Quinta, 01 Fevereiro 2018 12:38

Amazônia festeja Dom Bosco

Escrito por  Vívian Marler, com colaboração dos correspondentes das obras citadas
Classifique este artigo
(0 votos)
Celebração no Colegio Dom Bosco em Manaus: Jovens receberam a carta com a mensagem do Reitor-Mor Celebração no Colegio Dom Bosco em Manaus: Jovens receberam a carta com a mensagem do Reitor-Mor

A Família Salesiana na Amazônia celebrou, neste 31 de janeiro, São João Bosco (1815-1888) com várias manifestações de alegria e gratidão por seu fundador.

 

Logo cedo, em Ananindeua, PA, o Colégio Nossa Senhora do Carmo realizou uma Celebração Eucarística com os alunos do fundamental 2 e ensino médio, enquanto para os alunos do fundamental I foram apresentadas as narrativas de sonhos.

 

Em Rondônia, o Centro Educativo Dom Bosco de Ji-Paraná realizará os festejos na próxima segunda-feira, quando iniciarão as aulas. Mas na Paróquia Nossa Senhora de Fátima, em Porto Velho, RO, os jovens reuniram-se em uma missa em homenagem ao santo criador da Congregação Salesiana. Em seguida, sem esquecer seus ensinamentos, foram para a prática de um de seus sonhos, o oratório, que em clima de alegria e amizade encerrou os festejos em Porto Velho.

 

No Amazonas, o início das aulas do Colégio Dom Bosco combinou com a data festiva, e os alunos do ensino infantil ao ensino médio participaram de orações por São João Bosco. À noite, foi realizada uma missa solene com a presença da Família Salesiana (FMA/SDB) celebrada pelo inspetor, padre Francisco Alves de Lima, da Inspetoria São Domingos Sávio, e concelebrada por salesianos da Amazônia. Durante a cerimônia, foram celebradas as bodas de Primeira Profissão Religiosa dos salesianos padre Antônio Carlos da Cunha Alves (20 anos), padre Luís da Silva Santos (25 anos), padre José Benedito Araújo de Castro (50 anos), padre Gilberto Theodoro Cucas (60 anos) e padre Moises Marques da Silva (70 anos). Três jovens salesianos, os tirocinantes, S Giovane Lemos Marinho, S Adelson Campos e S Antonio Menezes, renovaram seus votos de profissão religiosa.

 

“Esse ano o Reitor-Mor nos convida a escutar e a discernir o que o Senhor deseja de cada um de nós. Precisamos estar mais próximos dos jovens para escutá-los com o coração” disse o padre inspetor ao entregar a mensagem do Reitor-mor aos jovens.

 

Em Manicoré, AM, a noite iniciou com uma missa dedicada à juventude, e após houve a entrega das premiações da “II edição do Prêmio Evangelhizai", que visa  homenagear e agradecer, no dia 31 de janeiro, a Juventude que presta um serviço de doação e voluntariado à Igreja. "Nosso objetivo antes de tudo é articular a juventude de Manicoré, e o prêmio Evangelhizai foi criado como uma forma de mostrar e divulgar os serviços e movimentos realizados pelos grupos de jovens, sendo também uma forma de parabenizar as pessoas que fazem as atividades em nossa Paróquia", disse o jovem líder João Victor Passos.

 

No Santuário Arquidiocesano São José Operário, durante a tarde, na Colônia de Férias coordenada pelo Centro Juvenil São Domingos Sávio, padre Reginaldo Barbosa contou um pouco da vida de Dom Bosco: “Dom Bosco ajudou jovens a serem felizes, e o objetivo da colônia de férias é fazer com que as crianças vivam este sonho”, disse antes do momento de oração que deu lugar em seguida a brincadeiras através de músicas interativas.

 

À noite, a comunidade e os membros das pastorais reuniram-se em uma celebração eucarística que reuniu crianças, jovens e adolescentes. O pároco, padre João Benedito Cunha, contou sobre a vida de Dom Bosco desde a época em que o oratório acontecia em um cemitério. “Dom Bosco começou o oratório em um cemitério, muito tempo depois que ele conseguiu um lugar, em Turim, para ensinar os jovens, como ensinou aquele menino que chegou ao oratório, Domingos Sávio, que a santidade não consiste em ficar triste, mas consiste em viver na alegria, e esta alegria vem de quem cumpre bem o seu dever, a alegria e o bom humor são sinal de santidade”, disse aos presentes frisando que este seria um dos muitos ensinamentos de Dom Bosco.

 

Na Missão Salesiana de São Gabriel da Cachoeira, a Colônia de Férias, que iniciou no dia dedicado a São Francisco de Sales, encerrou com uma grande festa em homenagem ao Pai e Mestre da Juventude.

 

Lido 620 vezes

Deixe um comentário