Terça, 25 Julho 2017 14:43

No dia primeiro de julho o Projeto Crescendo Juntos – PCJ abriu suas portas para que os jovens do Regional VI pudessem ter um encontro muito especial com dom Luciano Bergamin, bispo da Diocese de Nova Iguaçu. O Regional VI é composto pelas Paróquias: Jesus Bom Pastor, Nossa Senhora de Fátima, Nossa Senhora Aparecida, São Simão e São Vicente de Paulo, que somam cinquenta comunidades. Dom Luciano fez questão de ouvir cada jovem e dialogar sobre a estrutura apresentada pelas comunidades e-ou paróquias para o fortalecimento do protagonismo juvenil e a promoção da vida dos jovens de maneira geral.

 

Quarta, 10 Maio 2017 16:17

Um dos mais importantes e significativos desafios da educação e da evangelização dos jovens é a experiência da autonomia e do protagonismo. Educar e evangelizar os jovens pela via do protagonismo significa favorecer a eles que sejam os primeiros sujeitos capazes de “pensar, discernir, dar ideias e desenvolver projetos concretos”. Uma dinâmica de educação e evangelização que estimula a tomada de iniciativas e a assunção de responsabilidades por parte dos jovens gera bons frutos.

Quarta, 29 Março 2017 16:48

A aluna do Instituto Maria Auxiliadora (IMA) de Rio do Sul, SC, Laura Romeiro Matthiesen, do 7º ano, e sua mãe, Maricy Ines Matthiesen, juntamente com o Grupo de Escoteiros Mafeking de Rio do Sul, estão desenvolvendo uma campanha solidária em prol dos desabrigados da cidade de São Francisco de Paula, RS, que foi atingida por uma forte tempestade no dia 12 de março.

Terça, 21 Junho 2016 14:22

O Colégio Salesiano Dom Bosco de Porto Alegre, RS, recebeu na quarta-feira, 15 de junho,  quase 500  jovens de mais de 30 escolas católicas da Capital gaúcha e Região Metropolitana. Os adolescentes  participaram do 7 º Encontro de Lideranças Juvenis das Escolas Católicas da Arquidiocese de Porto Alegre.

Quarta, 30 Setembro 2015 13:00

Com os educadores e educandos do Vem-Crê-Ser/CCA Dom Bosco Pinheiros, ligado ao Centro Juvenil Salesiano Dom Bosco do Alto da Lapa, em São Paulo, todos os momentos são aproveitados para o desenvolvimento pessoal e lúdico. Os acontecimentos do dia 25 de setembro traduzem um bom exemplo. As crianças e adolescentes comemoraram os aniversariantes do mês e o tema foi time de futebol. Para a caracterização, cada participante esteve com a camiseta do seu time favorito e, pelo menos neste dia, tornaram-se grandes fenômenos do futebol. Com esse incentivo foi ressaltado aspectos da amizade, da harmonia e do respeito à diversidade.

Quinta, 19 Março 2015 14:25

Vitória Ramos, ex-aluna da Rede Salesiana de Escolas (RSE), é analista de políticas na ONG internacional ActionAID. Nesta entrevista, conheça a inspiradora história desta jovem.

Terça, 15 Janeiro 2013 20:53

 

Em São Paulo, jovens católicos participam dos Conselhos Municipais de Juventude e são protagonistas na construção de propostas para uma sociedade mais justa e fraterna.

 

 

“A juventude é a porção mais delicada e preciosa da sociedade humana”. A frase de Dom Bosco exprime o pensamento salesiano sobre aqueles que passam por essa fase de profundas transformações. De modo geral, enquanto uma pequena parcela da sociedade vê os jovens como o futuro do país, outra os enxerga como alienados, problemas sociais ou a causa deles.

Ao mesmo tempo em que a vulnerabilidade social aponta para a juventude como as maiores fontes de preocupação (violência, desemprego, abandono, baixo desempenho escolar, DST´s, drogas, gravidez sem amparo, entre outras), vislumbra-se uma mudança tendo como atores os próprios jovens. Embora não sejam maioria, muitos desempenham papéis dignos de orgulho, que servem de sementes para um futuro melhor.

 

Quarta, 10 Outubro 2012 15:30

 

Em época de eleições, a reflexão política ganha destaque nas escolas. Na educação salesiana, entretanto, o incentivo à participação do jovem na política vai muito além de exercer o direito ao voto: trata-se de ter uma postura crítica, propositiva e atuante na sociedade.

 

 

No último dia 7 de outubro, cerca de 140 milhões de brasileiros, em 5.568 municípios, participaram do primeiro turno das eleições municipais. Os eleitores tiveram a tarefa de escolher os prefeitos e vereadores que vão representá-los pelos próximos quatro anos, e que deveriam exercer suas funções de administradores públicos e legisladores de forma ética, justa e em nome do bem comum.

Embora o voto seja obrigatório apenas a partir dos 18 anos, quase três milhões de eleitores (2% do total) têm 16 ou 17 anos, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Só no mês de maio de 2012, cerca de 12 mil jovens nessa faixa etária procuraram os cartórios eleitorais no Estado de São Paulo para requerer o título de eleitor. Esses jovens, que foram às urnas pela primeira vez, mesmo sem ter a obrigação disso, representam um novo time de cidadãos que já entendeu a importância do seu papel no contexto político do país.

O interesse dos jovens em fazer parte das eleições revela que é fundamental incentivá-los, desde cedo, a participar de ações que os coloquem como protagonistas na discussão política. O caminho pode ser desde a organização de debates políticos com a participação efetiva dos jovens, até a eleição de representantes de classe e lideranças escolares – uma atividade política que pode ser exercida inclusive por alunos do Ensino Fundamental.