Oração do Senhor

  Depois de ter apreendido o genuíno significado do conteúdo do Pai Nosso, podemos retroceder delineando algumas características. Isso pode nos ajudar a entender que a relação da criatura com Deus não é complicada, mesmo que pareça impossível.  
  A última invocação do Pai Nosso fala do “mal”. É uma palavra que pela indeterminação deixa o caminho aberto a duas interpretações.    
  Depois da invocação para remissão dos pecados, Jesus nos convida a suplicar ao Pai para que nos auxilie a superá-las.  
  O suprimento do corpo é necessário, mas precisamos também restabelecer a ordem dentro de nós mesmos, liberando-nos da desarmonia, tornando-nos devedores diante de Deus e do próximo. É lógico, então, que no Pai Nosso, a invocação do pão seja seguida pela da remissão das nossas dívidas, o que somente Deus pode solucionar por meio do perdão.  
  Nos três primeiros pedidos do Pai Nosso fala-se a Deus, mas sob a perspectiva do homem, nos quatro pedidos seguintes fala-se do homem que se dirige a Deus para invocar por ajuda.    
  Para compreender o significado do terceiro pedido do Pai Nosso, que é exclusivo da redação de Mateus, devemos refletir sobre o significado da vontade de Deus no contexto bíblico e o seu cumprimento por nós.  
O segundo pedido do Pai Nosso espera que venha o reino de Deus. É uma invocação inspirada pelo desejo de que este reino já iniciado em nós, como premissa nesta vida, alcance a sua plena realização na beatude eterna. O pedido nos convida a refletir sobre a relação entre o reino de Deus e o Evangelho, sobre o significado deste reino e o que representa para nós.  
Saturday, 04 August 2012 11:49

A Oração do Senhor: O Pai Nosso

Written by
“Oremos, então, irmãos, como Deus nosso Pai nos ensinou. Orar a Deus, com suas palavras, é uma oração amigável e familiar, que faz chegar aos seus ouvidos a oração do Cristo. Que o Pai reconheça, quando oramos, as palavras do Seu Filho; Ele que habita dentro do nosso coração, esteja também em nossa voz” (S. Cipriano, Tratado sobre o Pai Nosso, cap. 3).  
Após a invocação inicial, o primeiro pedido do Pai Nosso suplica a Deus para que seu nome seja santificado. Mas o nome de Deus não é por si mesmo santo, pela sua referência direta a Deus, que é Santo em essência? Como deve ser entendida esta súplica? O que exprime?
Pronunciar o nome Pai na oração significa, para nós cristãos, reconhecer que Deus Pai é o princípio sem princípio e o fim da existência de todo homem e de toda a criação. Somente Dele, plenitude de amor, brota um fluxo vital que se espalha sobre o Filho e sobre o Espírito Santo e, por consequência sobre o universo.  

Oração do Senhor

  Depois de ter apreendido o genuíno significado do conteúdo do Pai Nosso, podemos retroceder delineando algumas características. Isso pode nos ajudar a entender que a relação da criatura com Deus não é complicada, mesmo que pareça impossível.  
  A última invocação do Pai Nosso fala do “mal”. É uma palavra que pela indeterminação deixa o caminho aberto a duas interpretações.    
  Depois da invocação para remissão dos pecados, Jesus nos convida a suplicar ao Pai para que nos auxilie a superá-las.  
  O suprimento do corpo é necessário, mas precisamos também restabelecer a ordem dentro de nós mesmos, liberando-nos da desarmonia, tornando-nos devedores diante de Deus e do próximo. É lógico, então, que no Pai Nosso, a invocação do pão seja seguida pela da remissão das nossas dívidas, o que somente Deus pode solucionar por meio do perdão.  
  Nos três primeiros pedidos do Pai Nosso fala-se a Deus, mas sob a perspectiva do homem, nos quatro pedidos seguintes fala-se do homem que se dirige a Deus para invocar por ajuda.    
  Para compreender o significado do terceiro pedido do Pai Nosso, que é exclusivo da redação de Mateus, devemos refletir sobre o significado da vontade de Deus no contexto bíblico e o seu cumprimento por nós.  
O segundo pedido do Pai Nosso espera que venha o reino de Deus. É uma invocação inspirada pelo desejo de que este reino já iniciado em nós, como premissa nesta vida, alcance a sua plena realização na beatude eterna. O pedido nos convida a refletir sobre a relação entre o reino de Deus e o Evangelho, sobre o significado deste reino e o que representa para nós.  
Saturday, 04 August 2012 11:49

A Oração do Senhor: O Pai Nosso

Written by
“Oremos, então, irmãos, como Deus nosso Pai nos ensinou. Orar a Deus, com suas palavras, é uma oração amigável e familiar, que faz chegar aos seus ouvidos a oração do Cristo. Que o Pai reconheça, quando oramos, as palavras do Seu Filho; Ele que habita dentro do nosso coração, esteja também em nossa voz” (S. Cipriano, Tratado sobre o Pai Nosso, cap. 3).  
Após a invocação inicial, o primeiro pedido do Pai Nosso suplica a Deus para que seu nome seja santificado. Mas o nome de Deus não é por si mesmo santo, pela sua referência direta a Deus, que é Santo em essência? Como deve ser entendida esta súplica? O que exprime?
Pronunciar o nome Pai na oração significa, para nós cristãos, reconhecer que Deus Pai é o princípio sem princípio e o fim da existência de todo homem e de toda a criação. Somente Dele, plenitude de amor, brota um fluxo vital que se espalha sobre o Filho e sobre o Espírito Santo e, por consequência sobre o universo.