A Associação Nacional de Educação Católica (ANEC) pede aos inscritos no II Congresso Nacional de Educação Católica que deverão atualizar seu cadastro de inscrição, optando pelas atividades de seu interesse até a data final das inscrições, dia 24 de junho e informa que  a palestra do professor Juan Antonio Ojeda Ortiz – Uma outra escola católica é possível – foi acrescentada na programação no dia 04, às 10h.   De acordo com a programação do II Congresso Nacional de Educação Católica da ANEC, os Grupos de Trabalho (GT’s) serã realizados nos dias 4 e 5, das 15h às 18h. Os Fóruns, Pôsteres, Sessões de Comunicação Científica e Oficinas serão realizados no dia 5 de julho, simultaneamente, das 10h às 13h.   Para acessar a relação das atividades que serão desenvolvidas no II Congresso da ANEC, o participante deverá acessar a página de inscrições do evento e na opção “Paralelos” no menu principal, digitar o número de inscrição, CPF e escolher quais atividades irá participar. O número de inscrição aparece impresso no boleto bancário da inscrição do Congresso.   Clique aqui para atualizar sua inscrição. O número de vagas para as atividades do II Congresso da ANEC é limitado. Esta etapa não é obrigatória e não impede a pessoa de participar do evento, somente das atividades propostas.   Acesse o portal da ANEC para ler a notícia na íntegra
Published in Nacionais
A Via-Sacra da Jornada Mundial da Juventude Rio2013, em Copacabana, que será realizada no dia 26 de julho, promete ser um momento de fé, amor e compaixão pelos jovens, com uma linguagem contemporânea que dialoga com questões do mundo atual da juventude. Com 14 estações que mostrarão o sofrimento de Jesus e “as dores” presentes na sociedade de hoje, a representação do percurso feito por Cristo antes de ser crucificado terá a presença do Papa Francisco.   Passado e presente do Cristianismo vão se misturar na Avenida Atlântica. Ocupando aproximadamente 800 metros do canteiro central da via, as estações da Via Sacra de Jerusalém, também conhecida como Via Dolorosa ou Via Crucis, vão ter referência a 14 temas diferentes: “jovem missionário”, “jovem convertido”, “jovem de comunidade de recuperação”, “jovem falando em nome das mães”, “seminarista”, “religiosa que luta pela vida (contra o aborto)”, “casal de namorados”, “jovem falando pelas mulheres que sofrem”, “estudante cadeirante”, “jovem das redes sociais”, “presidiário ou jovem da pastoral penal”, “jovem com doença terminal”, “jovem deficiente auditivo” e “jovens da África, América do Norte, da América Latina e do Caribe, da Europa, da Ásia e da Oceania”.   Todos esses temas serão representados em um cenário que vai remontar à cidade antiga de Jerusalém, comum percurso usado nas procissões do século XVI. Segundo o diretor artístico da JMJ, Ulysses Cruz, este foi o cenário escolhido porque possui marcos históricos que fazem parte da tradição católica. “A Via Sacra data dessa época. Durante os séculos, ela foi sofrendo modificações, mas sua essência é a que conhecemos hoje. As infinitas variações são interpretações artísticas criadas pelo mundo, mas o que existe de mais próximo da verdade é essa”, afirmou.   O diretor artístico também contou que o Papa Francisco presidirá a Via Sacra do palco principal. Além da encenação dos momentos do sofrimento de Jesus nas 13 estações (a 14ª estação será no palco principal), também haverá uma representação de tudo o que está acontecendo no palco principal, perto do Papa Francisco. “Ela será criada para que o Santo Padre participe de modo real de tudo o que está acontecendo em cada uma das estações”, destacou Ulysses, que também disse que haverá um telão no palco principal. O palco, que terá capacidade para 1500 convidados sentados, estará localizado na altura da Praça do Lido. Cerca de 20 cadeirantes estarão no palco representando os portadores de deficiência.   Com um diálogo com a linguagem das artes de várias épocas, principalmente a arte contemporânea, a Via Sacra da JMJ Rio2013 pretende ser a “Via Sacra do Jovem Solidário”. “Será completamente diferente da Via Sacra da JMJ de Madri. Em cada estação haverá uma surpresa para que tudo fique ainda mais emocionante e faça o público refletir sobre o seu significado. Desde seu conceito - refletir sobre o sofrimento de Jesus na Cruz e o sofrimento do jovem hoje - até os recursos cênicos evocados, passando pela sua trilha sonora - orquestra sinfônica, DJ e guitarras elétricas - tudo é novo nessa Via Sacra”, destacou.   Um ponto a ser destacado é que haverá transmissão ao vivo pela televisão e pelos telões espalhados pela cidade, que vão retransmitir as imagens da TV. Os organizadores ressaltam que a presença no evento é “forte e emocionante” porque é ao vivo, mas pela televisão haverá uma “visão ampla e comentada”.   Jovens que vão fazer a encenação já estão sendo escolhidos   As cenas da Via Crucis serão representadas por atores voluntários e personalidades católicas. As audições para a escolha dos voluntários já estão em fase final de seleção. Serão selecionados cerca de 500 voluntários. O local previsto para os ensaios será o Colégio Santo Inácio. Segundo Ulysses, os nomes das personalidades ainda não foram divulgados porque não houve o convite da organização. Os palcos da Via Sacra serão construídos em formato de grandes escadarias e as encenações acontecerão nos degraus e nas plataformas deles. O ensaio geral deve realizar-se na madrugada do dia 26 de julho, na Avenida Atlântica, já com o cenário pronto.   JMJ Rio2013   Leia Também: Catequeses: o coração da Jornada
Published in Nacionais
A Comissão Inspetorial de Educação (CIED) da Inspetoria São Domingos Sávio realizará um simpósio sobre o Ano da Fé com o tema: “Reflexões Sobre a Vivência Cristã a partir do Documento Porta da Fé”. O evento será nos dias 14 e 15 de junho, nas dependências da Faculdade Salesiana Dom Bosco, Avenida Epaminondas, 57, Manaus, AM.   Dentre os objetivos do evento, destacam-se fortalecer o senso de comunhão eclesial na Igreja Católica com os 50 anos do Concílio Ecumênico Vaticano II apresentando o Documento Porta Fidei em vista da vivência da fé; Relacionar Fé, Cultura e Vida; Suscitar reflexões sobre a vivência da Fé, da nossa Identidade Cristã e da dignidade Humana tendo em vista sensibilizar o público-alvo, constituído por religiosos(as), acadêmicos, educadores, agentes de pastoral, catequistas, líderes de comunidade, movimentos eclesiais e povo de Deus a utilizar os parâmetros da Fé para o discernimento ético sobre questões do mundo atual.   A programação do simpósio inclui uma mesa redonda na noite do dia 14 de junho e minicursos na manhã do dia 15 de junho. O período de inscrições é de 14 de maio a 10 de junho e a taxa de inscrição é no valor de 10 reais.   Mais Informações www.fsdb.edu.br E-mail: This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. Faculdade Salesiana Dom Bosco - Av. Epaminondas, 57 – Centro, Manaus, AM (92) 2125-4690 / 2125-4622   Inspetoria São Domingos Sávio
Published in Nacionais
Ex-aluna do Centro Educacional Maria Auxiliadora de Brasília, DF, Nayara Azevedo venceu a fase nacional do International Public Speaking Competition, e segue nesta semana para Londres, onde representará o Brasil na etapa final, a ser realizada entre os dias 13 e 17 de maio. O concurso tem o objetivo de reunir os melhores oradores de todo o mundo para uma semana de intercâmbio cultural e competição de oratória, em que terão a oportunidade de conhecer e interagir com outros jovens entre 16 e 20 anos. Outro objetivo da iniciativa é estimular a fluência na língua inglesa e a autoconfiança dos jovens para falar em público.   A programação da semana conta com debates e oficinas sobre falar em público, ministradas pelos treinadores e mentores dos candidatos, uma série de passeios e excursões educacionais e culturais em Londres, e, como atividade principal, as eliminatórias, semifinais e a grande final da competição. “As ideias são nossas maiores armas” é o principal tema a ser discutido.   Quando estava no colégio da RSE, onde se formou em 2012, Nayara sempre participou de eventos relacionados à oratória e, por muitas vezes, atuou como mestra de cerimônias e apresentadora de festivais e mostras. Segundo a Equipe Pedagógica do CEMA, ela é uma aluna dedicada e exemplar que coleciona conquistas como, por exemplo, o 1º lugar no concurso de redação promovido no ano passado pelo Sinep do DF e o ingresso no curso de Química Tecnológica da Universidade Nacional de Brasília. “Nayara tem excelente domínio da língua, segurança e domínio de palco, ou seja, não lhe falta talento para alcançar êxito”, afirma a educadora Débora Iglesias Maia.   Nayara, por sua vez, está motivada e ansiosa pela experiência internacional: “Ter a oportunidade de conhecer pessoas de culturas tão diferentes da minha foi uma das coisas que me motivaram a participar da competição. Acho que será um momento de muito aprendizado, troca de ideias e culturas. Só de pensar em representar o Brasil inteiro já dá um frio na barriga enorme! Essa é uma grande responsabilidade e uma grande honra, eu espero representá-lo bem”, afirma.   Sobre o concurso   O International Public Speaking Competition (IPSC) tem 32 anos de história. Quando começou, era um torneio internacional entre a Inglaterra e a Austrália. Hoje, a competição chega a mais de 40 mil jovens em cerca de 50 países em todo o globo. Entre os vencedores do torneio, estão oradores de Maurício, Filipinas, Iêmen, Líbano e Coreia.   RSE Informa
Published in Internacionais
A Faculdade Salesiana Dom Bosco em Manaus, AM, realizou, no dia 17 de abril, o VIII Simpósio Interdisciplar sobre os Povos Indígenas, com o tema: Educação e Cultura dos Povos Indígenas da Amazônia. O evento contou com a participação da jovem indígena, Diuena Tikuna, que cantou o Hino Nacional em sua língua materna, emocionando a todos os presentes, e do antropólogo pertencente ao povo Tukano, Rivelino, que também apresentou uma canção em uma língua especial, segundo ele recitada apenas em momentos sagrados.   Após as apresentações artísticas, deu-se inicio à mesa temática, com a participação de diversos profissionais que trabalham a questão da educação escolar indígena no Amazonas. A mesa temática, mediada pelo professor doutor padre Ricardo Castro, contou com a presença da professora Jonise Nunes Santos, representante da Secretária de Educação do Munícipio de Manaus e gerente da Educação Escolar Indígena, do professor indígena da comunidade do Bayaroá, Silvio Sanchez, do padre salesiano, Justino Sarmento, e do coordenador do Conselho Missionário Indigenista- Norte I (CIMI), Francisco Löebens.   Em sua contribuição, a professora Jonise Santos ressaltou as políticas públicas que pouco a pouco vão sendo implantadas, visando a uma melhoria do serviço especializado da educação escolar indígena no munícipio de Manaus. Entre os objetivos destacados pela professora Jonise Nunes, está o de fortalecer a identidade cultural dos povos indígenas, de modo especial, no exercício constante da língua materna, que está cada vez mais se perdendo nas novas gerações.   A matéria na íntegra pode ser lida no portal da Inspetoria Salesiana do Amazonas
Published in Nacionais
O Setor de Juventude da Arquidiocese de Belém promoveu no domingo, dia 10 de março, a primeira edição do Jovens.com. O evento foi direcionado aos jovens de todas as regiões episcopais e contou com a presença de representantes de Castanhal, da cidade de Vigia de Nazaré e da juventude salesiana. Ao todo, foram cerca de 1500 jovens que passaram pelo ginásio do Colégio Marista Nossa Senhora de Nazaré, no centro de Belém. “É preciso parabenizar a juventude do “Jovens.Com”, e de modo especial a juventude salesiana”, afirmou Henrique Carreira, aspirante a salesiano cooperador.   A participação salesiana foi representada pelo padre Manoel de Jesus, pelo aspirante a salesiano cooperador, Henrique Carreira, por Wellington Luiz e Demmes Almeida, agentes de Pastoral da Escola Salesiana do Trabalho e do Centro Social Auxilium, respectivamente,  que junto aos demais jovens do setor juventude ajudaram na organização do evento.   Para Henrique Carreira, o evento foi uma amostra de como será o ambiente na JMJ Rio2013. “Jovens que doaram sua força, seu dia, sua alegria no serviço voluntário, e que abrilhantaram ainda mais o evento; nossa juventude deixou marcas visíveis, coube a ela dar aquele toque e sorriso especial, assistindo as palestras e pregações (com os temas: YouCat, Campanha da Fraternidade e Ano da Fé), ou arrecadando os fundos financeiros para a Jornada ou simplesmente animando o encontro com nosso dom para a música e a dança”, disse ele.   Inspetoria Salesiana do Amazonas
Published in Nacionais
Após meses de espera, foi inaugurado oficialmente nos dias 5 e 7 de março o “Dom Bosco Vocational Centre” (Centro Profissional Dom Bosco ), em Kep City, no Camboja. As celebrações pela inauguração do centro começaram no dia 05 de março e contaram com a presença de guias religiosos das comunidades locais muçulmanas e budistas, do vigário apostólico de Phnom Penh, Dom Oliviere Schimitthaeusler, além de alunos de várias escolas de toda a província de Kep. O Centro Dom Bosco será destinado para a qualificação profissional dos jovens da região.   Os principais benefícios que a obra salesiana oferecerá, tanto aos jovens da província de Kep como aos jovens de outras províncias rurais limítrofes, será a possibilidade deles continuarem em suas províncias de origem, mas com melhores condições de trabalho e de vida. Além disso, o centro salesiano contribuirá para que os jovens tenham a oportunidade de se qualificar para futuramente conseguirem boas ocupações profissionais nas grandes cidades, eliminando desse modo, o risco de acabarem marginalizados como tantos jovens que emigram dos campos para as áreas metropolitanas de Phnom Penh e Sihanoukville.   O centro de Kep oferece cursos nas áreas de Comunicação Social, Artes, Tecnologias da Informação, Ecoturismo, atividades de secretaria, Albergaria e Relações Públicas.   Histórico   O Centro Profissional Dom Bosco, de Kep, veio se transformando ao longo do tempo: no início era uma simples área de campo, onde os salesianos e os alunos faziam os retiros espirituais; posteriormente se transformou em uma pequena oficina de costura e agora integra um vasto leque de atividades e de serviços educativos, cujos primeiros beneficiários são os jovens que não possuem qualificações profissionais.   InfoANS
Published in Missões
  O Instituto Madre Mazzarello, em São Paulo, recebeu, no dia 21 de janeiro, o Grupo de Reflexão Pedagógica (GREPÃO), encontro anual das escolas salesianas (FMA) do Estado de São Paulo. O evento reuniu 550 educadores das escolas salesianas e obras sociais e trouxe o tema “Educação para o amor e a família”.   O encontro contou com a participação da conferencista Brenda Carranza, doutora em Ciências Sociais da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), que falou sobre o tema “Novas gerações”, na qual foi desenvolvida uma abordagem para ajudar a compreender a relação dos jovens com o mundo midiático, além de outros temas.   O evento trouxe ainda uma “roda de conversa”, com as palestras da psicóloga e terapeuta sexual, Ana Cristina Canosa Gonçalves, que abordou o tema sob o enfoque da sexualidade e da família e apresentou os novos modelos familiares e algumas de suas concepções, partindo dos quatro pilares fundamentais da UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura), para a educação do século XXI - (aprender a conhecer, aprender a fazer, aprender a ser e aprender a viver juntos).   Também palestraram durante o evento o doutor em Teologia Moral e em Filosofia, padre José Antonio Trasferetti, e a doutora em Educação e psicóloga irmã Raquel Retz.   O GREPÃO foi conduzido e mediado pela irmã Adair Aparecida Sberga, animadora do Polo São Paulo da Rede Salesiana de Escolas (RSE), e contou com a presença da gestora do mesmo Polo, Selma Sabino Braga de Melo.   Polo São Paulo
Published in Nacionais
Cerca de 100 jovens, de vários estados do Brasil, se reunirão no Centro de Treinamento de Ponta Negra, em Natal, entre os dias 14 a 17 de fevereiro. Será o encontro dos responsáveis  nacionais pelas expressões juvenis acompanhadas pela Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Simultaneamente será realizado o lançamento nacional da Campanha da Fraternidade 2013, focada na juventude.   O encontro contará com a presença dos três bispos que compõem a Comissão: Dom Eduardo Pinheiro, bispo auxiliar de Campo Grande, MS; Dom Bernardino Marchió, bispo de Caruaru, PE; e Dom Vilson Basso, de Caxias, MA; além dos assessores da CNBB, padre Sávio Ribeiro e padre Antônio Ramos do Prado e do Grupo Jovens Conectados.   Durante o encontro haverá uma manhã de diálogo das lideranças juvenis com o Núncio Apostólico no Brasil, Dom Gionanni d’Aniello, partilha de experiências e integração. Na sexta-feira, dia 15, à tarde, os jovens participarão do Seminário comemorativo aos 50 anos da Campanha da Fraternidade, organizado pela Arquidiocese de Natal, no Centro de Convenções, e, à noite, da missa, presidida pelo Núncio, na Catedral Metropolitana.   O Encontro também é uma preparação para a Jornada Mundial da Juventude, que será realizada em julho deste ano, no Rio de Janeiro.   Campanha da Fraternidade O arcebispo de Natal, Dom Jaime Vieira da Rocha, falou da satisfação de a arquidiocese sediar o lançamento da CF 2013. “Será um momento de resgate da história da Campanha da Fraternidade, que começou aqui. Ficamos muito felizes pela compreensão da CNBB em nos conceder a alegria desse momento, na história da Campanha. Para nós, é muito significativo”, disse o arcebispo.   O secretário executivo da Campanha da Fraternidade, padre Luiz Carlos Dias, lembrou que a edição de 2013, além de ser um momento comemorativo, será também um momento de revisão da Campanha da Fraternidade. “A Campanha tem um forte poder de evangelização e, por isso, precisamos, cada vez mais, aprimorá-la”, ressaltou. Ele lembrou que a decisão de fazer o lançamento em Natal foi do Conselho Episcopal Pastoral (Consep), da CNBB.   Para o lançamento, ficou definida uma visita ao município de Nísia Floresta, RN, – lugar onde a Campanha teve início, na manhã de quinta-feira, dia 14 de fevereiro de 2013; ainda no dia 14, à tarde, haverá uma entrevista coletiva com a imprensa; no dia 15, será realizado um seminário sobre a temática da CF 2013 – “Fraternidade e Juventude”. Neste mesmo dia, às 17 horas, será realizada a solenidade oficial de lançamento, e, às 20h, na Catedral Metropolitana, será celebrada a missa, seguida de um show.   Jovens Conectados
Published in Nacionais
Graças à produção das “Missões Dom Bosco” foi realizado, recentemente, um filme sobre a figura do padre Filipe Rinaldi, III sucessor de Dom Bosco e fundador do Instituto Secular Feminino das Voluntárias de Dom Bosco (VDB). O vídeo, apresentado pelo reitor-mor, padre Pascual Chávez, é dividido em duas partes.   Na primeira parte do filme percorre-se a experiência do padre Rinaldi: da infância ao seu compromisso na Congregação e na Família Salesiana - como formador, animador e fundador. Padre Rinaldi soube interpretar tão perfeitamente o espírito do seu fundador que dele se dizia que de Dom Bosco só lhe faltava a voz: tudo o mais possuía. Seguindo seus passos, distinguiu-se pela profunda vida interior e atenção ao Espírito, e ao mesmo tempo pela grande criatividade e incansável dinamismo. A paixão salesiana fê-lo procurar e achar modos com que responder de modo concreto à realidade social e aos desafios do seu tempo. Além da formação dos irmãos, dedicou-se a muitos leigos, promovendo uma miríade de grupos e atividades, objetivando uma presença cristã no mundo.   Na segunda parte é apresentado o Instituto Secular das Voluntárias de Dom Bosco (VDB), realidade original e inovadora, nascida do coração do padre Rinaldi, no ano de 1917. Por meio de uma série de experiências de voluntárias de várias partes do mundo, delineou-se a vocação à secularidade consagrada salesiana.   As VDB são leigas que vivem no mundo, nas realidades familiares e sociais, com a plena consagração a Deus por meio dos conselhos evangélicos de castidade, pobreza e obediência, no espírito e no estilo de Dom Bosco. Por sua presença discreta, que permite inserir-se plenamente nas realidades sociais, querem ser o “laboratório experimental do diálogo entre a Igreja e o mundo”, unindo uma grande paixão por Deus e pelo mundo.   InfoANS
Published in Internacionais
Page 6 of 7
  A Associação Nacional de Educação Católica (ANEC) pede aos inscritos no II Congresso Nacional de Educação Católica que deverão atualizar seu cadastro de inscrição, optando pelas atividades de seu interesse até a data final das inscrições, dia 24 de junho e informa que  a palestra do professor Juan Antonio Ojeda Ortiz – Uma outra escola católica é possível – foi acrescentada na programação no dia 04, às 10h.   De acordo com a programação do II Congresso Nacional de Educação Católica da ANEC, os Grupos de Trabalho (GT’s) serã realizados nos dias 4 e 5, das 15h às 18h. Os Fóruns, Pôsteres, Sessões de Comunicação Científica e Oficinas serão realizados no dia 5 de julho, simultaneamente, das 10h às 13h.   Para acessar a relação das atividades que serão desenvolvidas no II Congresso da ANEC, o participante deverá acessar a página de inscrições do evento e na opção “Paralelos” no menu principal, digitar o número de inscrição, CPF e escolher quais atividades irá participar. O número de inscrição aparece impresso no boleto bancário da inscrição do Congresso.   Clique aqui para atualizar sua inscrição. O número de vagas para as atividades do II Congresso da ANEC é limitado. Esta etapa não é obrigatória e não impede a pessoa de participar do evento, somente das atividades propostas.   Acesse o portal da ANEC para ler a notícia na íntegra
Published in Nacionais
A Via-Sacra da Jornada Mundial da Juventude Rio2013, em Copacabana, que será realizada no dia 26 de julho, promete ser um momento de fé, amor e compaixão pelos jovens, com uma linguagem contemporânea que dialoga com questões do mundo atual da juventude. Com 14 estações que mostrarão o sofrimento de Jesus e “as dores” presentes na sociedade de hoje, a representação do percurso feito por Cristo antes de ser crucificado terá a presença do Papa Francisco.   Passado e presente do Cristianismo vão se misturar na Avenida Atlântica. Ocupando aproximadamente 800 metros do canteiro central da via, as estações da Via Sacra de Jerusalém, também conhecida como Via Dolorosa ou Via Crucis, vão ter referência a 14 temas diferentes: “jovem missionário”, “jovem convertido”, “jovem de comunidade de recuperação”, “jovem falando em nome das mães”, “seminarista”, “religiosa que luta pela vida (contra o aborto)”, “casal de namorados”, “jovem falando pelas mulheres que sofrem”, “estudante cadeirante”, “jovem das redes sociais”, “presidiário ou jovem da pastoral penal”, “jovem com doença terminal”, “jovem deficiente auditivo” e “jovens da África, América do Norte, da América Latina e do Caribe, da Europa, da Ásia e da Oceania”.   Todos esses temas serão representados em um cenário que vai remontar à cidade antiga de Jerusalém, comum percurso usado nas procissões do século XVI. Segundo o diretor artístico da JMJ, Ulysses Cruz, este foi o cenário escolhido porque possui marcos históricos que fazem parte da tradição católica. “A Via Sacra data dessa época. Durante os séculos, ela foi sofrendo modificações, mas sua essência é a que conhecemos hoje. As infinitas variações são interpretações artísticas criadas pelo mundo, mas o que existe de mais próximo da verdade é essa”, afirmou.   O diretor artístico também contou que o Papa Francisco presidirá a Via Sacra do palco principal. Além da encenação dos momentos do sofrimento de Jesus nas 13 estações (a 14ª estação será no palco principal), também haverá uma representação de tudo o que está acontecendo no palco principal, perto do Papa Francisco. “Ela será criada para que o Santo Padre participe de modo real de tudo o que está acontecendo em cada uma das estações”, destacou Ulysses, que também disse que haverá um telão no palco principal. O palco, que terá capacidade para 1500 convidados sentados, estará localizado na altura da Praça do Lido. Cerca de 20 cadeirantes estarão no palco representando os portadores de deficiência.   Com um diálogo com a linguagem das artes de várias épocas, principalmente a arte contemporânea, a Via Sacra da JMJ Rio2013 pretende ser a “Via Sacra do Jovem Solidário”. “Será completamente diferente da Via Sacra da JMJ de Madri. Em cada estação haverá uma surpresa para que tudo fique ainda mais emocionante e faça o público refletir sobre o seu significado. Desde seu conceito - refletir sobre o sofrimento de Jesus na Cruz e o sofrimento do jovem hoje - até os recursos cênicos evocados, passando pela sua trilha sonora - orquestra sinfônica, DJ e guitarras elétricas - tudo é novo nessa Via Sacra”, destacou.   Um ponto a ser destacado é que haverá transmissão ao vivo pela televisão e pelos telões espalhados pela cidade, que vão retransmitir as imagens da TV. Os organizadores ressaltam que a presença no evento é “forte e emocionante” porque é ao vivo, mas pela televisão haverá uma “visão ampla e comentada”.   Jovens que vão fazer a encenação já estão sendo escolhidos   As cenas da Via Crucis serão representadas por atores voluntários e personalidades católicas. As audições para a escolha dos voluntários já estão em fase final de seleção. Serão selecionados cerca de 500 voluntários. O local previsto para os ensaios será o Colégio Santo Inácio. Segundo Ulysses, os nomes das personalidades ainda não foram divulgados porque não houve o convite da organização. Os palcos da Via Sacra serão construídos em formato de grandes escadarias e as encenações acontecerão nos degraus e nas plataformas deles. O ensaio geral deve realizar-se na madrugada do dia 26 de julho, na Avenida Atlântica, já com o cenário pronto.   JMJ Rio2013   Leia Também: Catequeses: o coração da Jornada
Published in Nacionais
A Comissão Inspetorial de Educação (CIED) da Inspetoria São Domingos Sávio realizará um simpósio sobre o Ano da Fé com o tema: “Reflexões Sobre a Vivência Cristã a partir do Documento Porta da Fé”. O evento será nos dias 14 e 15 de junho, nas dependências da Faculdade Salesiana Dom Bosco, Avenida Epaminondas, 57, Manaus, AM.   Dentre os objetivos do evento, destacam-se fortalecer o senso de comunhão eclesial na Igreja Católica com os 50 anos do Concílio Ecumênico Vaticano II apresentando o Documento Porta Fidei em vista da vivência da fé; Relacionar Fé, Cultura e Vida; Suscitar reflexões sobre a vivência da Fé, da nossa Identidade Cristã e da dignidade Humana tendo em vista sensibilizar o público-alvo, constituído por religiosos(as), acadêmicos, educadores, agentes de pastoral, catequistas, líderes de comunidade, movimentos eclesiais e povo de Deus a utilizar os parâmetros da Fé para o discernimento ético sobre questões do mundo atual.   A programação do simpósio inclui uma mesa redonda na noite do dia 14 de junho e minicursos na manhã do dia 15 de junho. O período de inscrições é de 14 de maio a 10 de junho e a taxa de inscrição é no valor de 10 reais.   Mais Informações www.fsdb.edu.br E-mail: This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. Faculdade Salesiana Dom Bosco - Av. Epaminondas, 57 – Centro, Manaus, AM (92) 2125-4690 / 2125-4622   Inspetoria São Domingos Sávio
Published in Nacionais
Ex-aluna do Centro Educacional Maria Auxiliadora de Brasília, DF, Nayara Azevedo venceu a fase nacional do International Public Speaking Competition, e segue nesta semana para Londres, onde representará o Brasil na etapa final, a ser realizada entre os dias 13 e 17 de maio. O concurso tem o objetivo de reunir os melhores oradores de todo o mundo para uma semana de intercâmbio cultural e competição de oratória, em que terão a oportunidade de conhecer e interagir com outros jovens entre 16 e 20 anos. Outro objetivo da iniciativa é estimular a fluência na língua inglesa e a autoconfiança dos jovens para falar em público.   A programação da semana conta com debates e oficinas sobre falar em público, ministradas pelos treinadores e mentores dos candidatos, uma série de passeios e excursões educacionais e culturais em Londres, e, como atividade principal, as eliminatórias, semifinais e a grande final da competição. “As ideias são nossas maiores armas” é o principal tema a ser discutido.   Quando estava no colégio da RSE, onde se formou em 2012, Nayara sempre participou de eventos relacionados à oratória e, por muitas vezes, atuou como mestra de cerimônias e apresentadora de festivais e mostras. Segundo a Equipe Pedagógica do CEMA, ela é uma aluna dedicada e exemplar que coleciona conquistas como, por exemplo, o 1º lugar no concurso de redação promovido no ano passado pelo Sinep do DF e o ingresso no curso de Química Tecnológica da Universidade Nacional de Brasília. “Nayara tem excelente domínio da língua, segurança e domínio de palco, ou seja, não lhe falta talento para alcançar êxito”, afirma a educadora Débora Iglesias Maia.   Nayara, por sua vez, está motivada e ansiosa pela experiência internacional: “Ter a oportunidade de conhecer pessoas de culturas tão diferentes da minha foi uma das coisas que me motivaram a participar da competição. Acho que será um momento de muito aprendizado, troca de ideias e culturas. Só de pensar em representar o Brasil inteiro já dá um frio na barriga enorme! Essa é uma grande responsabilidade e uma grande honra, eu espero representá-lo bem”, afirma.   Sobre o concurso   O International Public Speaking Competition (IPSC) tem 32 anos de história. Quando começou, era um torneio internacional entre a Inglaterra e a Austrália. Hoje, a competição chega a mais de 40 mil jovens em cerca de 50 países em todo o globo. Entre os vencedores do torneio, estão oradores de Maurício, Filipinas, Iêmen, Líbano e Coreia.   RSE Informa
Published in Internacionais
A Faculdade Salesiana Dom Bosco em Manaus, AM, realizou, no dia 17 de abril, o VIII Simpósio Interdisciplar sobre os Povos Indígenas, com o tema: Educação e Cultura dos Povos Indígenas da Amazônia. O evento contou com a participação da jovem indígena, Diuena Tikuna, que cantou o Hino Nacional em sua língua materna, emocionando a todos os presentes, e do antropólogo pertencente ao povo Tukano, Rivelino, que também apresentou uma canção em uma língua especial, segundo ele recitada apenas em momentos sagrados.   Após as apresentações artísticas, deu-se inicio à mesa temática, com a participação de diversos profissionais que trabalham a questão da educação escolar indígena no Amazonas. A mesa temática, mediada pelo professor doutor padre Ricardo Castro, contou com a presença da professora Jonise Nunes Santos, representante da Secretária de Educação do Munícipio de Manaus e gerente da Educação Escolar Indígena, do professor indígena da comunidade do Bayaroá, Silvio Sanchez, do padre salesiano, Justino Sarmento, e do coordenador do Conselho Missionário Indigenista- Norte I (CIMI), Francisco Löebens.   Em sua contribuição, a professora Jonise Santos ressaltou as políticas públicas que pouco a pouco vão sendo implantadas, visando a uma melhoria do serviço especializado da educação escolar indígena no munícipio de Manaus. Entre os objetivos destacados pela professora Jonise Nunes, está o de fortalecer a identidade cultural dos povos indígenas, de modo especial, no exercício constante da língua materna, que está cada vez mais se perdendo nas novas gerações.   A matéria na íntegra pode ser lida no portal da Inspetoria Salesiana do Amazonas
Published in Nacionais
O Setor de Juventude da Arquidiocese de Belém promoveu no domingo, dia 10 de março, a primeira edição do Jovens.com. O evento foi direcionado aos jovens de todas as regiões episcopais e contou com a presença de representantes de Castanhal, da cidade de Vigia de Nazaré e da juventude salesiana. Ao todo, foram cerca de 1500 jovens que passaram pelo ginásio do Colégio Marista Nossa Senhora de Nazaré, no centro de Belém. “É preciso parabenizar a juventude do “Jovens.Com”, e de modo especial a juventude salesiana”, afirmou Henrique Carreira, aspirante a salesiano cooperador.   A participação salesiana foi representada pelo padre Manoel de Jesus, pelo aspirante a salesiano cooperador, Henrique Carreira, por Wellington Luiz e Demmes Almeida, agentes de Pastoral da Escola Salesiana do Trabalho e do Centro Social Auxilium, respectivamente,  que junto aos demais jovens do setor juventude ajudaram na organização do evento.   Para Henrique Carreira, o evento foi uma amostra de como será o ambiente na JMJ Rio2013. “Jovens que doaram sua força, seu dia, sua alegria no serviço voluntário, e que abrilhantaram ainda mais o evento; nossa juventude deixou marcas visíveis, coube a ela dar aquele toque e sorriso especial, assistindo as palestras e pregações (com os temas: YouCat, Campanha da Fraternidade e Ano da Fé), ou arrecadando os fundos financeiros para a Jornada ou simplesmente animando o encontro com nosso dom para a música e a dança”, disse ele.   Inspetoria Salesiana do Amazonas
Published in Nacionais
Após meses de espera, foi inaugurado oficialmente nos dias 5 e 7 de março o “Dom Bosco Vocational Centre” (Centro Profissional Dom Bosco ), em Kep City, no Camboja. As celebrações pela inauguração do centro começaram no dia 05 de março e contaram com a presença de guias religiosos das comunidades locais muçulmanas e budistas, do vigário apostólico de Phnom Penh, Dom Oliviere Schimitthaeusler, além de alunos de várias escolas de toda a província de Kep. O Centro Dom Bosco será destinado para a qualificação profissional dos jovens da região.   Os principais benefícios que a obra salesiana oferecerá, tanto aos jovens da província de Kep como aos jovens de outras províncias rurais limítrofes, será a possibilidade deles continuarem em suas províncias de origem, mas com melhores condições de trabalho e de vida. Além disso, o centro salesiano contribuirá para que os jovens tenham a oportunidade de se qualificar para futuramente conseguirem boas ocupações profissionais nas grandes cidades, eliminando desse modo, o risco de acabarem marginalizados como tantos jovens que emigram dos campos para as áreas metropolitanas de Phnom Penh e Sihanoukville.   O centro de Kep oferece cursos nas áreas de Comunicação Social, Artes, Tecnologias da Informação, Ecoturismo, atividades de secretaria, Albergaria e Relações Públicas.   Histórico   O Centro Profissional Dom Bosco, de Kep, veio se transformando ao longo do tempo: no início era uma simples área de campo, onde os salesianos e os alunos faziam os retiros espirituais; posteriormente se transformou em uma pequena oficina de costura e agora integra um vasto leque de atividades e de serviços educativos, cujos primeiros beneficiários são os jovens que não possuem qualificações profissionais.   InfoANS
Published in Missões
  O Instituto Madre Mazzarello, em São Paulo, recebeu, no dia 21 de janeiro, o Grupo de Reflexão Pedagógica (GREPÃO), encontro anual das escolas salesianas (FMA) do Estado de São Paulo. O evento reuniu 550 educadores das escolas salesianas e obras sociais e trouxe o tema “Educação para o amor e a família”.   O encontro contou com a participação da conferencista Brenda Carranza, doutora em Ciências Sociais da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), que falou sobre o tema “Novas gerações”, na qual foi desenvolvida uma abordagem para ajudar a compreender a relação dos jovens com o mundo midiático, além de outros temas.   O evento trouxe ainda uma “roda de conversa”, com as palestras da psicóloga e terapeuta sexual, Ana Cristina Canosa Gonçalves, que abordou o tema sob o enfoque da sexualidade e da família e apresentou os novos modelos familiares e algumas de suas concepções, partindo dos quatro pilares fundamentais da UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura), para a educação do século XXI - (aprender a conhecer, aprender a fazer, aprender a ser e aprender a viver juntos).   Também palestraram durante o evento o doutor em Teologia Moral e em Filosofia, padre José Antonio Trasferetti, e a doutora em Educação e psicóloga irmã Raquel Retz.   O GREPÃO foi conduzido e mediado pela irmã Adair Aparecida Sberga, animadora do Polo São Paulo da Rede Salesiana de Escolas (RSE), e contou com a presença da gestora do mesmo Polo, Selma Sabino Braga de Melo.   Polo São Paulo
Published in Nacionais
Cerca de 100 jovens, de vários estados do Brasil, se reunirão no Centro de Treinamento de Ponta Negra, em Natal, entre os dias 14 a 17 de fevereiro. Será o encontro dos responsáveis  nacionais pelas expressões juvenis acompanhadas pela Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Simultaneamente será realizado o lançamento nacional da Campanha da Fraternidade 2013, focada na juventude.   O encontro contará com a presença dos três bispos que compõem a Comissão: Dom Eduardo Pinheiro, bispo auxiliar de Campo Grande, MS; Dom Bernardino Marchió, bispo de Caruaru, PE; e Dom Vilson Basso, de Caxias, MA; além dos assessores da CNBB, padre Sávio Ribeiro e padre Antônio Ramos do Prado e do Grupo Jovens Conectados.   Durante o encontro haverá uma manhã de diálogo das lideranças juvenis com o Núncio Apostólico no Brasil, Dom Gionanni d’Aniello, partilha de experiências e integração. Na sexta-feira, dia 15, à tarde, os jovens participarão do Seminário comemorativo aos 50 anos da Campanha da Fraternidade, organizado pela Arquidiocese de Natal, no Centro de Convenções, e, à noite, da missa, presidida pelo Núncio, na Catedral Metropolitana.   O Encontro também é uma preparação para a Jornada Mundial da Juventude, que será realizada em julho deste ano, no Rio de Janeiro.   Campanha da Fraternidade O arcebispo de Natal, Dom Jaime Vieira da Rocha, falou da satisfação de a arquidiocese sediar o lançamento da CF 2013. “Será um momento de resgate da história da Campanha da Fraternidade, que começou aqui. Ficamos muito felizes pela compreensão da CNBB em nos conceder a alegria desse momento, na história da Campanha. Para nós, é muito significativo”, disse o arcebispo.   O secretário executivo da Campanha da Fraternidade, padre Luiz Carlos Dias, lembrou que a edição de 2013, além de ser um momento comemorativo, será também um momento de revisão da Campanha da Fraternidade. “A Campanha tem um forte poder de evangelização e, por isso, precisamos, cada vez mais, aprimorá-la”, ressaltou. Ele lembrou que a decisão de fazer o lançamento em Natal foi do Conselho Episcopal Pastoral (Consep), da CNBB.   Para o lançamento, ficou definida uma visita ao município de Nísia Floresta, RN, – lugar onde a Campanha teve início, na manhã de quinta-feira, dia 14 de fevereiro de 2013; ainda no dia 14, à tarde, haverá uma entrevista coletiva com a imprensa; no dia 15, será realizado um seminário sobre a temática da CF 2013 – “Fraternidade e Juventude”. Neste mesmo dia, às 17 horas, será realizada a solenidade oficial de lançamento, e, às 20h, na Catedral Metropolitana, será celebrada a missa, seguida de um show.   Jovens Conectados
Published in Nacionais
Graças à produção das “Missões Dom Bosco” foi realizado, recentemente, um filme sobre a figura do padre Filipe Rinaldi, III sucessor de Dom Bosco e fundador do Instituto Secular Feminino das Voluntárias de Dom Bosco (VDB). O vídeo, apresentado pelo reitor-mor, padre Pascual Chávez, é dividido em duas partes.   Na primeira parte do filme percorre-se a experiência do padre Rinaldi: da infância ao seu compromisso na Congregação e na Família Salesiana - como formador, animador e fundador. Padre Rinaldi soube interpretar tão perfeitamente o espírito do seu fundador que dele se dizia que de Dom Bosco só lhe faltava a voz: tudo o mais possuía. Seguindo seus passos, distinguiu-se pela profunda vida interior e atenção ao Espírito, e ao mesmo tempo pela grande criatividade e incansável dinamismo. A paixão salesiana fê-lo procurar e achar modos com que responder de modo concreto à realidade social e aos desafios do seu tempo. Além da formação dos irmãos, dedicou-se a muitos leigos, promovendo uma miríade de grupos e atividades, objetivando uma presença cristã no mundo.   Na segunda parte é apresentado o Instituto Secular das Voluntárias de Dom Bosco (VDB), realidade original e inovadora, nascida do coração do padre Rinaldi, no ano de 1917. Por meio de uma série de experiências de voluntárias de várias partes do mundo, delineou-se a vocação à secularidade consagrada salesiana.   As VDB são leigas que vivem no mundo, nas realidades familiares e sociais, com a plena consagração a Deus por meio dos conselhos evangélicos de castidade, pobreza e obediência, no espírito e no estilo de Dom Bosco. Por sua presença discreta, que permite inserir-se plenamente nas realidades sociais, querem ser o “laboratório experimental do diálogo entre a Igreja e o mundo”, unindo uma grande paixão por Deus e pelo mundo.   InfoANS
Published in Internacionais
Page 6 of 7