Um grupo de 30 jovens enfrentou o frio e o sono na manhã do último dia 11 de julho para realizar um Flash Mob em frente à Igreja do Sagrado Coração de Jesus, em Ponta Grossa, Paraná. A ação foi realizada no dia de oração pela Jornada Mundial da Juventude Rio2013 e contou com a presença da juventude de diversas congregações religiosas, dentre elas, a juventude salesiana.   Segundo a jornalista Amanda Cruz, uma das organizadoras do evento, “esse flash mob, além de ser uma iniciativa para divulgar a JMJ e principalmente a Semana Missionária, também vem para celebrar as diferentes características da juventude da nossa diocese, sejam elas: RCC, Sentinelas da Manhã, Salesianos, Marianos Franciscanos, etc.”   Durante o encontro na manhã do dia 11, os participantes também aproveitaram para divulgar o show do cantor Tony Allysson, que fará uma apresentação em virtude do início da Semana Missionária, e o aniversário de 40 anos de sacerdócio do bispo diocesano de Ponta Grossa, dom Sergio Arthur Braschi.   Leia também: Integrantes da AJS de Lins fazem preparação final para Jornada Mundial da  Juventude   Assessoria de Comunicação Social Salesiana - Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora
Published in Nacionais
“Proteger”, defender, “guardar” bem cada pessoa e toda a criação, com grande respeito, amor e ternura: esta a mensagem central da homilia do Papa Francisco na Missa de início do seu ministério petrino, na manhã de 19 de março, na Praça de São Pedro, na festa de São José, patrono da Igreja universal. “Uma coincidência densa de significado” – observou o Papa, que recordou ser esse o nome do seu “venerado Predecessor”: “acompanhamo-lo com a oração, cheia de estima e reconhecimento”. Toda a homilia se concentrou no modo como são José viveu a sua missão de proteger e defender Jesus. “Com discrição, com humildade, no silêncio, mas com uma presença constante e uma fidelidade total, mesmo quando não consegue entender.” Desde o casamento com Maria até ao episódio de Jesus…no templo de Jerusalém, ele acompanha com solicitude e amor cada momento. Permanece ao lado de Maria… nos momentos serenos como nos momentos difíceis da vida… assim como também na vida quotidiana da casa de Nazaré, na carpintaria onde ensinou o ofício a Jesus… … José a sua vocação de guardião de Maria, de Jesus, da Igreja… numa constante atenção a Deus, aberto aos seus sinais, disponível mais ao projecto d’Ele que ao seu… Nele, queridos amigos, vemos como se responde à vocação de Deus: com disponibilidade e prontidão; mas vemos também qual é o centro da vocação cristã: Cristo. Guardemos Cristo na nossa vida, para guardar os outros, para guardar a criação! – sublinhou o Papa. “Entretanto a vocação de guardião não diz respeito apenas a nós, cristãos, mas tem uma dimensão antecedente, que é simplesmente humana e diz respeito a todos: é a de guardar a criação inteira, a beleza da criação, como se diz no livro de Génesis e nos mostrou São Francisco de Assis: é ter respeito por toda a criatura de Deus e pelo ambiente onde vivemos. É guardar as pessoas, cuidar carinhosamente de todas elas e cada uma, especialmente das crianças, dos idosos, daqueles que são mais frágeis e que muitas vezes estão na periferia do nosso coração.” Proteger e “guardar” como José – advertiu Papa Francisco, é também “viver com sinceridade as amizades, que são um mútuo guardar-se na intimidade, no respeito e no bem. Fundamentalmente tudo está confiado à guarda do homem, e é uma responsabilidade que nos diz respeito a todos. Sede guardiões dos dons de Deus”. Quando o homem falha nesta responsabilidade, quando não cuidamos da criação e dos irmãos, então tem lugar a destruição, o coração fica ressequido… “Queria pedir, por favor, a quantos ocupam cargos de responsabilidade em âmbito económico, político ou social, a todos os homens e mulheres de boa vontade: sejamos «guardiões» da criação, do desígnio de Deus inscrito na natureza, guardiões do outro, do ambiente; não deixemos que sinais de destruição e morte acompanhem o caminho deste nosso mundo! Mas, para «guardar», devemos também cuidar de nós mesmos. Lembremo-nos de que o ódio, a inveja, o orgulho sujam a vida; então guardar quer dizer vigiar sobre os nossos sentimentos, o nosso coração, porque é dele que saem as boas intenções e as más: aquelas que edificam e as que destroem. Não devemos ter medo de bondade, ou mesmo de ternura.”   Papa Francisco insistiu: “cuidar, guardar requer bondade, requer ser praticado com ternura” São José é homem forte, corajoso, trabalhador, mas, no íntimo, sobressai uma grande ternura, que não é a virtude dos fracos, antes pelo contrário denota fortaleza de ânimo e capacidade de solicitude, de compaixão, de verdadeira abertura ao outro, de amor. Não devemos ter medo da bondade, da ternura! Neste contexto, o Papa fez uma referência – a única – ao “início do ministério do novo Bispo de Roma, Sucessor de Pedro”, que – reconheceu – “inclui também um poder… Jesus deu um poder a Pedro, mas de que poder se trata?”  “Não esqueçamos jamais que o verdadeiro poder é o serviço, e que o próprio Papa, para exercer o poder, deve entrar sempre mais naquele serviço que tem o seu vértice luminoso na Cruz; deve olhar para o serviço humilde, concreto, rico de fé, de São José e, como ele, abrir os braços para guardar todo o Povo de Deus e acolher, com afecto e ternura, a humanidade inteira, especialmente os mais pobres, os mais fracos, os mais pequeninos, aqueles que Mateus descreve no Juízo final sobre a caridade: quem tem fome, sede, é estrangeiro, está nu, doente, na prisão (cf. Mt 25, 31-46). Só quem serve com amor é capaz de proteger.” A concluir. Papa Francisco referiu ainda a segunda Leitura, em que São Paulo fala de Abraão, que acreditou «com uma esperança, para além do que se podia esperar». Hoje, em dia, perante tantas nuvens escuras, há muita necessidade de esperança! “Guardar a criação, cada homem e cada mulher, com um olhar de ternura e amor, é abrir o horizonte da esperança, é abrir um rasgo de luz no meio de tantas nuvens, é levar o calor da esperança!”  “Guardar Jesus com Maria, guardar a criação inteira, guardar toda a pessoa, especialmente a mais pobre, guardarmo-nos a nós mesmos: eis um serviço que o Bispo de Roma está chamado a cumprir, mas para o qual todos nós estamos chamados, fazendo resplandecer a estrela da esperança: Guardemos com amor aquilo que Deus nos deu!Peço a intercessão da Virgem Maria, de São José, de São Pedro e São Paulo, de São Francisco, para que o Espírito Santo acompanhe o meu ministério, e, a todos vós, digo: rezai por mim! Amém!”
Published in Igreja
  No sábado, 22 de setembro, o site da Santa Sé publicou, na sessão Renúncias e Nomeações, o nome dos especialistas e auditores nomeados para a participação na XIII Assembleia Geral Ordinária do Sínodo dos Bispos, que acontecerá no Vaticano entre os dias 7 e 28 de outubro de 2012, com o tema “A nova evangelização para a transmissão da fé cristã”.    A nomeação foi realizada pelo Secretário Geral do Sínodo dos Bispos com a autorização do Sumo Pontífice. Entre os especialistas está o Pe. Luiz Alves de Lima, SDB, escolhido para representar a América Latina na área da catequese e da iniciação cristã.     Além do Pe. Lima, os Salesianos de Dom Bosco e as Filhas de Maria Auxiliadora estarão representados no Sínodo dos Bispos também, por Pe. Cleto Pavanetto e Ir. Henrica Rosanna, ambos da Itália, na qualidade de auditores, e pela Madre-Geral das FMA, Ir. Yvonne Reungoat, da França.  Clique aqui e veja a nomeação oficial no site da Santa Sé.
Published in Internacionais
Cursos de graduação do Centro Universitário Salesiano de São Paulo (Unisal) foram estrelados pelo Guia do Estudante Profissões Vestibular 2013, da editora Abril, que circula a partir de 25 de outubro.  São destacados 16 cursos, dentre os quais, cinco, que receberam quatro estrelas e os demais três estrelas.   As estrelas são concedidas com base nas informações fornecidas pelos coordenadores para a avaliação de cursos superiores realizada anualmente pelo Guia do Estudante.   A pró-reitora acadêmica do Unisal, Professora Doutora Romane Fortes Bernardo, afirma que esse resultado é consequência de um amplo e consistente trabalho realizado pelas equipes acadêmicas, compostas por cada docente, cada coordenador de curso, cada diretoria operacional das unidades que constituem o Unisal e também pela reitoria e que, por isso, o Unisal deve festejar o resultado como uma obra de um “time” mais engajado a cada temporada.   Confira as unidades e os cursos estrelados do Unisal
Published in Educação
  Um grupo de 30 jovens enfrentou o frio e o sono na manhã do último dia 11 de julho para realizar um Flash Mob em frente à Igreja do Sagrado Coração de Jesus, em Ponta Grossa, Paraná. A ação foi realizada no dia de oração pela Jornada Mundial da Juventude Rio2013 e contou com a presença da juventude de diversas congregações religiosas, dentre elas, a juventude salesiana.   Segundo a jornalista Amanda Cruz, uma das organizadoras do evento, “esse flash mob, além de ser uma iniciativa para divulgar a JMJ e principalmente a Semana Missionária, também vem para celebrar as diferentes características da juventude da nossa diocese, sejam elas: RCC, Sentinelas da Manhã, Salesianos, Marianos Franciscanos, etc.”   Durante o encontro na manhã do dia 11, os participantes também aproveitaram para divulgar o show do cantor Tony Allysson, que fará uma apresentação em virtude do início da Semana Missionária, e o aniversário de 40 anos de sacerdócio do bispo diocesano de Ponta Grossa, dom Sergio Arthur Braschi.   Leia também: Integrantes da AJS de Lins fazem preparação final para Jornada Mundial da  Juventude   Assessoria de Comunicação Social Salesiana - Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora
Published in Nacionais
“Proteger”, defender, “guardar” bem cada pessoa e toda a criação, com grande respeito, amor e ternura: esta a mensagem central da homilia do Papa Francisco na Missa de início do seu ministério petrino, na manhã de 19 de março, na Praça de São Pedro, na festa de São José, patrono da Igreja universal. “Uma coincidência densa de significado” – observou o Papa, que recordou ser esse o nome do seu “venerado Predecessor”: “acompanhamo-lo com a oração, cheia de estima e reconhecimento”. Toda a homilia se concentrou no modo como são José viveu a sua missão de proteger e defender Jesus. “Com discrição, com humildade, no silêncio, mas com uma presença constante e uma fidelidade total, mesmo quando não consegue entender.” Desde o casamento com Maria até ao episódio de Jesus…no templo de Jerusalém, ele acompanha com solicitude e amor cada momento. Permanece ao lado de Maria… nos momentos serenos como nos momentos difíceis da vida… assim como também na vida quotidiana da casa de Nazaré, na carpintaria onde ensinou o ofício a Jesus… … José a sua vocação de guardião de Maria, de Jesus, da Igreja… numa constante atenção a Deus, aberto aos seus sinais, disponível mais ao projecto d’Ele que ao seu… Nele, queridos amigos, vemos como se responde à vocação de Deus: com disponibilidade e prontidão; mas vemos também qual é o centro da vocação cristã: Cristo. Guardemos Cristo na nossa vida, para guardar os outros, para guardar a criação! – sublinhou o Papa. “Entretanto a vocação de guardião não diz respeito apenas a nós, cristãos, mas tem uma dimensão antecedente, que é simplesmente humana e diz respeito a todos: é a de guardar a criação inteira, a beleza da criação, como se diz no livro de Génesis e nos mostrou São Francisco de Assis: é ter respeito por toda a criatura de Deus e pelo ambiente onde vivemos. É guardar as pessoas, cuidar carinhosamente de todas elas e cada uma, especialmente das crianças, dos idosos, daqueles que são mais frágeis e que muitas vezes estão na periferia do nosso coração.” Proteger e “guardar” como José – advertiu Papa Francisco, é também “viver com sinceridade as amizades, que são um mútuo guardar-se na intimidade, no respeito e no bem. Fundamentalmente tudo está confiado à guarda do homem, e é uma responsabilidade que nos diz respeito a todos. Sede guardiões dos dons de Deus”. Quando o homem falha nesta responsabilidade, quando não cuidamos da criação e dos irmãos, então tem lugar a destruição, o coração fica ressequido… “Queria pedir, por favor, a quantos ocupam cargos de responsabilidade em âmbito económico, político ou social, a todos os homens e mulheres de boa vontade: sejamos «guardiões» da criação, do desígnio de Deus inscrito na natureza, guardiões do outro, do ambiente; não deixemos que sinais de destruição e morte acompanhem o caminho deste nosso mundo! Mas, para «guardar», devemos também cuidar de nós mesmos. Lembremo-nos de que o ódio, a inveja, o orgulho sujam a vida; então guardar quer dizer vigiar sobre os nossos sentimentos, o nosso coração, porque é dele que saem as boas intenções e as más: aquelas que edificam e as que destroem. Não devemos ter medo de bondade, ou mesmo de ternura.”   Papa Francisco insistiu: “cuidar, guardar requer bondade, requer ser praticado com ternura” São José é homem forte, corajoso, trabalhador, mas, no íntimo, sobressai uma grande ternura, que não é a virtude dos fracos, antes pelo contrário denota fortaleza de ânimo e capacidade de solicitude, de compaixão, de verdadeira abertura ao outro, de amor. Não devemos ter medo da bondade, da ternura! Neste contexto, o Papa fez uma referência – a única – ao “início do ministério do novo Bispo de Roma, Sucessor de Pedro”, que – reconheceu – “inclui também um poder… Jesus deu um poder a Pedro, mas de que poder se trata?”  “Não esqueçamos jamais que o verdadeiro poder é o serviço, e que o próprio Papa, para exercer o poder, deve entrar sempre mais naquele serviço que tem o seu vértice luminoso na Cruz; deve olhar para o serviço humilde, concreto, rico de fé, de São José e, como ele, abrir os braços para guardar todo o Povo de Deus e acolher, com afecto e ternura, a humanidade inteira, especialmente os mais pobres, os mais fracos, os mais pequeninos, aqueles que Mateus descreve no Juízo final sobre a caridade: quem tem fome, sede, é estrangeiro, está nu, doente, na prisão (cf. Mt 25, 31-46). Só quem serve com amor é capaz de proteger.” A concluir. Papa Francisco referiu ainda a segunda Leitura, em que São Paulo fala de Abraão, que acreditou «com uma esperança, para além do que se podia esperar». Hoje, em dia, perante tantas nuvens escuras, há muita necessidade de esperança! “Guardar a criação, cada homem e cada mulher, com um olhar de ternura e amor, é abrir o horizonte da esperança, é abrir um rasgo de luz no meio de tantas nuvens, é levar o calor da esperança!”  “Guardar Jesus com Maria, guardar a criação inteira, guardar toda a pessoa, especialmente a mais pobre, guardarmo-nos a nós mesmos: eis um serviço que o Bispo de Roma está chamado a cumprir, mas para o qual todos nós estamos chamados, fazendo resplandecer a estrela da esperança: Guardemos com amor aquilo que Deus nos deu!Peço a intercessão da Virgem Maria, de São José, de São Pedro e São Paulo, de São Francisco, para que o Espírito Santo acompanhe o meu ministério, e, a todos vós, digo: rezai por mim! Amém!”
Published in Igreja
  No sábado, 22 de setembro, o site da Santa Sé publicou, na sessão Renúncias e Nomeações, o nome dos especialistas e auditores nomeados para a participação na XIII Assembleia Geral Ordinária do Sínodo dos Bispos, que acontecerá no Vaticano entre os dias 7 e 28 de outubro de 2012, com o tema “A nova evangelização para a transmissão da fé cristã”.    A nomeação foi realizada pelo Secretário Geral do Sínodo dos Bispos com a autorização do Sumo Pontífice. Entre os especialistas está o Pe. Luiz Alves de Lima, SDB, escolhido para representar a América Latina na área da catequese e da iniciação cristã.     Além do Pe. Lima, os Salesianos de Dom Bosco e as Filhas de Maria Auxiliadora estarão representados no Sínodo dos Bispos também, por Pe. Cleto Pavanetto e Ir. Henrica Rosanna, ambos da Itália, na qualidade de auditores, e pela Madre-Geral das FMA, Ir. Yvonne Reungoat, da França.  Clique aqui e veja a nomeação oficial no site da Santa Sé.
Published in Internacionais
Cursos de graduação do Centro Universitário Salesiano de São Paulo (Unisal) foram estrelados pelo Guia do Estudante Profissões Vestibular 2013, da editora Abril, que circula a partir de 25 de outubro.  São destacados 16 cursos, dentre os quais, cinco, que receberam quatro estrelas e os demais três estrelas.   As estrelas são concedidas com base nas informações fornecidas pelos coordenadores para a avaliação de cursos superiores realizada anualmente pelo Guia do Estudante.   A pró-reitora acadêmica do Unisal, Professora Doutora Romane Fortes Bernardo, afirma que esse resultado é consequência de um amplo e consistente trabalho realizado pelas equipes acadêmicas, compostas por cada docente, cada coordenador de curso, cada diretoria operacional das unidades que constituem o Unisal e também pela reitoria e que, por isso, o Unisal deve festejar o resultado como uma obra de um “time” mais engajado a cada temporada.   Confira as unidades e os cursos estrelados do Unisal
Published in Educação