O modelo de estudo e meditação é tão antigo quanto o cristianismo e, tal como a mística da fé, vem tocando os corações de seus adeptos desde então. A leitura orante aplicada na educação e evangelização dos jovens lhes desperta encantamento no contato com Deus.

Estima-se que haja mais de 2,5 bilhões de exemplares da Bíblia Sagrada em todo mundo, e mais de 2.500 traduções de suas páginas nos dias de hoje. No mês de setembro, quando se comemora o Mês da Bíblia, o Boletim Salesiano destaca a Lectio Divina, a leitura orante, uma metodologia de leitura deste livro que remonta há mais de 1.000 anos e que continua atual, no desafio de propagar o conhecimento da palavra de Deus.

Padre Edmilson Tadeu Canavarros dos Santos, vice-inspetor da Inspetoria de Campo Grande, MS, observa que os tempos de hoje são mais favoráveis à leitura da Bíblia. “Hoje temos mais pessoas alfabetizadas, além de uma vasta literatura que subsidia a Lectio Divina, quando a metodologia é aplicada. Certamente hoje temos mais pessoas com acesso à Palavra de Deus e com mais capacidade de entendê-la”, analisa.

 

O Sistema Salesiano Cooperador de Comunicação (SSCCOM) entrevistou dom Antonio Carlos Altieri, recém-nomeado arcebispo de Passo Fundo, RS.

O padre salesiano Luiz Alves de Lima foi nomeado membro do Sínodo dos Bispos, que será realizado no Vaticano, em Roma, Itália, durante o mês de outubro. A nomeação é pontifícia, através da Secretaria Geral do Sínodo, que por sua vez fez a comunicação através de contato telefônico da nunciatura apostólica de Brasília.

Os bispos que participam do sínodo são eleitos pelas várias conferências episcopais. Após essa eleição, o Papa elege algumas outras poucas pessoas, bispos ou especialistas na área específica do tema do Sínodo. O padre Lima foi escolhido, na qualidade de consultor e perito, para representar a América Latina na área da catequese e da iniciação cristã, que estão muito ligadas ao tema do sínodo: “A Nova Evangelização para a transmissão da Fé”.

O Sínodo é uma instituição nascida do Concílio Vaticano II e a edição deste ano será a XIII assembleia ordinária. Ultimamente tem sido convocado de quatro em quatro anos, tratando sempre de temas bem específicos e de interesse de toda a Igreja. O tema da XIII Assembleia do Sínodo dos Bispos está em consonância e continuidade com os anteriores, colocando-se dentro do grande quadro da evangelização no mundo de hoje, maior desafio eclesial para os nossos tempos.

Quarta, 15 Agosto 2012 23:53

Em defesa da vida na Rio + 20

Escrito por

 

A Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, realizada nos dias 13 a 22 de junho, na cidade do Rio de Janeiro, não foi um evento factual. A partir do encontro inicia-se um novo processo, no qual a reflexão é a primeira consequência que cada um dos 193 países participantes levou para casa. No que tange à Igreja Católica, ela teve um posicionamento claro em defesa da vida acima dos interesses econômicos e políticos e no sentido de estimular as reflexões referentes à questão ambiental do planeta. Sua participação também foi efetiva na Cúpula dos Povos, evento paralelo à Rio+20 e organizado por entidades da sociedade civil e movimentos sociais de vários países. Nos dois eventos, e em diversos momentos, representantes da Igreja puderam externar suas considerações como caminho para a construção de uma sociedade mais justa e fraterna, que promova o desenvolvimento humano em harmonia com a natureza e com os recursos que nos cercam.

 

Quinta, 26 Abril 2012 01:34

Maria do silêncio e da partilha

Escrito por

Embora os Evangelhos façam poucas citações a Maria, sua presença é importante em todas as fases da vida de Jesus. Para o cristão, Maria é um testemunho do silêncio fecundo e da partilha humana.

 

Pagina 19 de 19