Terça, 07 Novembro 2017 17:13

‘Re-pensar’ a Europa: a FS plenamente inserida no diálogo entre Igreja e UE

Escrito por  InfoANS
Classifique este artigo
(0 votos)
‘Re-pensar’ a Europa: a FS plenamente inserida no diálogo entre Igreja e UE Foto: Info ANS

De 27 a 29 de outubro realizou-se no Vaticano um importante Congresso – cujo tema foi “Re-pensar a Europa: contribuições cristãs para o futuro do projeto europeu” – evento dirigido a promover um diálogo de alto nível entre a Igreja e os representantes político-institucionais europeus acerca dos desafios fundamentais que o projeto europeu está enfrentando. O congresso contou com a participação do Papa Francisco; do secretário de Estado Vaticano, cardeal Pietro Parolin; e de muitos outros cardeais e representantes de todas as Conferências Episcopais da União Europeia (UE). A Família Salesiana (FS) participou com cinco membros.

 

Também as instituições da UE estavam representadas, com a presença do presidente e do vice-presidente do Parlamento Europeu, Antonio Tajani e Mairead McGuinness respectivamente; e do vice-presidente da Comissão Europeia, Franz Timmermans.

 

No primeiro dia, estabelecida a moldura do encontro, foram enfrentados três aspectos relevantes do projeto UE: inclusão social, cidadania e economia. O cardeal Juan José Omella e dom Charles Scicluna, respectivamente arcebispos de Barcelona e de Malta, forneceram a visão da Igreja. E, de noite, as atividades se encerraram com uma oração e uma ceia organizada pela Comunidade de Santo Egídio, junto à Igreja de ‘Santa Maria in Trastevere’.

 

Sábado, 28, os 350 participantes se subdividiram em 18 laboratórios, para refletir sobre cinco perguntas: estado atual da UE, expectativas, sonhos, temores e possível contribuição da Igreja Católica ao projeto europeu. Moderaram os laboratórios os embaixadores dos países da UE junto à Santa Sé, entre os quais o ecônomo geral dos Salesianos, Jean Paul Muller. A tarde foi dedicada a um debate plenário, moderado por dom Paul Gallagher, secretário do Vaticano para as Relações com os Estados.

 

O momento mais especial se deu pouco depois, com a audiência particular concedida pelo Papa Francisco aos participantes. Depois de ouvir as falas do cardeal Reinhard Marx, presidente da Comissão das Conferências Episcopais da Comunidade Europeia (COMECE), e do presidente Tajani, o Pontífice apresentou um discurso extremamente rico, no qual mostrou as contribuições, constantemente oferecidas pelo pensamento cristão à Europa, sob muitíssimos pontos de vista: Pessoa e Comunidade; Europa como lugar de diálogo e espaço de inclusão, solidariedade, fonte de desenvolvimento, promessa de paz e, enfim, ‘alma’ do Continente.

Fonte: Info ANS

Lido 136 vezes

Deixe um comentário