Quarta, 26 Julho 2017 15:47

Faz mais de 30 anos que o padre irlandês Patrick Naughton, SDB, serve, como missionário, os jovens da África do Sul. É atualmente o ecônomo da casa salesiana da Cidade do Cabo, cuidando ininterruptamente da juventude vulnerável, à qual dedicou sua vida. Os programas escolares administrados pelos Salesianos de Dom Bosco vão de uma formação de base para os jovens com pouco ou nenhum nível de instrução, até programas de capacitação específicos, orientados ao ingresso no mundo do trabalho. Todos os programas buscam reabilitar a dignidade e a autoestima dos alunos, e fornecer-lhes habilitações concretas segundo os respectivos talentos.

 

Segunda, 10 Abril 2017 13:23

Todos os meses, o Reitor-mor escreve um artigo para a Família Salesiana. Neste mês de abril, o tema é a Páscoa e as presenças salesianas no mundo como fontes de vida e de esperança.

Segunda, 10 Abril 2017 13:19

Estamos em abril, mês da Páscoa, da alegria, da vida, da esperança. Certamente todos nós temos um grande desejo na vida: sermos felizes e realizados.

Segunda, 20 Março 2017 17:22

Perto de 10 mil jovens reuniram-se dia 11 de março, para o evento “Flame 2017”, organizado pela Federação de Pastoral Juvenil e pela Conferência Episcopal da Inglaterra e País de Gales. O cardeal salesiano dom Charles Maung Bo, arcebispo de Yangun, Mianmar, foi convidado especial do evento e fez algumas declarações à “Salesian Link”, Secretaria de Comunicação Social, da Inspetoria da Grã-Bretanha.

Sexta, 16 Dezembro 2016 16:56

Se você vive em Aleppo e tem menos de 10 anos, o único cenário de vida de que se pode recordar é o de guerra. Se você for apenas adolescente, a guerra já lhe terá marcado todo o seu passado recente e o presente: e já será suficientemente grande para poder recordar-se, com nostalgia, da paz. Como fazem então os salesianos, que vivem para os jovens, para manter a esperança em tais circunstâncias?

Terça, 02 Agosto 2016 14:19

Durante a JMJ 2016, realizada em Cracóvia, na Polônia, uma jovem síria, que trabalha no Centro Dom Bosco de Aleppo, deu o seu depoimento sobre as consequências da guerra em seu país. “Entre outros que morreram, afirma a jovem ao longo do depoimento, estão os meus amigos, Nour, Antoine, William, e muitos outros garotos e garotas, cuja única culpa é terem ousado crer na humanidade. São todos mártires nesta guerra sangrenta e sem sentido que destruiu as nossas almas, os nossos sonhos e as nossas esperanças. A destruição da vida humana é uma perda infinitamente maior em comparação com a destruição de tijolos e pedras”. Leia abaixo o relato completo da jovem:

Terça, 21 Junho 2016 15:06

Na Índia cerca de 60 milhões de meninos e meninas realizam trabalho infantil, os chamados “trabalhadores ocultos”, que fazem qualquer tipo de trabalho na economia submersa. Apesar de o governo da Índia garantir educação gratuita e obrigatória a todas as crianças, entre 6 e 14 anos, e proibir o seu recrutamento, o problema continua a ser uma das maiores chagas desse país.

Quinta, 31 Março 2016 15:04

O ser humano que vive nesse mundo é vulnerável porque está sujeito a qualquer tipo de acontecimento não controlado pelo ser humano.