Quinta, 13 Setembro 2018 13:03

Passados 25 anos da assinatura do primeiro dos Acordos de Oslo entre Israel e a Organização para a Libertação da Palestina (OLP), que se celebra nesta quinta-feira, 13 de setembro, “o que resta é uma lista de promessas não realizadas, que negou e está negando futuro e direitos a uma geração inteira de jovens palestinos”. É o que denuncia o relatório “Geração Oslo”, difundido pela Oxfam – confederação internacional de ONGs que se dedicam à redução da pobreza global, cuja sede se encontra em Oxford, na Inglaterra.