Sexta, 23 Fevereiro 2018 15:45

“As vitórias obtidas com a violência são falsas vitórias”, reiterou Francisco ao convocar este dia de jejum e oração pela paz durante o Angelus de 4 de fevereiro.

 

Terça, 30 Janeiro 2018 17:03

Thomas Taban Akot, ex-aluno da obra salesiana de Tonj, Sudão do Sul, formou-se recentemente pela Faculdade de Medicina do Instituto Médico Universitário Inje, de Busan, e foi aprovado no exame de habilitação na Coreia do Sul. Em seu itinerário profissional e humano foi fundamental o encontro com o padre John Lee Tae-Suk (1962-2010), médico e Salesiano coreano.

 

Terça, 14 Março 2017 20:08

“A guerra civil continua. Perpetram-se mortes, estupros, saques, ataques a igrejas e a edifícios. Nosso país jaz em meio a uma pavorosa crise humanitária… O nosso povo luta cotidianamente para sobreviver... Milhões de sul-sudaneses são abalados pela fome e obrigados a fugir ou a achar abrigo nos campos de refugiados”. Estas são apenas algumas passagens dramáticas, com que, sob forma de “Mensagem Pastoral aos fiéis e a todo o povo”, os bispos sul-sudaneses lançaram seu apelo para que se volte a negociar e a buscar soluções para a guerra e para a crise humanitária.

Terça, 06 Dezembro 2016 14:09

O Sudão do Sul é o país mais novo do mundo: proclamou a independência há cinco anos; mas até agora a situação é preocupante. Os perigos rondam os caminhos e as ruas, e o caos reina soberano. O conflito interno destruiu o país e agora os efeitos são mais que evidentes.

Sexta, 19 Agosto 2016 17:57

Morobo, vilarejo com uma missão salesiana, situa-se no centro-sul do Sudão do Sul, nos limites com a República Democrática do Congo (RDC) e também muito perto de Uganda. A população local é pacífica e vive principalmente de agricultura. O município de Morobo, no estado de Yei, era um lugar muito tranquilo e calmo até julho. Mas a retomada do conflito armado na Capital, Juba, teve consequências pesadas também para a região de Morobo, como em muitas outras partes do país. Sua população vive agora na insegurança.

Terça, 26 Julho 2016 14:12

Enquanto algumas organizações pedem às comunidades internacionais uma atuação mais decidida e um contingente militar de paz mais numeroso, continuam na Capital, Juba, e na cidade de Wau os combates. Um salesiano da missão enviou à Agência de Notícias Salesianas (InfoANS) algumas informações sobre a atual situação.

Sexta, 15 Julho 2016 15:58

Milhares de pessoas buscaram, apavoradas, abrigo na Missão Salesiana de Gumbo, a oito quilômetros do centro de Juba, Sudão do Sul, entre domingo e segunda-feira, 10 e 11 de julho, devido à retomada dos confrontos armados. Atualmente a missão acolhe um número enorme de pessoas: entre 5000 a 8.000 por dia, sendo que à noite  uma grande parte volta só para dormir. E precisam de tudo: comida, água, gêneros de primeira necessidade.

Quinta, 14 Julho 2016 15:42

As explosões de violência iniciadas em 7 de julho, na Capital do Sudão do Sul, Juba, terminaram (ou, quem sabe, foram apenas suspensas no dia 11 de julho, com o cessar fogo. A partir de 12 de julho, muitos cidadãos estrangeiros, graças à assistência diplomática dos seus respectivos países, começaram a deixar o país. As estradas estão aparentemente abertas e os veículos começam a se mover novamente pela cidade, que porém, está deserta, com hospitais, escolas, fábricas, negócios… fechados.