Terça, 05 Dezembro 2017 15:48

Encerrado o Congresso Internacional Pastoral Juvenil e Família “SYMFAMILY17” Destaque

Escrito por  Info ANS
Classifique este artigo
(0 votos)

“O espírito de família e a missão compartilhada com os leigos devem ser um ponto firme da nossa ação educativa e evangelizadora com os jovens e as famílias”, disse o Reitor-mor dos Salesianos, padre Ángel Fernández Artime, na Eucaristia de encerramento do Congresso Internacional Pastoral Juvenil e Família, concluído no dia 1º de dezembro em Madri, Espanha.

 

Padre Ángel encorajou os 300 participantes – Salesianos e leigos vindos de mais de 70 países – a construírem pontes diante das muitas situações de famílias em dificuldade e realidades de crise, e exortou-os a imaginar novas propostas para integrar o empenho pela família na pastoral juvenil.

 

Com a missa de conclusão e o ato cultural de encerramento terminou oficialmente o congresso iniciado no dia 27 de novembro. A novidade deste encontro foi gerar sinergia entre os Sínodos sobre a Família e o próximo “Sínodo sobre os jovens”.

 

Nos vários dias, insistiu-se muito sobre a necessidade de envolver mais os pais na Pastoral Juvenil, criar iniciativas conjuntas entre os vários grupos da Família Salesiana para dar maior espaço ao empenho familiar e à educação afetiva, e criar redes de apoio para as famílias que passam por momentos de crise.

 

O congresso, que teve um trabalho de preparação de quatro anos, segundo comentou o padre Fabio Attard, conselheiro geral para a Pastoral Juvenil Salesiana, foi um momento importante de reflexão para toda a Congregação, que acolheu os desafios e as orientações dadas pelo Papa Francisco no Sínodo sobre a Família, abriu o campo à ação da missão salesiana e orientará a reflexão futura da Congregação.

 

No último dia do Congresso foi oferecido o tema: “Formação à vocação matrimonial e familiar”, apresentado pelo padre Mario Óscar Llanos, docente da Universidade Pontifícia Salesiana (UPS) de Roma. Trata-se de uma proposta inovadora e interdisciplinar, que reúne matérias como biofísica, pedagogia, psicologia, antropologia, pastoral e teologia para formar “artesãos da acolhida, do discernimento e do acompanhamento”, como explicou Llanos.

 

“Continuem a transmitir esperança, oferecendo aos nossos jovens e às famílias, motivos para esperar”, pediu o Reitor-mor, “mesmo em meio às realidades difíceis que as famílias, às vezes, possam viver”.

 

Clique nos links abaixo para mais informações:

Entrevista com o Reitor-Mor

Vídeo do último dia

Galeria fotográfica

Lido 77 vezes

Deixe um comentário