quase inacessíveis sobre temas religiosos. No meu tempo, assim como hoje, o problema não era tanto falar de Jesus, mas o tom e a abordagem. Alguns dos meus contatos com os jovens não se deram na sacristia ou à sombra do campanário. Começaram nas praças de Turim ou em alguma dos muitos becos de seu centro histórico. No início do meu apostolado sacerdotal, meu amigo padre Cafasso, que eu escolhera como diretor espiritual, tinha-me dado um conselho de ouro: “Caminha pela cidade, olha ao teu redor”. Eu devia encontrar os jovens no seu ambiente, aonde eles se reuniam. Se os tivesse esperado na igreja, teria perdido um tempo precioso e mil ocasiões.
Publicado em Reitor-mor
Em comemoração aos 100 anos da Paróquia Imaculada Conceição, na cidade de Rio dos Cedros, em Santa Catarina, os alunos do Grupo de Canto do Colégio São Paulo, de Ascurra, dirigidos pela professora Bárbara Cristofolini, participaram de uma missa festiva na noite de 21 de agosto, presidida pelo padre Paulo Marconcini - que durante nove anos atuou na cidade como pároco.
Publicado em Nacionais
  Foi lançado oficialmente no dia 6 de julho, o projeto Esporte pela Paz. O evento foi realizado no Centro Juvenil Oratório Mamãe Margarida (CEJOMM), em Niterói, RJ. O projeto é fruto de uma parceria entre a Inspetoria São João Bosco (ISJB), a Misiones Salesianas de Madrid, a Fundação Real Madrid e a Endesa.   Cerca de 170 crianças e adolescentes participaram do lançamento que contou com a presença do lateral esquerdo da Seleção Brasileira e do Real Madrid, Marcelo Vieira, padrinho do projeto. O jogador aproveitou para conversar com os jovens, que ficaram entusiasmados com sua presença. Ele ainda deu um simbólico ponta pé inicial do projeto.   Participaram também do lançamento o delegado do Sistema Salesiano de Ação Social (SSAS), padre Moacir Scari; a representante da fundação Real Madrid, Silvia Montes-Jovellar; a diretora de Comunicação e Relações Externas da Endesa Brasil, Janaína Savino Vilella dos Santos; e o diretor da procuradoria salesiana de Madrid, Misiones Salesianas, padre Agustín Pacheco.   Apresentações de ginástica, capoeira e maculelê animaram o evento. Os 130 anos na presença salesiana no Brasil foi destacada durante o lançamento. A cidade de Niterói foi o primeiro local no país a acolher a Congregação Salesiana, exatamente no mês de julho.   O projeto Esporte pela Paz terá duração de dois anos e beneficiará 200 crianças e adolescentes, entre oito e 17 anos, em situação de vulnerabilidade social. As atividades acontecerão no contra turno escolar e serão conduzidas por profissionais de áreas multidisciplinares, tais como: Educação Física, Psicologia, Serviço Social e Psicopedagogia.   Assista a matéria sobre o lançamento do projeto veiculada no canal SportTV.   Inspetoria São João Bosco  
Publicado em Ação Social
A Via-Sacra da Jornada Mundial da Juventude Rio2013, em Copacabana, que será realizada no dia 26 de julho, promete ser um momento de fé, amor e compaixão pelos jovens, com uma linguagem contemporânea que dialoga com questões do mundo atual da juventude. Com 14 estações que mostrarão o sofrimento de Jesus e “as dores” presentes na sociedade de hoje, a representação do percurso feito por Cristo antes de ser crucificado terá a presença do Papa Francisco.   Passado e presente do Cristianismo vão se misturar na Avenida Atlântica. Ocupando aproximadamente 800 metros do canteiro central da via, as estações da Via Sacra de Jerusalém, também conhecida como Via Dolorosa ou Via Crucis, vão ter referência a 14 temas diferentes: “jovem missionário”, “jovem convertido”, “jovem de comunidade de recuperação”, “jovem falando em nome das mães”, “seminarista”, “religiosa que luta pela vida (contra o aborto)”, “casal de namorados”, “jovem falando pelas mulheres que sofrem”, “estudante cadeirante”, “jovem das redes sociais”, “presidiário ou jovem da pastoral penal”, “jovem com doença terminal”, “jovem deficiente auditivo” e “jovens da África, América do Norte, da América Latina e do Caribe, da Europa, da Ásia e da Oceania”.   Todos esses temas serão representados em um cenário que vai remontar à cidade antiga de Jerusalém, comum percurso usado nas procissões do século XVI. Segundo o diretor artístico da JMJ, Ulysses Cruz, este foi o cenário escolhido porque possui marcos históricos que fazem parte da tradição católica. “A Via Sacra data dessa época. Durante os séculos, ela foi sofrendo modificações, mas sua essência é a que conhecemos hoje. As infinitas variações são interpretações artísticas criadas pelo mundo, mas o que existe de mais próximo da verdade é essa”, afirmou.   O diretor artístico também contou que o Papa Francisco presidirá a Via Sacra do palco principal. Além da encenação dos momentos do sofrimento de Jesus nas 13 estações (a 14ª estação será no palco principal), também haverá uma representação de tudo o que está acontecendo no palco principal, perto do Papa Francisco. “Ela será criada para que o Santo Padre participe de modo real de tudo o que está acontecendo em cada uma das estações”, destacou Ulysses, que também disse que haverá um telão no palco principal. O palco, que terá capacidade para 1500 convidados sentados, estará localizado na altura da Praça do Lido. Cerca de 20 cadeirantes estarão no palco representando os portadores de deficiência.   Com um diálogo com a linguagem das artes de várias épocas, principalmente a arte contemporânea, a Via Sacra da JMJ Rio2013 pretende ser a “Via Sacra do Jovem Solidário”. “Será completamente diferente da Via Sacra da JMJ de Madri. Em cada estação haverá uma surpresa para que tudo fique ainda mais emocionante e faça o público refletir sobre o seu significado. Desde seu conceito - refletir sobre o sofrimento de Jesus na Cruz e o sofrimento do jovem hoje - até os recursos cênicos evocados, passando pela sua trilha sonora - orquestra sinfônica, DJ e guitarras elétricas - tudo é novo nessa Via Sacra”, destacou.   Um ponto a ser destacado é que haverá transmissão ao vivo pela televisão e pelos telões espalhados pela cidade, que vão retransmitir as imagens da TV. Os organizadores ressaltam que a presença no evento é “forte e emocionante” porque é ao vivo, mas pela televisão haverá uma “visão ampla e comentada”.   Jovens que vão fazer a encenação já estão sendo escolhidos   As cenas da Via Crucis serão representadas por atores voluntários e personalidades católicas. As audições para a escolha dos voluntários já estão em fase final de seleção. Serão selecionados cerca de 500 voluntários. O local previsto para os ensaios será o Colégio Santo Inácio. Segundo Ulysses, os nomes das personalidades ainda não foram divulgados porque não houve o convite da organização. Os palcos da Via Sacra serão construídos em formato de grandes escadarias e as encenações acontecerão nos degraus e nas plataformas deles. O ensaio geral deve realizar-se na madrugada do dia 26 de julho, na Avenida Atlântica, já com o cenário pronto.   JMJ Rio2013   Leia Também: Catequeses: o coração da Jornada
Publicado em Nacionais
A Confederação Brasileira de Handebol (CBHb) convocou o técnico Cássio Lima, professor do Colégio Salesiano do Salvador, na Capital baiana, para participar do VII Acampamento Nacional de Desenvolvimento e Melhora Técnica, na categoria Juvenil.   O objetivo do treinamento é encontrar e despertar futuros talentos para a Seleção Brasileira. Cerca de 120 jovens entre 17 e 18 anos e provenientes de todo o país participam do encontro. Depois do intensivo treino, alguns passam a ser acompanhados em vista das Olimpíadas de 2020, uma vez que 2016 já está definida.   As atividades serão realizadas na cidade de Blumenau, SC, no período de 20 de fevereiro a 3 de março. O professor Cássio, que também é treinador da seleção de handebol do Colégio do Salvador, desenvolverá atividades em conjunto com a seleta equipe comandada pelo técnico da Seleção Brasileira Masculina, Jordi Ribera. “É muito gratificante, junto com a seleção brasileira, buscar novos horizontes para seleção nacional e também para a Bahia”, declarou o educador salesiano antes do embarque.   RSE Informa
Publicado em Nacionais
Bruno Alexis Morales Huaco, estudante do 9º ano no Colégio Salesiano Itajaí, em Santa Catarina, foi o único aluno de Itajaí e região classificado para a 3ª fase da Olimpíada Brasileira de Física. A prova foi realizada no dia 6 de outubro, em Joinville, e envolveu questões teóricas e atividades práticas. O resultado deve sair em breve.   Bruno conta que se interessou em participar da olimpíada quando a professora de Ciências fez o convite na sala. Ele pensa em cursar Engenharia e resolveu se inscrever. Para se preparar, contou também com a ajuda do professor de Física André Lisboa de Oliveira, que ministra as aulas de apoio no período vespertino.   RSE Informa
Publicado em Nacionais
Entre os dias 16 e 18 de agosto a Arquidiocese de Porto Velho, RO, recebeu a visita da Cruz da Juventude e do Ícone de Nossa Senhora, símbolos da Jornada Mundial da Juventude. Os alunos do Instituto Laura Vicuña,de Porto Velho, estiveram presentes no encontro, marcado por muita fé e devoção. A Estrada de Ferro Madeira-Mamoré, foi o primeiro destino da Cruz e do Ícone, que chegaram à cidade de barco acompanhados pelo arcebispo, dom Esmeraldo Farias, além de membros da marinha, jovens, religiosos e religiosas. A chegada da Cruz coincidiu com um importante momento para os alunos salesianos – a comemoração dos 197 anos do nascimento de Dom Bosco, fundador da pedagogia salesiana. Para os jovens a visita representou não apenas um momento de emoção, mas também de expectativa diante da futura participação na Jornada Mundial da Juventude – JMJ-2013, que será realizada no Rio de Janeiro.  “A alegria, a fé e a força do jovem nos movem para uma vida santa”, disse Claudi  Rocha, coordenador de Pastoral do Instituto Laura Vicuña. Quem participou da peregrinação da Cruz e do Ícone pôde assistir ao show bota fé com a presença dos grupos Chamas, Vida Reluz e o Dj Daniel Bassani, no campo da 17ª Brigada. A Jornada Mundial da Juventude será sediada no Rio de Janeiro, entre os dias 23 e 28 de julho de 2013, com a presença do Papa Bento XVI.
Publicado em Juventude
A primeira exposição disponível por meio da plataforma, “Salesianos em São Paulo: 135 anos de História”, conta com mais de 50 imagens do arquivo fotográfico da Inspetoria Salesiana de São Paulo.
Publicado em Nacionais
Todos os meses, o reitor-mor escreve aos leitores do Boletim Salesiano um artigo para leitura e reflexão. No artigo de novembro, ele escreve como se fosse Dom Bosco, em primeira pessoa, e conta: “Põe-te imediatamente a instruí-los sobre a fealdade do pecado e a preciosidade da virtude”.   Falar de Jesus Cristo nestes dias é difícil, mas não impossível. Os jovens parecem distraídos e quase inacessíveis sobre temas religiosos. No meu tempo, assim como hoje, o problema não era tanto falar de Jesus, mas o tom e a abordagem. Alguns dos meus contatos com os jovens não se deram na sacristia ou à sombra do campanário. Começaram nas praças de Turim ou em alguma dos muitos becos de seu centro histórico. No início do meu apostolado sacerdotal, meu amigo padre Cafasso, que eu escolhera como diretor espiritual, tinha-me dado um conselho de ouro: “Caminha pela cidade, olha ao teu redor”. Eu devia encontrar os jovens no seu ambiente, aonde eles se reuniam. Se os tivesse esperado na igreja, teria perdido um tempo precioso e mil ocasiões.
Publicado em Reitor-mor
Em comemoração aos 100 anos da Paróquia Imaculada Conceição, na cidade de Rio dos Cedros, em Santa Catarina, os alunos do Grupo de Canto do Colégio São Paulo, de Ascurra, dirigidos pela professora Bárbara Cristofolini, participaram de uma missa festiva na noite de 21 de agosto, presidida pelo padre Paulo Marconcini - que durante nove anos atuou na cidade como pároco.
Publicado em Nacionais
  Foi lançado oficialmente no dia 6 de julho, o projeto Esporte pela Paz. O evento foi realizado no Centro Juvenil Oratório Mamãe Margarida (CEJOMM), em Niterói, RJ. O projeto é fruto de uma parceria entre a Inspetoria São João Bosco (ISJB), a Misiones Salesianas de Madrid, a Fundação Real Madrid e a Endesa.   Cerca de 170 crianças e adolescentes participaram do lançamento que contou com a presença do lateral esquerdo da Seleção Brasileira e do Real Madrid, Marcelo Vieira, padrinho do projeto. O jogador aproveitou para conversar com os jovens, que ficaram entusiasmados com sua presença. Ele ainda deu um simbólico ponta pé inicial do projeto.   Participaram também do lançamento o delegado do Sistema Salesiano de Ação Social (SSAS), padre Moacir Scari; a representante da fundação Real Madrid, Silvia Montes-Jovellar; a diretora de Comunicação e Relações Externas da Endesa Brasil, Janaína Savino Vilella dos Santos; e o diretor da procuradoria salesiana de Madrid, Misiones Salesianas, padre Agustín Pacheco.   Apresentações de ginástica, capoeira e maculelê animaram o evento. Os 130 anos na presença salesiana no Brasil foi destacada durante o lançamento. A cidade de Niterói foi o primeiro local no país a acolher a Congregação Salesiana, exatamente no mês de julho.   O projeto Esporte pela Paz terá duração de dois anos e beneficiará 200 crianças e adolescentes, entre oito e 17 anos, em situação de vulnerabilidade social. As atividades acontecerão no contra turno escolar e serão conduzidas por profissionais de áreas multidisciplinares, tais como: Educação Física, Psicologia, Serviço Social e Psicopedagogia.   Assista a matéria sobre o lançamento do projeto veiculada no canal SportTV.   Inspetoria São João Bosco  
Publicado em Ação Social
A Via-Sacra da Jornada Mundial da Juventude Rio2013, em Copacabana, que será realizada no dia 26 de julho, promete ser um momento de fé, amor e compaixão pelos jovens, com uma linguagem contemporânea que dialoga com questões do mundo atual da juventude. Com 14 estações que mostrarão o sofrimento de Jesus e “as dores” presentes na sociedade de hoje, a representação do percurso feito por Cristo antes de ser crucificado terá a presença do Papa Francisco.   Passado e presente do Cristianismo vão se misturar na Avenida Atlântica. Ocupando aproximadamente 800 metros do canteiro central da via, as estações da Via Sacra de Jerusalém, também conhecida como Via Dolorosa ou Via Crucis, vão ter referência a 14 temas diferentes: “jovem missionário”, “jovem convertido”, “jovem de comunidade de recuperação”, “jovem falando em nome das mães”, “seminarista”, “religiosa que luta pela vida (contra o aborto)”, “casal de namorados”, “jovem falando pelas mulheres que sofrem”, “estudante cadeirante”, “jovem das redes sociais”, “presidiário ou jovem da pastoral penal”, “jovem com doença terminal”, “jovem deficiente auditivo” e “jovens da África, América do Norte, da América Latina e do Caribe, da Europa, da Ásia e da Oceania”.   Todos esses temas serão representados em um cenário que vai remontar à cidade antiga de Jerusalém, comum percurso usado nas procissões do século XVI. Segundo o diretor artístico da JMJ, Ulysses Cruz, este foi o cenário escolhido porque possui marcos históricos que fazem parte da tradição católica. “A Via Sacra data dessa época. Durante os séculos, ela foi sofrendo modificações, mas sua essência é a que conhecemos hoje. As infinitas variações são interpretações artísticas criadas pelo mundo, mas o que existe de mais próximo da verdade é essa”, afirmou.   O diretor artístico também contou que o Papa Francisco presidirá a Via Sacra do palco principal. Além da encenação dos momentos do sofrimento de Jesus nas 13 estações (a 14ª estação será no palco principal), também haverá uma representação de tudo o que está acontecendo no palco principal, perto do Papa Francisco. “Ela será criada para que o Santo Padre participe de modo real de tudo o que está acontecendo em cada uma das estações”, destacou Ulysses, que também disse que haverá um telão no palco principal. O palco, que terá capacidade para 1500 convidados sentados, estará localizado na altura da Praça do Lido. Cerca de 20 cadeirantes estarão no palco representando os portadores de deficiência.   Com um diálogo com a linguagem das artes de várias épocas, principalmente a arte contemporânea, a Via Sacra da JMJ Rio2013 pretende ser a “Via Sacra do Jovem Solidário”. “Será completamente diferente da Via Sacra da JMJ de Madri. Em cada estação haverá uma surpresa para que tudo fique ainda mais emocionante e faça o público refletir sobre o seu significado. Desde seu conceito - refletir sobre o sofrimento de Jesus na Cruz e o sofrimento do jovem hoje - até os recursos cênicos evocados, passando pela sua trilha sonora - orquestra sinfônica, DJ e guitarras elétricas - tudo é novo nessa Via Sacra”, destacou.   Um ponto a ser destacado é que haverá transmissão ao vivo pela televisão e pelos telões espalhados pela cidade, que vão retransmitir as imagens da TV. Os organizadores ressaltam que a presença no evento é “forte e emocionante” porque é ao vivo, mas pela televisão haverá uma “visão ampla e comentada”.   Jovens que vão fazer a encenação já estão sendo escolhidos   As cenas da Via Crucis serão representadas por atores voluntários e personalidades católicas. As audições para a escolha dos voluntários já estão em fase final de seleção. Serão selecionados cerca de 500 voluntários. O local previsto para os ensaios será o Colégio Santo Inácio. Segundo Ulysses, os nomes das personalidades ainda não foram divulgados porque não houve o convite da organização. Os palcos da Via Sacra serão construídos em formato de grandes escadarias e as encenações acontecerão nos degraus e nas plataformas deles. O ensaio geral deve realizar-se na madrugada do dia 26 de julho, na Avenida Atlântica, já com o cenário pronto.   JMJ Rio2013   Leia Também: Catequeses: o coração da Jornada
Publicado em Nacionais
A Confederação Brasileira de Handebol (CBHb) convocou o técnico Cássio Lima, professor do Colégio Salesiano do Salvador, na Capital baiana, para participar do VII Acampamento Nacional de Desenvolvimento e Melhora Técnica, na categoria Juvenil.   O objetivo do treinamento é encontrar e despertar futuros talentos para a Seleção Brasileira. Cerca de 120 jovens entre 17 e 18 anos e provenientes de todo o país participam do encontro. Depois do intensivo treino, alguns passam a ser acompanhados em vista das Olimpíadas de 2020, uma vez que 2016 já está definida.   As atividades serão realizadas na cidade de Blumenau, SC, no período de 20 de fevereiro a 3 de março. O professor Cássio, que também é treinador da seleção de handebol do Colégio do Salvador, desenvolverá atividades em conjunto com a seleta equipe comandada pelo técnico da Seleção Brasileira Masculina, Jordi Ribera. “É muito gratificante, junto com a seleção brasileira, buscar novos horizontes para seleção nacional e também para a Bahia”, declarou o educador salesiano antes do embarque.   RSE Informa
Publicado em Nacionais
Bruno Alexis Morales Huaco, estudante do 9º ano no Colégio Salesiano Itajaí, em Santa Catarina, foi o único aluno de Itajaí e região classificado para a 3ª fase da Olimpíada Brasileira de Física. A prova foi realizada no dia 6 de outubro, em Joinville, e envolveu questões teóricas e atividades práticas. O resultado deve sair em breve.   Bruno conta que se interessou em participar da olimpíada quando a professora de Ciências fez o convite na sala. Ele pensa em cursar Engenharia e resolveu se inscrever. Para se preparar, contou também com a ajuda do professor de Física André Lisboa de Oliveira, que ministra as aulas de apoio no período vespertino.   RSE Informa
Publicado em Nacionais
Entre os dias 16 e 18 de agosto a Arquidiocese de Porto Velho, RO, recebeu a visita da Cruz da Juventude e do Ícone de Nossa Senhora, símbolos da Jornada Mundial da Juventude. Os alunos do Instituto Laura Vicuña,de Porto Velho, estiveram presentes no encontro, marcado por muita fé e devoção. A Estrada de Ferro Madeira-Mamoré, foi o primeiro destino da Cruz e do Ícone, que chegaram à cidade de barco acompanhados pelo arcebispo, dom Esmeraldo Farias, além de membros da marinha, jovens, religiosos e religiosas. A chegada da Cruz coincidiu com um importante momento para os alunos salesianos – a comemoração dos 197 anos do nascimento de Dom Bosco, fundador da pedagogia salesiana. Para os jovens a visita representou não apenas um momento de emoção, mas também de expectativa diante da futura participação na Jornada Mundial da Juventude – JMJ-2013, que será realizada no Rio de Janeiro.  “A alegria, a fé e a força do jovem nos movem para uma vida santa”, disse Claudi  Rocha, coordenador de Pastoral do Instituto Laura Vicuña. Quem participou da peregrinação da Cruz e do Ícone pôde assistir ao show bota fé com a presença dos grupos Chamas, Vida Reluz e o Dj Daniel Bassani, no campo da 17ª Brigada. A Jornada Mundial da Juventude será sediada no Rio de Janeiro, entre os dias 23 e 28 de julho de 2013, com a presença do Papa Bento XVI.
Publicado em Juventude