Foi divulgada esta segunda-feira a mensagem do Santo Padre para o 55º Dia Mundial de Oração pelas Vocações a ser celebrado em 22 de abril de 2018, IV Domingo da Páscoa, e que tem por tema “Escutar, discernir, viver a chamada do Senhor”. Confira abaixo a íntegra da mensagem.

 “Um dos objetivos do Sínodo extraordinário para a região pan-amazônica é individualizar novos modos para a evangelização dos povos indígenas dessa extensa Região. (…) Com este Sínodo a Igreja assume um importante papel religioso, político, ético e moral para a defesa da biodiversidade, dos biomas, das florestas, das montanhas, dos lagos, dos seres viventes e das diferenças entre as populações”. É o que afirma o padre Justino Sarmento Rezende, primeiro salesiano indígena ordenado sacerdote, há 23 anos.

 

A Igreja realiza de 12 a 19 de novembro, a Jornada Mundial dos Pobres, com o tema: “Não amemos com palavras, mas com obras”. Trata-se, segundo mensagem do Papa Francisco, publicada dia 17 de junho deste ano, de um convite dirigido a todos, independentemente de sua crença religiosa, para que se abram à partilha com os pobres em todas as formas de solidariedade, como sinal concreto de fraternidade.

 

Quarta, 11 Outubro 2017 18:48

A festa de 300 anos de Aparecida à luz da palavra do Papa

Escrito por

Impossibilitado de participar do jubileu de 300 anos do encontro da imagem de Aparecida, o Papa Francisco dirigiu uma carta aos bispos do Conselho Episcopal Latino-americano e Caribenho, reunido em maio, na qual falou sobre o significado e a importância da mensagem da festa deste 12 de outubro. A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) publicou uma reflexão sobre a carta do Papa, como preparação para viver o dia de Nossa Senhora Aparecida, Padroeira do Brasil. Leia a seguir:

 

Terça, 03 Outubro 2017 15:18

Francisco, um nome ou um projeto de Igreja?

Escrito por

Papa Francisco continua causando muita dor de cabeça, sobretudo nos clérigos, leigos e leigas que se apegaram à lei. Bem diria São Paulo: Ó insensatos filhos da Igreja por que recusais a Francisco? A insensatez de muitos na Igreja chega a doer na alma. Depois da renúncia de Bento XVI, que muitos também não aceitaram, acusando-o de ter descido da cruz, as tempestades contra a barca de Pedro continuaram. Desde a nomeação de Francisco os corações de ultraconservadores palpitam sem cessar.

 

Pagina 1 de 19