Quarta, 11 Outubro 2017 15:05

Projeto do Auxiliadora Petrolina desvenda riquezas do sertão

Escrito por  Thirza Santos – Colégio N. Sra. Auxiliadora
Classifique este artigo
(1 Voto)
Projeto do Auxiliadora Petrolina desvenda riquezas do sertão Divulgação

Apresentar o sertão como uma terra de solo fértil e detentora de imensuráveis riquezas naturais e humanas é a proposta do projeto ‘Sou Sertanejo, Sim Senhor’, desenvolvido no Colégio Nossa Senhora Auxiliadora, unidade da RSB-Escolas em Petrolina, com alunos do 1º ano do Ensino Fundamental.

 

Alinhado com o tema da campanha da Fraternidade 2017, o projeto pretende imprimir nas crianças o sentimento de pertencimento e orgulho pelo sertão  e isto está sendo feito desde o  início do ano letivo. Desde lá, a equipe pedagógica das séries tem realizado atividades com  o objetivo de apresentar o bioma caatinga para os alunos, buscar novas maneiras de preservação ambiental, valorizar as manifestações culturais e o homem sertanejo entre outros.

A metodologia está baseada no universo infantil,  através do lúdico as crianças têm uma compreensão da temática numa vivência que conta com apresentações teatrais, rodas de conversa e leitura, brincadeiras, exposição de trabalhos e a confecção do livro para a Noite de Autógrafos.

A apresentação de personalidades vindas do sertão também é uma das etapas do projeto. Nomes como Luiz Gonzaga, Flavio Leandro, Ivete Sangalo, Daniel Alves, Elba Ramalho, Geraldo Azevedo, Maviel Melo, Zé Manoel, Flávio Leandro, entre outros  cantores e compositores sertanejos e expoentes da cultura nordestina, foram temas de atividades desenvolvidas em sala. Na oportunidade os alunos podem interagir com artistas e se conhecer nos seus talentos.

Para a equipe pedagógica que coordena o projeto ‘Sou Sertanejo, Sim Senhor, um dos ganhos de desenvolver atividades neste sentido é estimular nos alunos princípios de uma educação que faça do aluno um ser crítico, reflexivo e que aprenda fazendo, investigando e interagindo com o meio que está inserido.

Lido 760 vezes

Deixe um comentário