Faleceu em Manaus, AM, no dia 05 de abril, o padre salesiano, Argentino Cescon. O corpo do sacerdote foi sepultado no cemitério São João Batista, em Manaus.   Padre Argentino nasceu no dia 19 de setembro de 1921. Fez a primeira profissão religiosa em agosto de 1945 e a profissão perpétua em junho de 1951, sendo ordenado sacerdote em junho de 1954. Padre Argentino chegou ao Brasil em 1955 e era o salesiano mais ancião da Inspetoria Salesiana do Amazonas.   Padre Argentino costumava repetir para quem perguntava como ele estava: “Hoje, melhor do que ontem!”. Nos últimos anos, quando se despedia de alguém sempre dizia com o sorriso nos lábios: “Se não nos encontrarmos mais, nos veremos no paraíso.   Inspetoria Salesiana do Amazonas  
Publicado em Nacionais
Os fãs da música católica já podem escolher os melhores artistas do ano em oito categorias abertas ao público do Maior Prêmio Nacional da Música Católica, o Troféu Louvemos o Senhor. Nesta 5ª edição do Prêmio, o “Voto Popular” poderá ser realizado até o próximo dia 08 de maio, pelo site www.trofeulouvemos.com.br.   O internauta que acessar o site do Troféu Louvemos o Senhor tem a opção de votar em categorias como: “Melhor Música do Ano”; “DVD do Ano”; “Cantor do Ano”; “Cantora do Ano”; “Guitarrista do Ano”; “Baixista do Ano”; “Baterista do Ano”; “Tecladista do Ano”. Para votar, basta acessar o site e, de acordo com a categoria, selecionar o artista de sua   preferência e emitir o voto. Será permitido apenas um voto por IP (protocolo de internet) em cada categoria  diariamente.   No próximo dia 09 de abril, será divulgada a lista com os nomes dos indicados nas demais categorias, de exclusividade dos jurados do Troféu Louvemos o Senhor.   Neste ano, oprêmio realiza uma Homenagem Póstuma ao grande compositor Waldeci Farias, na categoria de “Mérito Especial – Prêmio Por uma Vida Inteira de Realizações”. Esta categoria valoriza o artista que, durante sua vida, contribuiu de forma criativa artística excepcional no campo da música católica.   Leia mais no portal Jovens Conectados   Relacionada Prêmio da música católica no Brasil abre inscrições
Publicado em Nacionais
“Proteger”, defender, “guardar” bem cada pessoa e toda a criação, com grande respeito, amor e ternura: esta a mensagem central da homilia do Papa Francisco na Missa de início do seu ministério petrino, na manhã de 19 de março, na Praça de São Pedro, na festa de São José, patrono da Igreja universal. “Uma coincidência densa de significado” – observou o Papa, que recordou ser esse o nome do seu “venerado Predecessor”: “acompanhamo-lo com a oração, cheia de estima e reconhecimento”. Toda a homilia se concentrou no modo como são José viveu a sua missão de proteger e defender Jesus. “Com discrição, com humildade, no silêncio, mas com uma presença constante e uma fidelidade total, mesmo quando não consegue entender.” Desde o casamento com Maria até ao episódio de Jesus…no templo de Jerusalém, ele acompanha com solicitude e amor cada momento. Permanece ao lado de Maria… nos momentos serenos como nos momentos difíceis da vida… assim como também na vida quotidiana da casa de Nazaré, na carpintaria onde ensinou o ofício a Jesus… … José a sua vocação de guardião de Maria, de Jesus, da Igreja… numa constante atenção a Deus, aberto aos seus sinais, disponível mais ao projecto d’Ele que ao seu… Nele, queridos amigos, vemos como se responde à vocação de Deus: com disponibilidade e prontidão; mas vemos também qual é o centro da vocação cristã: Cristo. Guardemos Cristo na nossa vida, para guardar os outros, para guardar a criação! – sublinhou o Papa. “Entretanto a vocação de guardião não diz respeito apenas a nós, cristãos, mas tem uma dimensão antecedente, que é simplesmente humana e diz respeito a todos: é a de guardar a criação inteira, a beleza da criação, como se diz no livro de Génesis e nos mostrou São Francisco de Assis: é ter respeito por toda a criatura de Deus e pelo ambiente onde vivemos. É guardar as pessoas, cuidar carinhosamente de todas elas e cada uma, especialmente das crianças, dos idosos, daqueles que são mais frágeis e que muitas vezes estão na periferia do nosso coração.” Proteger e “guardar” como José – advertiu Papa Francisco, é também “viver com sinceridade as amizades, que são um mútuo guardar-se na intimidade, no respeito e no bem. Fundamentalmente tudo está confiado à guarda do homem, e é uma responsabilidade que nos diz respeito a todos. Sede guardiões dos dons de Deus”. Quando o homem falha nesta responsabilidade, quando não cuidamos da criação e dos irmãos, então tem lugar a destruição, o coração fica ressequido… “Queria pedir, por favor, a quantos ocupam cargos de responsabilidade em âmbito económico, político ou social, a todos os homens e mulheres de boa vontade: sejamos «guardiões» da criação, do desígnio de Deus inscrito na natureza, guardiões do outro, do ambiente; não deixemos que sinais de destruição e morte acompanhem o caminho deste nosso mundo! Mas, para «guardar», devemos também cuidar de nós mesmos. Lembremo-nos de que o ódio, a inveja, o orgulho sujam a vida; então guardar quer dizer vigiar sobre os nossos sentimentos, o nosso coração, porque é dele que saem as boas intenções e as más: aquelas que edificam e as que destroem. Não devemos ter medo de bondade, ou mesmo de ternura.”   Papa Francisco insistiu: “cuidar, guardar requer bondade, requer ser praticado com ternura” São José é homem forte, corajoso, trabalhador, mas, no íntimo, sobressai uma grande ternura, que não é a virtude dos fracos, antes pelo contrário denota fortaleza de ânimo e capacidade de solicitude, de compaixão, de verdadeira abertura ao outro, de amor. Não devemos ter medo da bondade, da ternura! Neste contexto, o Papa fez uma referência – a única – ao “início do ministério do novo Bispo de Roma, Sucessor de Pedro”, que – reconheceu – “inclui também um poder… Jesus deu um poder a Pedro, mas de que poder se trata?”  “Não esqueçamos jamais que o verdadeiro poder é o serviço, e que o próprio Papa, para exercer o poder, deve entrar sempre mais naquele serviço que tem o seu vértice luminoso na Cruz; deve olhar para o serviço humilde, concreto, rico de fé, de São José e, como ele, abrir os braços para guardar todo o Povo de Deus e acolher, com afecto e ternura, a humanidade inteira, especialmente os mais pobres, os mais fracos, os mais pequeninos, aqueles que Mateus descreve no Juízo final sobre a caridade: quem tem fome, sede, é estrangeiro, está nu, doente, na prisão (cf. Mt 25, 31-46). Só quem serve com amor é capaz de proteger.” A concluir. Papa Francisco referiu ainda a segunda Leitura, em que São Paulo fala de Abraão, que acreditou «com uma esperança, para além do que se podia esperar». Hoje, em dia, perante tantas nuvens escuras, há muita necessidade de esperança! “Guardar a criação, cada homem e cada mulher, com um olhar de ternura e amor, é abrir o horizonte da esperança, é abrir um rasgo de luz no meio de tantas nuvens, é levar o calor da esperança!”  “Guardar Jesus com Maria, guardar a criação inteira, guardar toda a pessoa, especialmente a mais pobre, guardarmo-nos a nós mesmos: eis um serviço que o Bispo de Roma está chamado a cumprir, mas para o qual todos nós estamos chamados, fazendo resplandecer a estrela da esperança: Guardemos com amor aquilo que Deus nos deu!Peço a intercessão da Virgem Maria, de São José, de São Pedro e São Paulo, de São Francisco, para que o Espírito Santo acompanhe o meu ministério, e, a todos vós, digo: rezai por mim! Amém!”
Publicado em Igreja
No Brasil, a maioria das fundações privadas e associações sem fins lucrativos é religiosa. Em seguida, aparecem entidades voltadas à defesa de direitos e interesses do cidadão, como mostra o Perfil das Fundações Privadas e Associações sem Fins Lucrativos em 2010  divulgado ontem, 05 de dezembro, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA).   As entidades religiosas sediadas no Brasil passavam de 82 mil em 2010 ou 28,5% do total. Os números são ainda maiores, segundo a pesquisa, pelo fato de muitas instituições assistenciais, educacionais e de saúde de origem religiosa não estarem classificadas como tal.   Entre as instituições que trabalham na defesa dos direitos humanos (42,4 mil em 2010), a maioria era formada por centros e associações comunitárias (20 mil), seguida de associações de moradores (13 mil), de entidades de defesa de direitos de grupos e minorias (5 mil), de desenvolvimento rural (1,5 mil), emprego e treinamento (500) e outras instituições (2,1 mil).   Mais da metade das instituições religiosas (57,4%) está situada na região Sudeste. As entidades de defesa de direitos estão em maior número no Nordeste (37,7%), que concentra quase a metade dos centros e associações comunitárias (45,3%), subgrupo das fundações e associações voltadas a atender o cidadão.   Das entidades criadas na última década (118 mil), 27% eram religiosas (32 mil). Já as entidades mais duradouras, de acordo com o estudo, eram as da área da saúde, sobretudo, hospitais, pois mais da metade deles (53%) foi criada em 1980. Junto com o subgrupo outros serviços de saúde, os hospitais privados e sem fins lucrativos representavam mais da metade das entidades do setor de saúde (64,6%) e absorvem 16,6% dos profissionais da área.   ANEC
Publicado em Nacionais
A Arquidiocese de São Paulo realiza a partir desta sexta-feira, 30 de novembro, até o próximo dia 2 de dezembro, na Faculdade Paulus de Comunicação (FAPCOM), uma edição local do Seminário de Jovens Comunicadores (promovido nacionalmente pela CNBB no início deste ano, em Brasília). O evento, no contexto de preparação para a Jornada Mundial da Juventude Rio 2013, contará com a assessoria do padre italiano Antonio Spadaro (assessor do Pontifício Conselho para as Comunicações Sociais, da Cúria Romana, e editor responsável pela revista “La Civiltà Cattolica”).   Com o tema “Nova Evangelização em tempos de rede”, o seminário pretende colaborar na reflexão sobre os desafios e potencialidades das novas tecnologias de informação na transmissão da fé cristã católica.   Além das palestras do padre Spadaro, os jovens participarão de um debate com ‘personalidades’ de redes sociais e, no domingo, 02 de dezembro, após o almoço de encerramento, terão oportunidade de fazer um momento de convivência no Parque do Ibirapuera, com visita à exposição “Esplendores do Vaticano”. A participação no encontro deve ser solicitada por meio de inscrição e custa R$ 50 (cinquenta reais).   Ainda no domingo, o cardeal dom Odilo Pedro Scherer, arcebispo de São Paulo, preside celebração Eucarística de encerramento do seminário e terá oportunidade de compartilhar com os jovens as experiências vividas por ele durante o Sínodo dos Bispos sobre Nova Evangelização.   Jovens Conectados
Publicado em Nacionais
  Na vida de Dom Bosco, desde o seu nascimento até a materialização de seus sonhos, nenhum biógrafo, nenhum registro histórico, pode abrir mão da significativa presença de Margarida Occhiena, sua mãe, cuja memória celebramos em 25 de novembro.   A presença marcante de Margarida Occhiena foi definitiva para que Dom Bosco, nas bases de seu projeto, colocasse como pilares de sustentação a familiaridade, o “espírito de família” e a busca pela santidade. O exemplo de amor, aceitação, confiança e apoio de Mamãe Margarida demonstravam a importância dos princípios evangélicos e da família na formação de novas pessoas, de “bons cristãos e honestos cidadãos”. Tendo ficado viúva, após cinco anos de vida em comum com Francisco Bosco, viu-se obrigada, completamente só, a assumir uma tarefa de grandes desafios e obstáculos: a administração de uma família com quatro membros.  
Publicado em Salesianidade
Terminou neste domingo, 14 de outubro, o 2º Encontro Brasileiro de Universitários Cristãos (Ebruc), realizado em Curitiba, no Paraná. O término do Encontro foi marcado com uma missa especial celebrada pelos bispos, Dom Tarcísio Scaramussa, bispo referencial do Setor Universidades da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Dom Moacyr José Vitti, arcebispo de Curitiba  e Dom Francisco Biasin, presidente da Comissão Episcopal Pastoral para o Ecumenismo e o Diálogo Inter-religioso.   Antes da celebração, os participantes do 2º Ebruc assistiram a uma apresentação dos três eixos de atuação do Setor Universidades - formação, comunicação e articulação - e o lançamento oficial do site www.universitarioscristaos.com.br.   Leia mais em CNBB
Publicado em Nacionais
Pelo terceiro ano consecutivo, no dia em que se comemora o dia da Padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida, e também o Dia das Crianças, o Serviço de Animação Vocacional (SAV) da paróquia São Cristóvão promoveu mais uma caminhada vocacional até o Santuário Mariano Schöenstatt, Curitiba, PR. Neste ano estavam presentes, entre os peregrinos, os noviços do Noviciado Salesiano Imaculada Conceição e também quatro tirocinantes, dentre eles, Adriano, Herison Leandro, Jefferson e Loacir, além dos sacerdotes das presenças salesianas de Curitiba - padres Ângelo, Adriano Cemin, Ademir Ricardo e Carison.   Durante o percurso  de aproximadamente 11km, foram realizadas três paradas para momentos de oração e reflexão. Estes momentos foram preparados pelos noviços e tinham como temas: A vocação numa perspectiva bíblica; a vocação de Maria e a vocação na dimensão leiga e missionária.   Participaram da caminhada aproximadamente 90 pessoas, oriundas da paróquia Comunidade Dom Bosco e do Noviciado (Lindóia). Na chegada ao santuário os participantes foram recepcionados pela irmã Inês Maria, que revelou algumas curiosidades sobre a origem do santuário e os trabalhos realizados pela congregação,  que trabalham a educação de uma forma similar aos salesianos, tecendo ainda alguns comentários sobre Dom Bosco e a sua preocupação com a juventude.  A quarta caminhada ocorrerá no dia 12 de outubro de 2013.   Inspetoria Salesiana São Pio X
Publicado em Nacionais
As gêmeas Alessandra e Isabelle Macedo, alunas do 9º ano do Ateneu Salesiano Dom Bosco de Goiânia, GO, e atletas do karatê patrocinadas pela Rede Salesiana de Escolas (RSE), destacaram-se em mais um torneio, o Campeonato Goiano de Karatê, realizado em Goiânia, no último dia 6 de outubro. Alessandra foi campeã individual em kumitê (luta) e Isabelle ficou com o 2º lugar na mesma categoria. As gêmeas também conquistaram o vice-campeonato na categoria kumitê em equipe.   Participaram do evento cerca de 300 atletas, oito na categoria das alunas salesianas. Os próximos desafios de Alessandra e Isabelle serão o Campeonato Brasileiro, em São Paulo, SP, entre os dias 1º e 5 de novembro, e o aguardado Mundial de Karatê, em Sydney, na Austrália, previsto para os dias 19 e 24 de novembro.   RSE Informa
Publicado em Nacionais
Nesta quinta-feira, dia 11 de outubro, o Santo Padre, o papa Bento XVI, presidirá uma celebração eucarística que marcará o início do Ano da Fé e o 50° da abertura do Concílio Vaticano II. Foram convidados para concelebrar a missa os líderes das Igrejas Orientais Católicas e os Presidentes das Conferências Episcopais de todo o mundo, assim como os 69 bispos que participaram do Concílio Vaticano II. Doze deles já confirmaram presença.   Da América Latina, três padres conciliares do Vaticano II concelebrarão com Bento XVI. Dois são brasileiros: o cardeal arcebispo emérito de Belo Horizonte (MG), dom Serafim Fernandes de Araújo; e o bispo emérito de Iguatu (CE), dom José Mauro Ramalho de Alarcón Santiago. Dom José de Jesús Sahagún, bispo emérito de Ciudad Lázaro Cárdenas, em Michoacán, no México, é o terceiro latino-americano.   Também concelebrando com o Papa estará Dom Raymundo Damasceno Assis, cardeal arcebispo de Aparecida, e presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).  No dia seguinte, dia 12 de outubro, Bento XVI celebrará novamente com os padres conciliares no túmulo de São Pedro.   Clique aqui e veja algumas perguntas e respostas sobre o Ano da Fé   Missão Salesiana de Mato Grosso
Publicado em Internacionais
Página 3 de 4
Faleceu em Manaus, AM, no dia 05 de abril, o padre salesiano, Argentino Cescon. O corpo do sacerdote foi sepultado no cemitério São João Batista, em Manaus.   Padre Argentino nasceu no dia 19 de setembro de 1921. Fez a primeira profissão religiosa em agosto de 1945 e a profissão perpétua em junho de 1951, sendo ordenado sacerdote em junho de 1954. Padre Argentino chegou ao Brasil em 1955 e era o salesiano mais ancião da Inspetoria Salesiana do Amazonas.   Padre Argentino costumava repetir para quem perguntava como ele estava: “Hoje, melhor do que ontem!”. Nos últimos anos, quando se despedia de alguém sempre dizia com o sorriso nos lábios: “Se não nos encontrarmos mais, nos veremos no paraíso.   Inspetoria Salesiana do Amazonas  
Publicado em Nacionais
Os fãs da música católica já podem escolher os melhores artistas do ano em oito categorias abertas ao público do Maior Prêmio Nacional da Música Católica, o Troféu Louvemos o Senhor. Nesta 5ª edição do Prêmio, o “Voto Popular” poderá ser realizado até o próximo dia 08 de maio, pelo site www.trofeulouvemos.com.br.   O internauta que acessar o site do Troféu Louvemos o Senhor tem a opção de votar em categorias como: “Melhor Música do Ano”; “DVD do Ano”; “Cantor do Ano”; “Cantora do Ano”; “Guitarrista do Ano”; “Baixista do Ano”; “Baterista do Ano”; “Tecladista do Ano”. Para votar, basta acessar o site e, de acordo com a categoria, selecionar o artista de sua   preferência e emitir o voto. Será permitido apenas um voto por IP (protocolo de internet) em cada categoria  diariamente.   No próximo dia 09 de abril, será divulgada a lista com os nomes dos indicados nas demais categorias, de exclusividade dos jurados do Troféu Louvemos o Senhor.   Neste ano, oprêmio realiza uma Homenagem Póstuma ao grande compositor Waldeci Farias, na categoria de “Mérito Especial – Prêmio Por uma Vida Inteira de Realizações”. Esta categoria valoriza o artista que, durante sua vida, contribuiu de forma criativa artística excepcional no campo da música católica.   Leia mais no portal Jovens Conectados   Relacionada Prêmio da música católica no Brasil abre inscrições
Publicado em Nacionais
“Proteger”, defender, “guardar” bem cada pessoa e toda a criação, com grande respeito, amor e ternura: esta a mensagem central da homilia do Papa Francisco na Missa de início do seu ministério petrino, na manhã de 19 de março, na Praça de São Pedro, na festa de São José, patrono da Igreja universal. “Uma coincidência densa de significado” – observou o Papa, que recordou ser esse o nome do seu “venerado Predecessor”: “acompanhamo-lo com a oração, cheia de estima e reconhecimento”. Toda a homilia se concentrou no modo como são José viveu a sua missão de proteger e defender Jesus. “Com discrição, com humildade, no silêncio, mas com uma presença constante e uma fidelidade total, mesmo quando não consegue entender.” Desde o casamento com Maria até ao episódio de Jesus…no templo de Jerusalém, ele acompanha com solicitude e amor cada momento. Permanece ao lado de Maria… nos momentos serenos como nos momentos difíceis da vida… assim como também na vida quotidiana da casa de Nazaré, na carpintaria onde ensinou o ofício a Jesus… … José a sua vocação de guardião de Maria, de Jesus, da Igreja… numa constante atenção a Deus, aberto aos seus sinais, disponível mais ao projecto d’Ele que ao seu… Nele, queridos amigos, vemos como se responde à vocação de Deus: com disponibilidade e prontidão; mas vemos também qual é o centro da vocação cristã: Cristo. Guardemos Cristo na nossa vida, para guardar os outros, para guardar a criação! – sublinhou o Papa. “Entretanto a vocação de guardião não diz respeito apenas a nós, cristãos, mas tem uma dimensão antecedente, que é simplesmente humana e diz respeito a todos: é a de guardar a criação inteira, a beleza da criação, como se diz no livro de Génesis e nos mostrou São Francisco de Assis: é ter respeito por toda a criatura de Deus e pelo ambiente onde vivemos. É guardar as pessoas, cuidar carinhosamente de todas elas e cada uma, especialmente das crianças, dos idosos, daqueles que são mais frágeis e que muitas vezes estão na periferia do nosso coração.” Proteger e “guardar” como José – advertiu Papa Francisco, é também “viver com sinceridade as amizades, que são um mútuo guardar-se na intimidade, no respeito e no bem. Fundamentalmente tudo está confiado à guarda do homem, e é uma responsabilidade que nos diz respeito a todos. Sede guardiões dos dons de Deus”. Quando o homem falha nesta responsabilidade, quando não cuidamos da criação e dos irmãos, então tem lugar a destruição, o coração fica ressequido… “Queria pedir, por favor, a quantos ocupam cargos de responsabilidade em âmbito económico, político ou social, a todos os homens e mulheres de boa vontade: sejamos «guardiões» da criação, do desígnio de Deus inscrito na natureza, guardiões do outro, do ambiente; não deixemos que sinais de destruição e morte acompanhem o caminho deste nosso mundo! Mas, para «guardar», devemos também cuidar de nós mesmos. Lembremo-nos de que o ódio, a inveja, o orgulho sujam a vida; então guardar quer dizer vigiar sobre os nossos sentimentos, o nosso coração, porque é dele que saem as boas intenções e as más: aquelas que edificam e as que destroem. Não devemos ter medo de bondade, ou mesmo de ternura.”   Papa Francisco insistiu: “cuidar, guardar requer bondade, requer ser praticado com ternura” São José é homem forte, corajoso, trabalhador, mas, no íntimo, sobressai uma grande ternura, que não é a virtude dos fracos, antes pelo contrário denota fortaleza de ânimo e capacidade de solicitude, de compaixão, de verdadeira abertura ao outro, de amor. Não devemos ter medo da bondade, da ternura! Neste contexto, o Papa fez uma referência – a única – ao “início do ministério do novo Bispo de Roma, Sucessor de Pedro”, que – reconheceu – “inclui também um poder… Jesus deu um poder a Pedro, mas de que poder se trata?”  “Não esqueçamos jamais que o verdadeiro poder é o serviço, e que o próprio Papa, para exercer o poder, deve entrar sempre mais naquele serviço que tem o seu vértice luminoso na Cruz; deve olhar para o serviço humilde, concreto, rico de fé, de São José e, como ele, abrir os braços para guardar todo o Povo de Deus e acolher, com afecto e ternura, a humanidade inteira, especialmente os mais pobres, os mais fracos, os mais pequeninos, aqueles que Mateus descreve no Juízo final sobre a caridade: quem tem fome, sede, é estrangeiro, está nu, doente, na prisão (cf. Mt 25, 31-46). Só quem serve com amor é capaz de proteger.” A concluir. Papa Francisco referiu ainda a segunda Leitura, em que São Paulo fala de Abraão, que acreditou «com uma esperança, para além do que se podia esperar». Hoje, em dia, perante tantas nuvens escuras, há muita necessidade de esperança! “Guardar a criação, cada homem e cada mulher, com um olhar de ternura e amor, é abrir o horizonte da esperança, é abrir um rasgo de luz no meio de tantas nuvens, é levar o calor da esperança!”  “Guardar Jesus com Maria, guardar a criação inteira, guardar toda a pessoa, especialmente a mais pobre, guardarmo-nos a nós mesmos: eis um serviço que o Bispo de Roma está chamado a cumprir, mas para o qual todos nós estamos chamados, fazendo resplandecer a estrela da esperança: Guardemos com amor aquilo que Deus nos deu!Peço a intercessão da Virgem Maria, de São José, de São Pedro e São Paulo, de São Francisco, para que o Espírito Santo acompanhe o meu ministério, e, a todos vós, digo: rezai por mim! Amém!”
Publicado em Igreja
No Brasil, a maioria das fundações privadas e associações sem fins lucrativos é religiosa. Em seguida, aparecem entidades voltadas à defesa de direitos e interesses do cidadão, como mostra o Perfil das Fundações Privadas e Associações sem Fins Lucrativos em 2010  divulgado ontem, 05 de dezembro, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA).   As entidades religiosas sediadas no Brasil passavam de 82 mil em 2010 ou 28,5% do total. Os números são ainda maiores, segundo a pesquisa, pelo fato de muitas instituições assistenciais, educacionais e de saúde de origem religiosa não estarem classificadas como tal.   Entre as instituições que trabalham na defesa dos direitos humanos (42,4 mil em 2010), a maioria era formada por centros e associações comunitárias (20 mil), seguida de associações de moradores (13 mil), de entidades de defesa de direitos de grupos e minorias (5 mil), de desenvolvimento rural (1,5 mil), emprego e treinamento (500) e outras instituições (2,1 mil).   Mais da metade das instituições religiosas (57,4%) está situada na região Sudeste. As entidades de defesa de direitos estão em maior número no Nordeste (37,7%), que concentra quase a metade dos centros e associações comunitárias (45,3%), subgrupo das fundações e associações voltadas a atender o cidadão.   Das entidades criadas na última década (118 mil), 27% eram religiosas (32 mil). Já as entidades mais duradouras, de acordo com o estudo, eram as da área da saúde, sobretudo, hospitais, pois mais da metade deles (53%) foi criada em 1980. Junto com o subgrupo outros serviços de saúde, os hospitais privados e sem fins lucrativos representavam mais da metade das entidades do setor de saúde (64,6%) e absorvem 16,6% dos profissionais da área.   ANEC
Publicado em Nacionais
A Arquidiocese de São Paulo realiza a partir desta sexta-feira, 30 de novembro, até o próximo dia 2 de dezembro, na Faculdade Paulus de Comunicação (FAPCOM), uma edição local do Seminário de Jovens Comunicadores (promovido nacionalmente pela CNBB no início deste ano, em Brasília). O evento, no contexto de preparação para a Jornada Mundial da Juventude Rio 2013, contará com a assessoria do padre italiano Antonio Spadaro (assessor do Pontifício Conselho para as Comunicações Sociais, da Cúria Romana, e editor responsável pela revista “La Civiltà Cattolica”).   Com o tema “Nova Evangelização em tempos de rede”, o seminário pretende colaborar na reflexão sobre os desafios e potencialidades das novas tecnologias de informação na transmissão da fé cristã católica.   Além das palestras do padre Spadaro, os jovens participarão de um debate com ‘personalidades’ de redes sociais e, no domingo, 02 de dezembro, após o almoço de encerramento, terão oportunidade de fazer um momento de convivência no Parque do Ibirapuera, com visita à exposição “Esplendores do Vaticano”. A participação no encontro deve ser solicitada por meio de inscrição e custa R$ 50 (cinquenta reais).   Ainda no domingo, o cardeal dom Odilo Pedro Scherer, arcebispo de São Paulo, preside celebração Eucarística de encerramento do seminário e terá oportunidade de compartilhar com os jovens as experiências vividas por ele durante o Sínodo dos Bispos sobre Nova Evangelização.   Jovens Conectados
Publicado em Nacionais
  Na vida de Dom Bosco, desde o seu nascimento até a materialização de seus sonhos, nenhum biógrafo, nenhum registro histórico, pode abrir mão da significativa presença de Margarida Occhiena, sua mãe, cuja memória celebramos em 25 de novembro.   A presença marcante de Margarida Occhiena foi definitiva para que Dom Bosco, nas bases de seu projeto, colocasse como pilares de sustentação a familiaridade, o “espírito de família” e a busca pela santidade. O exemplo de amor, aceitação, confiança e apoio de Mamãe Margarida demonstravam a importância dos princípios evangélicos e da família na formação de novas pessoas, de “bons cristãos e honestos cidadãos”. Tendo ficado viúva, após cinco anos de vida em comum com Francisco Bosco, viu-se obrigada, completamente só, a assumir uma tarefa de grandes desafios e obstáculos: a administração de uma família com quatro membros.  
Publicado em Salesianidade
Terminou neste domingo, 14 de outubro, o 2º Encontro Brasileiro de Universitários Cristãos (Ebruc), realizado em Curitiba, no Paraná. O término do Encontro foi marcado com uma missa especial celebrada pelos bispos, Dom Tarcísio Scaramussa, bispo referencial do Setor Universidades da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Dom Moacyr José Vitti, arcebispo de Curitiba  e Dom Francisco Biasin, presidente da Comissão Episcopal Pastoral para o Ecumenismo e o Diálogo Inter-religioso.   Antes da celebração, os participantes do 2º Ebruc assistiram a uma apresentação dos três eixos de atuação do Setor Universidades - formação, comunicação e articulação - e o lançamento oficial do site www.universitarioscristaos.com.br.   Leia mais em CNBB
Publicado em Nacionais
Pelo terceiro ano consecutivo, no dia em que se comemora o dia da Padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida, e também o Dia das Crianças, o Serviço de Animação Vocacional (SAV) da paróquia São Cristóvão promoveu mais uma caminhada vocacional até o Santuário Mariano Schöenstatt, Curitiba, PR. Neste ano estavam presentes, entre os peregrinos, os noviços do Noviciado Salesiano Imaculada Conceição e também quatro tirocinantes, dentre eles, Adriano, Herison Leandro, Jefferson e Loacir, além dos sacerdotes das presenças salesianas de Curitiba - padres Ângelo, Adriano Cemin, Ademir Ricardo e Carison.   Durante o percurso  de aproximadamente 11km, foram realizadas três paradas para momentos de oração e reflexão. Estes momentos foram preparados pelos noviços e tinham como temas: A vocação numa perspectiva bíblica; a vocação de Maria e a vocação na dimensão leiga e missionária.   Participaram da caminhada aproximadamente 90 pessoas, oriundas da paróquia Comunidade Dom Bosco e do Noviciado (Lindóia). Na chegada ao santuário os participantes foram recepcionados pela irmã Inês Maria, que revelou algumas curiosidades sobre a origem do santuário e os trabalhos realizados pela congregação,  que trabalham a educação de uma forma similar aos salesianos, tecendo ainda alguns comentários sobre Dom Bosco e a sua preocupação com a juventude.  A quarta caminhada ocorrerá no dia 12 de outubro de 2013.   Inspetoria Salesiana São Pio X
Publicado em Nacionais
As gêmeas Alessandra e Isabelle Macedo, alunas do 9º ano do Ateneu Salesiano Dom Bosco de Goiânia, GO, e atletas do karatê patrocinadas pela Rede Salesiana de Escolas (RSE), destacaram-se em mais um torneio, o Campeonato Goiano de Karatê, realizado em Goiânia, no último dia 6 de outubro. Alessandra foi campeã individual em kumitê (luta) e Isabelle ficou com o 2º lugar na mesma categoria. As gêmeas também conquistaram o vice-campeonato na categoria kumitê em equipe.   Participaram do evento cerca de 300 atletas, oito na categoria das alunas salesianas. Os próximos desafios de Alessandra e Isabelle serão o Campeonato Brasileiro, em São Paulo, SP, entre os dias 1º e 5 de novembro, e o aguardado Mundial de Karatê, em Sydney, na Austrália, previsto para os dias 19 e 24 de novembro.   RSE Informa
Publicado em Nacionais
Nesta quinta-feira, dia 11 de outubro, o Santo Padre, o papa Bento XVI, presidirá uma celebração eucarística que marcará o início do Ano da Fé e o 50° da abertura do Concílio Vaticano II. Foram convidados para concelebrar a missa os líderes das Igrejas Orientais Católicas e os Presidentes das Conferências Episcopais de todo o mundo, assim como os 69 bispos que participaram do Concílio Vaticano II. Doze deles já confirmaram presença.   Da América Latina, três padres conciliares do Vaticano II concelebrarão com Bento XVI. Dois são brasileiros: o cardeal arcebispo emérito de Belo Horizonte (MG), dom Serafim Fernandes de Araújo; e o bispo emérito de Iguatu (CE), dom José Mauro Ramalho de Alarcón Santiago. Dom José de Jesús Sahagún, bispo emérito de Ciudad Lázaro Cárdenas, em Michoacán, no México, é o terceiro latino-americano.   Também concelebrando com o Papa estará Dom Raymundo Damasceno Assis, cardeal arcebispo de Aparecida, e presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).  No dia seguinte, dia 12 de outubro, Bento XVI celebrará novamente com os padres conciliares no túmulo de São Pedro.   Clique aqui e veja algumas perguntas e respostas sobre o Ano da Fé   Missão Salesiana de Mato Grosso
Publicado em Internacionais
Página 3 de 4