Quarta, 04 Julho 2018 19:43
Khairollah, jovem refugiado afegão, de 15 anos, impeliu, com a força do seu testemunho, os alunos do Instituto de Ciências Ambientais e do Território de Annecy (ISETA) – Instituto associado à Rede Dom Bosco, na França – a escreverem um livro.