Classifique este artigo
(0 votos)

“Essa querida juventude foi sempre terno objeto de minhas ocupações, dos meus estudos, do meu ministério sacerdotal e da nossa congregação”: assim Dom Bosco sintetizou seu trabalho. Hoje, mais de 100 anos após seu falecimento, seu plano de educação, ação social e evangelização da juventude gera novos frutos a cada dia. Em Belo Horizonte, MG, três obras salesianas são exemplo disso. Em 2013, a Inspetoria São João Bosco (ISJB) celebra oficialmente os 40 anos do Cesam-MG, os 25 anos do Centro Juvenil Dom Bosco e os 25 anos do Programa Dom Bosco. Conheça um pouco mais dessas obras:

Classifique este artigo
(0 votos)

Com assessoria do prof. Felippe Jorge Kopanakis Pacheco, os encontros estão sendo realizados em diversas regiões do país nos meses de agosto a outubro.

 

Com o objetivo de aprimorar a gestão das entidades sociais salesianas, ampliando assim a qualidade dos serviços oferecidos por essas instituições, a Rede Salesiana de Ação Social (RESAS) está promovendo o curso de capacitação “Gestão, Significatividade e Sustentabilidade”. Ministrado pelo prof. ms. Felippe Jorge Kopanakis Pacheco, da Valorimex Consultoria, o curso foi elaborado especificamente para a RESAS, e visa oferecer aos gestores das obras sociais novos instrumentos e metodologias para a organização interna das entidades, bem como para a relação destas com parceiros e financiadores, tendo como foco central a questão da sustentabilidade organizacional.

Classifique este artigo
(0 votos)

 

Buscando promover o protagonismo juvenil, o ISAS ( Instituto Salesiano de Assistência Social), de Curitiba, PR, está articulando a formação e as ações da REJUPE-PR (Rede de adolescentes e jovens pelo esporte seguro e inclusivo), no estado.

Classifique este artigo
(0 votos)

 

A Obra Social São João Bosco (OSSJB ) de Campinas, SP, lança um novo portal na web (www.ossjb.org.br). O site tem um novo conceito em seu layout, e novidades na sua parte funcional.

Classifique este artigo
(0 votos)

 

Acaba de ser lançado o livro “Violência e Direitos Humanos: espaços da educação”, cujo organizador é o professor e coordenador da Cátedra UNESCO de Juventude Educação e Sociedade do Brasil, padre Geraldo Caliman. A publicação é resultado da contribuição de dezenas de pesquisadores, vários deles doutorandos da Universidade Católica de Brasília. O livro, publicado pela editora UNESCO - Liber Livro, analisa duas áreas conceituais: a questão do mal-estar social dos jovens manifestada em expressões de violência; e o lugar da educação entendido como espaço de prevenção.
 

Acontece/ Inspetoria São João Bosco

Pagina 22 de 27