O brado em defesa das meninas da longíqua cidade de São Gabriel da Cachoeira, AM,  não é de hoje.  Irmã Giustina Zanato, FMA, vem denunciando os abusos sofridos por crianças e adolescentes indígenas, desde 2008. Mas foi só recentemente que essas denúncias ganharam manchete na grande imprensa. A primeira resposta veio na forma de ameaça! A cidade, encravada na selva amazônica, fica quase na fronteira do Brasil com a Colômbia. A situação econômica da região é de muita pobreza e a falta de recursos, a distância dos grandes centros, associadas à ausência de perspectivas de vida, têm sido os fatores que lastreiam os abusos e prostituição, amparados pela impunidade. Em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo, Ir. Giustina diz que está cumprindo seu papel de missionária.  Natural de Marostica, província de Vicenza, na Itália, chegou ao Brasil em outubro de 1984. Atualmente exerce a função de presidente do Conselho Municipal de Defesa da Criança e do Adolescente e coordena o programa assistencial "Menina Feliz", que atende vítimas de violência sexual e abandono. "Denúncias foram feitas, mas não vimos o resultado. É muito triste pensar que quem se colocou ao lado da Justiça é injusto", diz a missionária. Irmã Giustina prestou depoimento no inquérito da Polícia Federal e diz que não teme as ameaças. "Eu ando na cidade toda e não tenho medo. Sei que estou fazendo o meu papel como religiosa, como alguém que se sente parte da família indígena e que me acolheu tão bem no Brasil."
Publicado em Nacionais
Uma grande manifestação de fé reuniu 1 milhão e 600 mil pessoas no Aterro da Praia de Iracema, em Fortaleza, CE, no último dia 20 de outubro: o “Evangelizar Dom Bosco”. Realizado pelos salesianos e pela rádio FM Educativa Dom Bosco, o encontro é hoje um dos maiores eventos católicos do País e chama a atenção de todo o mundo. Tendo o jovem como tema, a edição deste ano foi embalada pelos shows do padre Reginaldo Manzotti, Frei Jurandir, Cantores de Deus, Adrielle Lopes, Comunidade Recado, entre outros.       Segundo o coordenador do evento, padre Gilberto Silva, o objetivo do show foi promover a aproximação da juventude com Deus. “Com o tema 'Eis que estou convosco’ e o lema ‘Jovem, alegria é viver na fé’, oferecemos aos presentes uma grande oportunidade de refletirem sobre o protagonismo juvenil e, desta forma, assumirem o compromisso de transformação por um mundo melhor”, afirma.   Os jovens dos colégios Dom Bosco, Dom Lustosa e Juvenal de Carvalho foram responsáveis por uma das cenas mais belas do festival. Eles apresentaram para a multidão o Hino do Bicentenário de Dom Bosco.   Confira o vídeo do evento em RSE Informa
Publicado em Comunicação
Página 3 de 3
  O brado em defesa das meninas da longíqua cidade de São Gabriel da Cachoeira, AM,  não é de hoje.  Irmã Giustina Zanato, FMA, vem denunciando os abusos sofridos por crianças e adolescentes indígenas, desde 2008. Mas foi só recentemente que essas denúncias ganharam manchete na grande imprensa. A primeira resposta veio na forma de ameaça! A cidade, encravada na selva amazônica, fica quase na fronteira do Brasil com a Colômbia. A situação econômica da região é de muita pobreza e a falta de recursos, a distância dos grandes centros, associadas à ausência de perspectivas de vida, têm sido os fatores que lastreiam os abusos e prostituição, amparados pela impunidade. Em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo, Ir. Giustina diz que está cumprindo seu papel de missionária.  Natural de Marostica, província de Vicenza, na Itália, chegou ao Brasil em outubro de 1984. Atualmente exerce a função de presidente do Conselho Municipal de Defesa da Criança e do Adolescente e coordena o programa assistencial "Menina Feliz", que atende vítimas de violência sexual e abandono. "Denúncias foram feitas, mas não vimos o resultado. É muito triste pensar que quem se colocou ao lado da Justiça é injusto", diz a missionária. Irmã Giustina prestou depoimento no inquérito da Polícia Federal e diz que não teme as ameaças. "Eu ando na cidade toda e não tenho medo. Sei que estou fazendo o meu papel como religiosa, como alguém que se sente parte da família indígena e que me acolheu tão bem no Brasil."
Publicado em Nacionais
Uma grande manifestação de fé reuniu 1 milhão e 600 mil pessoas no Aterro da Praia de Iracema, em Fortaleza, CE, no último dia 20 de outubro: o “Evangelizar Dom Bosco”. Realizado pelos salesianos e pela rádio FM Educativa Dom Bosco, o encontro é hoje um dos maiores eventos católicos do País e chama a atenção de todo o mundo. Tendo o jovem como tema, a edição deste ano foi embalada pelos shows do padre Reginaldo Manzotti, Frei Jurandir, Cantores de Deus, Adrielle Lopes, Comunidade Recado, entre outros.       Segundo o coordenador do evento, padre Gilberto Silva, o objetivo do show foi promover a aproximação da juventude com Deus. “Com o tema 'Eis que estou convosco’ e o lema ‘Jovem, alegria é viver na fé’, oferecemos aos presentes uma grande oportunidade de refletirem sobre o protagonismo juvenil e, desta forma, assumirem o compromisso de transformação por um mundo melhor”, afirma.   Os jovens dos colégios Dom Bosco, Dom Lustosa e Juvenal de Carvalho foram responsáveis por uma das cenas mais belas do festival. Eles apresentaram para a multidão o Hino do Bicentenário de Dom Bosco.   Confira o vídeo do evento em RSE Informa
Publicado em Comunicação
Página 3 de 3