Quinta, 26 Outubro 2017 17:03

Moçambique chegou à paz e independência depois de 18 anos de guerra civil. Foi um longo caminho de confronto entre dois exércitos, que em 1992 assinaram o tratado de paz em Roma, desmobilizando ao mesmo tempo cerca de 60.000 jovens sem qualquer perspectiva, sem formação para a vida e, o pior, com uma única formação: para a guerra.

 

Segunda, 12 Setembro 2016 17:30

A empresa automobilística Ford-Filipinas inaugurou, no dia 7 de setembro, um novo núcleo de formação técnica da sociedade no ‘Centro Educativo e de Formação Técnico-Profissional Dom Bosco” (TVET), de Makati City.

Sexta, 09 Setembro 2016 18:17

A Formação Profissional na Itália está dando uma guinada: o mês de setembro marca o início da experimentação relativa ao assim chamado “sistema dual”, que programa a regulamentação, em todo o país, de um sistema nacional e estruturado da formação profissional, que ladeia o clássico roteiro escolar liceu/universidade. Para favorecer a reflexão sobre o tema,  a 28ª edição do ‘Seminário Europa’ está sendo realizada em Florença, Itália, de 7 a 9 de setembro. A iniciativa é idealizada pelo Centro Italiano Obras Femininas Salesianas – Formação Profissional (CIOFS-FP), em colaboração com a Associação de categoria ‘FORMA’.

Sexta, 26 Agosto 2016 16:35

A organização “Don Bosco International” (DBI) continua o seu trabalho de promoção nas Inspetorias Salesianas da Europa, por meio da sua adesão à Aliança Europeia para a Formação à Aprendizagem, confirmada no último dia 19 de agosto, pelo Comissariado Europeu Thyssen (Emprego e Negócios Sociais) e pelo Setor Social da Comissão Europeia, depois de alguns meses de trabalho sobre o documento de acordo.

Sexta, 01 Abril 2016 18:01

o último andar de um edifício ministerial de Antananarivo, Madagascar, ressoa o barulho das batidas de martelo. É o trabalho dos 29 estudantes do curso de Edilícia do Centro de Formação Profissional (CFP) salesiano “Centre Notre Dame de Clairvaux” (CNDC), de Ivato, Antananarivo, a quem foi confiada a reestruturação de alguns locais.

Quinta, 31 Março 2016 17:21

Dois anos de trabalho, uma rede de contatos com as empresas, um amplo leque de profissões, uma área teste entre Turim e a província de Biella para experimentar políticas e ações concretas em favor do repasse de habilidades entre gerações – esta foi a síntese do projeto “OPEN”, ou seja, “OPportunità tra le gENerazioni” (Oportunidades entre as gerações), promovido pelo Centro Salesiano de Obras Femininas Salesianas para a Formação Profissional (CIOFS-FP), do Piemonte.

Sexta, 03 Agosto 2012 16:40

Durante a seleção anual do Comitê Econômico e do Conselho Ministerial Social (ECOSOC), realizada entre os dias 02 e 09 de julho, na sede das Nações Unidas, em Nova York, EUA, padre Thomas Brennan apresentou a contribuição salesiana para a formação profissional dos jovens na Índia e Itália.

Com o tema " Promoção de capacidades produtivas, do emprego e trabalho decente para erradicar a pobreza no contexto de um crescimento econômico inclusivo, equitativo e sustentável em todos os níveis para alcançar os objetivos do terceiro milênio", o ECOSOC convidou a sociedade civil a participar do debate com intervenções orais e escritas que exijam a atenção dos estados-membros sobre as questões que as Organizações não governamentais (ONGs) individuais propõem.
Os Salesianos de Dom Bosco contribuíram com um discurso escrito e falado sobre o tema do emprego dos jovens, preparado pelo padre salesiano Thomas Brennan, consultor do ECOSOC desde 2007.
No discurso escrito, padre Brennan destacou dois exemplos de programas de treinamento promovidos pelos salesianos para os jovens, especialmente  aqueles economicamente e socialmente desfavorecidos. O primeiro é o "Don Bosco Tech", uma rede de 125 centros de formação profissional espalhados por 25 estados da Índia, a maior ONG envolvida em treinamento no país. Sua meta é proporcionar formação e estágio para dois milhões de jovens ao longo de um período de dez anos. O segundo programa é o Centro Salesiano Obras Nacionais-Professional Training (CNOS-FAP), na Itália, que promove parceria entre centros de formação profissional e empresas privadas como a Fiat, Schneider, Siemens, Bosch. Existem, atualmente, cerca de 25.000 jovens que conseguiram trabalho depois de frequentarem esse curso de formação profissional.
Durante o discurso oral, padre Brennan propôs algumas recomendações, dentre elas,  proporcionar aos jovens as habilidades necessárias para participar de uma "economia verde"; promover a colaboração entre governos, empregadores, sindicatos e instituições de formação, formando jovens em competências empresariais e técnicas,  e  aprovar e fazer cumprir a legislação que prevê um salário mínimo, a saúde e a proteção dos direitos dos jovens trabalhadores, garantindo a sua segurança e a cessação da exploração.